Massive compact halo object

Massive compact halo object
Padrao 2.svg
Tipo

Em física Objeto com halo compacto e grande massa (do inglês: Massive compact halo object, abreviado MACHO) é um termo teórico que designa um corpo astronômico hipotético que emite poucas ondas eletromagnéticas (halo compacto), referindo-se a matéria escura, assim como as "Partículas massivas de interação fraca" (do inglês WIMP).[1][2]

CaracterísticasEditar

MACHOs são teóricamente grandes corpos celestes que emitem poucas ondas eletromagnéticas, como estrelas de nêutrons, ou mesmo nenhuma, como buracos negros.

HistóriaEditar

Enquanto físicos das partículas geralmente aceitam WIMPs como a melhor explicação para a matéria escura, os astrofísicos tendem a aceitar estelar dos MACHOs. Os MACHOs já foram o modelo mais largamente aceito, mas poucos foram encontrados. Desse modo, WIMPs são um modelo mais aceito atualmente - embora nenhum ainda tenha sido observado[carece de fontes?].

Limitações da teoriaEditar

Mesmo se considerando WIMPs e MACHOs responsáveis pela matéria escura, dois terços da matéria do universo não "teria explicação".[3] Essa parcela da matéria não observável (exceto pela interação gravitacional) é, por vezes, chamada de DUNNOS (Dark Unknown Nonreflective Nondetectable Objects Somewhere, ou Objetos Escuros Não-reflexivos Não-detectáveis Algures)[4][carece de fontes?].

BibliografiaEditar

  • BRYSON, Bill. Breve história de quase tudo. (Companhia das Letras, 2005), ISBN 85-359-0724-6. Pag 180.

Ver tambémEditar

Referências

  1. WIMP em inglês significa o contrário de macho - isto é, fracote
  2. C. Alcock et al., The MACHO Project: Microlensing Results from 5.7 Years of LMC Observations. Astrophys.J. 542 (2000) 281-307
  3. The Economist, "Dark for dark business", 5 de janeiro de 2002, p.51
  4. Dunno é uma gíria em inglês, abreviação de "Don't Know", que significa algo como "Sei lá!"
  Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.