Abrir menu principal

Wikipédia β

Matheus & Kauan

Dupla de cantores
Matheus & Kauan
Informação geral
Nascimento Matheus:
04 de outubro de 1994 (23 anos)
Kauan:
07 de dezembro de 1988 (29 anos)
Origem Itapuranga  Goiás
País  Brasil
Gênero(s) Pop universitário
Período em atividade 2010 - presente
Gravadora(s) Universal Music Group
Afiliação(ões) Michel Teló, Jorge & Mateus, Cristiano Araújo,Luan Santana, Humberto & Ronaldo, Gusttavo Lima, Guilherme & Santiago, João Neto & Frederico, Anavitória
Integrantes Matheus Aleixo Pinto
(Matheus)
Kauan Osvaldo Pinto Rosa
(Kauan)
Página oficial www.matheusekauan.com.br

Matheus & Kauan é uma dupla de cantores de música pop brasileira formada pelos irmãos Matheus Aleixo Pinto (4 de outubro de 1994) e Kauan Osvaldo Pinto Rosa (7 de dezembro de 1988), ambos nascidos em Itapuranga no estado de Goiás.[1]

Os irmãos estão na estrada desde 2010 e fizeram parte da nova musica sertaneja, atualmente sao cantores pop, com diversos ritmos ao seu repertório. Alcançaram sucesso em 2015, com o hit "Que Sorte a Nossa", alcançando mais de 180 milhões de acessos na internet e ganhando espaço entre uma das mais tocadas nas rádios de todo Brasil.[2]

Contam com quatro álbuns lançados, sendo: Mundo Paralelo, Face a Face, Na Praia e Na Praia 2, este último gravado em Setembro de 2016 no Sheraton Rio Hotel & Resort, no Rio de Janeiro.

Índice

HistóriaEditar

A história da música na vida da dupla Matheus e Kauan começou oficialmente em 2010, quando foram apresentados no palco principal do Festival Caldas Country tocando músicas autorais e o tema da festa composto pela dupla especialmente para o evento.

Os irmãos nascidos na cidade de Itapuranga, interior de Goiás, conheceram o gosto de cantar muito cedo. Kauan o primogênito da família, com apenas cinco anos, chamava a atenção e emocionava a todos na igreja que frequentava, quando cantava junto com seu pai a canção “Soldado Ferido”.

Com esse dom para cantar sua mãe – Sirlene Aleixo- decidiu levá-lo para participar de festivais de música na cidade e na região. Passavam os anos, e o resultado dos festivais sempre era o primeiro lugar para orgulho da família. Matheus era apenas um bebê de três anos, mas já observava o irmão cantando em casa o tempo todo.

Nessa época o pai da dupla veio a falecer, abalando a estrutura familiar, mas os unindo ainda mais para o sonho da música prevalecer. Foi quando a mãe decidiu juntar suas economias para o filho Kauan, na época com 10 anos, gravar um CD com quatro faixas só de músicas sertanejas.

Kauan conta que até os 15 anos já havia gravado dois discos solo, mas queria ter uma dupla sertaneja. Tentou algumas parcerias que acabaram não dando certo, foi a partir daí que decidiu aos 18 anos mudar-se para os Estados Unidos, onde morou por um ano. Lá também surgiu a oportunidade de formar mais uma dupla em sua carreira, mas a saudade dos irmãos e da mãe o fez voltar, foi quando ao chegar no Brasil deparou-se com seu irmão de 13 anos, Matheus, cantando e compondo belíssimas canções.

A partir desse momento Kauan começa a perceber o que era óbvio e que sempre foi alertado pelo tio Vicente Aleixo: “a dupla está dentro de casa”.  Porém com a pouca idade de Matheus, a realização do sonho só aconteceu dois anos depois. Em 2010 a dupla Matheus e Kauan estava oficialmente formada com o apoio familiar gerado pelo elo de amor e a união, entre dois irmãos com a mesma vontade de cantar e encantar superando as dificuldades da vida e decidiram que seguiriam a carreira juntos.

Para colocar o projeto em pratica a mãe vendeu o carro e a dupla grava seu primeiro CD de apresentação que acabou rendendo a eles a contratação pelo escritório AudioMix.[3]

Apesar de muito jovens, a dupla também é conhecida no cenário musical por conta do seu repertório de sucessos que já foram gravados por grandes artistas. A lista inclui Jorge e Mateus, parceiros de escritório que  gravaram "Na Hora que Você Chamar"; "Coisas de Quem Ama" e "Vai Entender". Luan Santana escolheu sete músicas de Matheus para seu repertório, incluindo "Tudo que Você Quiser" que o premiou como a música do ano em 2014 no Prêmio Multishow. Michel Teló com "Se Tudo Fosse Fácil", Cristiano Araújo com "Mente Pra Mim", Gusttavo Lima com "Eu Vou Tentando Te Agarrar" e Bruno e Marrone com “Tiro e Queda”, também estão na lista de artistas que gravaram os hits. Além de João Neto e Frederico que gravaram 10 músicas da dupla.

Em 2013, lançaram o primeiro álbum ao vivo Mundo Paralelo - Ao Vivo, cujo o show foi gravado no Centro Cultural Oscar Niemeyer em Goiânia (GO) no dia 20 de março de 2013. O álbum contou com as participações de Jorge & Mateus, Michel Teló, Luan Santana e Humberto & Ronaldo.

Em 2015, lançaram o segundo álbum ao vivo intitulado Face a Face pela Universal Music. O show foi gravado no Villa Mix Brasília (DF) no dia 22 de novembro de 2014. O repertório do show foi composto por 24 músicas, sendo 17 inéditas. O restante é regravações de sucessos de outros trabalhos e de outros nomes da música sertaneja. O novo DVD tem direção e produção musical de Eduardo Pepato e direção de vídeo de Anselmo Troncoso.[4] Nesse trabalho, as canções que obtiveram sucesso foram "Ser Humano Ou Anjo", "Que Sorte a Nossa" e "A Rosa e o Beija-Flor".

A grande novidade do projeto ficou por conta da participação da Orquestra Sinfônica Villa Lobos, sob a regência do maestro Adriano Machado – que fez importantes acompanhamentos musicais para artistas como Zezé di Camargo & Luciano, Jorge & Mateus, Bruno & Marrone, Hebe Camargo, Roupa Nova, entre outros.[5]

Em 2016, lançaram o terceiro álbum ao vivo intitulado Na Praia. O show de gravação aconteceu numa praia artificial no lago Paranoá em Brasília (DF) no dia 25 de agosto de 2015, com a produção musical do maestro Pinocchio e a direção de vídeo do diretor Anselmo Troncoso.[6] O repertório é composto por regravações de sucessos e músicas inéditas, entre elas o primeiro single "O Nosso Santo Bateu", uma mistura de sertanejo e reggae que está entre as mais tocadas do Brasil e já está com mais de 100 milhões de acessos na internet. A ideia do projeto “Ao Vivo Na Praia“, segundo Matheus, é propor algo diferente, voltado especificamente para as temporadas de praia.[7] O trabalho teve direito a quiosques, areia branquinha, guarda-sol, lanchas, jet-ski e espreguiçadeira.[8] Esse mesmo álbum foi certificado com disco de platina pela ABPD, rendendo cerca de 250.000 cópias vendas.

No mesmo ano, a dupla Matheus & Kauan declarou em sua página do Facebook que, em breve, gravaria um segundo volume do festejado DVD Na Praia. No dia 28 de agosto, eles anunciaram que o projeto acontecerá no dia 25 de setembro, no Sheraton Rio Hotel & Resort, no Rio de Janeiro, mas por conta da previsão de chuva no local, foi antecipado para o dia 24.[9] O horário escolhido para a gravação não é tradicional. Os rapazes contaram que a ideia é aproveitar a vista e registrar o pôr do sol na Cidade Maravilhosa, por isso o registro foi marcado para as 15h. O evento foi fechado para convidados e fãs. Já o repertório será composto por 15 inéditas e quatro regravações.[10]

Neste DVD, a autoria de 70% das canções ficaram sob a responsabilidade de Matheus, que contou com parceiros como Kauan. E os resultados dessas parcerias prometem virar os novos hits da dupla. Kauan revelou que está ansioso para o DVD: “no ano passado, a gravação já teve uma energia de verão com a galera de Brasília e região. Agora, no Rio de Janeiro, tenho certeza que vamos receber mais energias positivas de todos os cariocas que estarão com a gente Na Praia 2”.[11]

A direção executiva ficará a cargo de Marcos Aurélio de Araújo. O diretor do DVD será Anselmo Troncoso, que usará o equipamento 4K para a gravação. A produção será de Marlus Marcellus e a produção musical, do maestro Daniel Silveira e Matheus Aleixo."Na Praia 2" conta também com o arquiteto Luís Pedro Scalise, responsável pela construção dos módulos que completam o cenário beira-mar natural no fundo do palco.

TurnêsEditar

  • 2014: Turnê Mundo Paralelo
  • 2015-2016: Turnê Face a Face
  • 2016-atualmente: Turnê Na Praia

DiscografiaEditar

ÁlbunsEditar

SinglesEditar

Como artista principal
Lista de singles, com posições nas paradas selecionadas e certificados
Canção Ano Melhores posições Certificações Álbum
BRA
[12]
"Sete Mares" 2011 Paraquedas
"Mundo Paralelo"
(part. Jorge & Mateus)
2013 Mundo Paralelo - Ao Vivo
"Se Tem Paixão" 76
"Segunda Opção" 2014
"Sou Ciumento Mesmo" 81 Face a Face
"Ser Humano ou Anjo" 57
"Que Sorte a Nossa" 2015 4
"A Rosa e o Beija-Flor" 6
"O Nosso Santo Bateu" 2016 13 Na Praia
"Decide Aí" 5
"Te Assumi Pro Brasil" 8 Na Praia 2
"Nessas Horas" 2017 8
"Deixa Ela Beijar"
(part. MC Kevinho)
85 Não adicionado à nenhum álbum
"Tô com Moral no Céu" 2018 11 Intensamente Hoje!
"Ao Vivo e a Cores"
(part. Anitta)
13
"—" denota títulos que não entraram nas paradas ou não foram lançados no país.
Como artista convidado
Lista de singles, com posições nas paradas selecionadas e certificados
Canção Ano Melhores posições Certificações Álbum
BRA
[14]
"Vai Que Cola"
(Melanina Carioca part. Matheus & Kauan)
2016 Não adicionado à nenhum álbum
"Meu Coração Deu PT"
(Wesley Safadão part. Matheus & Kauan)
16 Em Casa
"Seis Graus Abaixo de Zero"
(Breno & Caio Cesar part. Matheus & Kauan)
46 #JuntosComBCC
"Fica"
(Anavitória part. Matheus & Kauan)
2017 47 Anavitória
"Matéria de Amor"
(Paula Mattos part. Matheus & Kauan)
2018 Não adicionado à nenhum álbum
"—" denota títulos que não entraram nas paradas ou não foram lançados no país.

Singles promocionaisEditar

Canção Ano Álbum
"Face a Face" 2015 Face a Face
"Não Dá Tempo de Sofrer" 2016 Na Praia

Outras apariçõesEditar

Canção Ano Artista Álbum
"Faz Tempo" 2012 João Neto & Frederico Ao Vivo em Palmas
"Frio e Calor" Israel & Rodolffo Marca Evidente
"As Coisas Vem e Vão" 2013 Henrique & Diego Ao Vivo em Campo Grande
"Ninguém Vai Sonhar" 2014 Israel Novaes Ao Vivo em Goiânia
"Nada Mal" 2015 Forró do Israel

Prêmios e indicaçõesEditar

Ano Prêmio Categoria Indicação Resultado
2016 Prêmio Multishow de Música Brasileira[15] Experimente Eles mesmos Indicado
Meus Prêmios Nick[16] Revelação musical Eles mesmos Indicado
Troféu Internet (SBT) Melhor dupla Eles mesmos Indicado

Referências

  1. «Matheus e Kauan a união familiar que deu certo». DM.com.br. 28 de março de 2013. Consultado em 27 de dezembro de 2013. 
  2. «'Que Sorte a Nossa': Matheus e Kauan revelam o segredo do sucesso na Internet». GShow. 9 de janeiro de 2016. Consultado em 29 de agosto de 2016. 
  3. «Matheus e Kauan sobre comparações com Jorge e Mateus: "Temos muita estrada para conseguir chegar um pouco perto"». sertanejo.ig.com.br. 17 de novembro de 2013. Consultado em 27 de dezembro de 2013. 
  4. «Matheus & Kauan gravam DVD em show em Brasília neste sábado». g1.globo.com. 18 de novembro de 2014. Consultado em 31 de agosto de 2016. 
  5. «Matheus e Kauan lançam Face a Face, já disponível na internet». TV Sertanejo. 17 de março de 2015. Consultado em 31 de agosto de 2016. 
  6. «Matheus & Kauan Gravaram ontem seu novo DVD». Sertanejo Top. 31 de agosto de 2015. Consultado em 14 de agosto de 2016. 
  7. «Ao Vivo Na Praia, o novo CD e DVD de Matheus e Kauan. Ouça e Assista Aqui!». Ouvir Sertanejo. 24 de fevereiro de 2016. Consultado em 31 de agosto de 2016. 
  8. «Matheus e Kauan devem gravar DVD "Na Praia 2" no Rio de Janeiro». Som do Fole. 4 de julho de 2016. Consultado em 18 de setembro de 2016. 
  9. «Dupla Matheus e Kauan grava DVD amanhã no Rio de Janeiro». Top Mídia. 23 de setembro de 2016. Consultado em 24 de setembro de 2016. 
  10. «Matheus e Kauan anunciam gravação de 'Na Praia 2'». grnews. 30 de agosto de 2016. Consultado em 18 de setembro de 2016. 
  11. «Matheus e Kauan gravam DVD "Na Praia 2" neste sábado». Difusora 98. Consultado em 24 de setembro de 2016. 
  12. Desempenho de canções no Brasil:
  13. a b c d «Certificados de Matheus & Kauan». Pro-Música Brasil. Consultado em 21 de agosto de 2017. 
  14. Desempenho de canções no Brasil:
  15. «Anitta, Luan Santana e Wesley Safadão lideram indicações para o Prêmio Multishow de Música». JC Online. Consultado em 31 de agosto de 2016. 
  16. «CONFIRA OS INDICADOS AO MEUS PRÊMIOS NICK 2016». Febreteen. Consultado em 5 de setembro de 2016. 

Ligações externasEditar