Abrir menu principal
Matt Lindland
Matt Lindland.jpg
Informações
Nascimento 17 de maio de 1970 (49 anos)
Oregon City, Oregon
Nacionalidade Americano
Outros nomes The Law
Universidade Universidade de Nebraska-Lincoln
Altura 1.83 m
Peso 84 kg
Divisão Peso Médio
Peso Meio Pesado
Peso Pesado
Luta por Portland, Oregon, EUA
Equipe Team Quest[1]
Graduação NCAA Division I em Wrestling
Olimpíadas em Luta greco-romana
    
Faixa Roxa em Jiu Jitsu Brasileiro
2° nas Olimpíadas em Luta greco-romana
Período em
atividade
1997-presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 31
Vitórias 22
Por nocaute 8
Por finalização 7
Por decisão 6
Por desqualificação 1
Derrotas 9
Por nocaute 4
Por finalização 4
Por decisão 1
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog
Medalhista
Competindo por  Estados Unidos
Campeonato Pan-Americano
Ouro Cidade do México 1994 -74kg
Copa do Mundo
Prata 1995 -74kg
Ouro Colorado Springs 1996 -74kg
Campeonato Pan-Americano
Prata San Juan 1997 -76kg
Ouro Santiago de Cali 2000 -76kg
Jogos Pan-Americanos
Ouro Winnipeg 1999 -75kg
Jogos Olímpicos
Prata Sydney 2000 -76kg
Campeonato Mundial
Prata Patras 2001 -85kg

Matt Lindland[2][3] (Oregon City, 01970-05-17 17 de maio de 1970) é um americano lutador de artes marciais mistas, wrestrler Olímpico, narrador, ator, treinador, interpretador e político. Ele tem uma companhia de roupas chamada Dirty Boxer. Nas artes marciais mistas, Lindland competiu primeiramente no Peso Médio do UFC, Strikeforce, Affliction, o IFL, Cage Rage, WFA e BodogFIGHT.[4]

WrestlingEditar

Lindland começou no wrestling com 15 anos no Gladstone High School em Gladstone, Oregon. Em 1991, ele ganhou o título nacional universitário em 158 lbs de wrestling pela Clackamas Community College.[5]

Lindland então foi lutar na Universidade de Nebraska, Division I da NCAA. Ele ganhou o título do Big Eight em 158 lbs em 1993. Seguido desse título, Lindland conseguiu o recorde de 36-0 pela temporada de 1993, entrando no Torneio Nacional, e foi o wrestler n°1 em sua categoria de peso. Ele sofreu uma virada no primeiro round do torneio, e não se classificou. Após sua carreira universitária, Lindland começou a competir em eventos de Freestyle e Luta greco-romana, conseguido sucesso em ambos, mas em última análise decidiu concentrar todos seus esforços na Luta greco-romana.

O ponto mais alto de sua carreira foi quando ele representou os Estados Unidos na Luta greco-romana nas Olimpíadas de Sydney na categoria 69–76 kg, ganhando a medalha de prata, seguido de uma medalha de prata no Campeonato Mundial de 2001 em Patras, Grécia em 85 KG. Sua carreira nas artes marciais mistas começou três anos antes, lutando em eventos como IVC 6, e é notável porque ele continuou a competir no wrestling amador, bem como no MMA após competir nas olimpíadas. Após sua primeira luta no UFC, no UFC 29, Lindland conseguiu garantir uma medalha de prata no campeonato mundial e título nacional em 2001. Lindland ainda estava entre os 10 melhores wrestler em sua categoria de peso até 2004, quando sua carreira no wrestling finalmente acabou, já sendo um veterano com doze lutas no MMA, incluindo uma luta pelo título.

Lindland foi notável por ter garantido sua vaga na equipe Olímpica dos EUA através dos tribunais. Na final das classificatórias Americanas para as Olimpíadas, Lindland perdeu para Keith Sieracki, que Lindland acusou de dar uma rasteira nele (sobre as regras da Greco-Romana, os atletas não são permitidos a usar suas pernas para ataques). Depois de um apelo, um árbitro ordenou a revanche para Lindland e Sieracki, que Lindland venceu por 9-0.[6]

A USOC no entanto manteve Sieracki na equipe, e apelou para os tribunais. Um juiz do distrito federal, então um júri de três juízes da 7ª Corte de Apelações dos EUA, decidiram a favor de Lindland. Um pedido feito pela USOC na Corta Suprema dos EUA foi negada, o que estabeleceu o lugar de Lindland na equipe.[6] Lindland depois viria a receber o apelido de "The Law" (A lei) devido ao fato ocorrido.[7] Após as Olimpíadas Matt retornou a Oregon, onde ele abriu uma revendedora de carros chamada "USA Auto Wholesale".

Artes Marciais MistasEditar

Lindland começou a treinar MMA com Randy Couture, Dan Henderson e outros na Team Quest. Ele venceu quatro lutas na divisão do Peso Médio do Ultimate Fighting Championship antes de ser derrotado por Murilo Bustamante em uma luta pelo título no UFC 37.[8]

A próxima derrota de Lindland veio nas mãos de Falaniko Vitale, que Lindland tentou aplicar um slam, nocauteando a si mesmo no processo. Após sua demissão do UFC, Lindland continuou a ficar no corner de lutadores do UFC como na luta de B.J. Penn contra Georges St. Pierre.[9] Ele também continuou sua carreira profissional no MMA no IFL e BodogFight com cinco vitórias e duas derrotas, com as duas derrotas sendo fora de sua categoria contra o futuro Campeão Meio Pesado do UFC Quinton Jackson[10] e o ex-Campeão Peso Pesado do Pride Fedor Emelianenko. Após sua derrota no World Fighting Alliance para Jackson, Lindland entrou para o International Fight League, que também marcou a estréia de Lindland como treinador da equipe IFL – ele lutou com Jeremy Horn. Lindland venceu por nocaute técnico no começo do segundo round. Ele então derrotou Carlos Newton no IFL Houston aos 1:43 do segundo round por finalização.[11][12] Lindland derrotou Fabio Negao por decisão unânime em 19 de Julho de 2008 no Affliction: Banned em Anaheim, California. No Affliction: Day of Reckoning em 24 de Janeiro de 2009, ele foi derrotado por Vitor Belfort. Lindland é o ex-treinador do Portland Wolfpack no International Fight League.

Existe atualmente um documentário chamado "Fighting Politics" sobre Matt e sua carreira no MMA.[13]

Matt foi finalizado por Mamed Khalidov no KSW 16.

StrikeforceEditar

Em 13 de Abril de 2009, Lindland assinou um contrato de várias lutas com o Strikeforce[14] e fez sua estréia contra Ronaldo Souza no Strikeforce: Evolution em 19 de Dezembro de 2009. Lindland perdeu a luta por finalização no primeiro round.[15][16]

Lindland fez o evento principal do Strikeforce Challengers: Lindland vs. Casey em 21 de Maio de 2010, em sua cidade natal de Portland, Oregon, derrotando Kevin Casey.

Ele enfrentou Robbie Lawler no Strikeforce: Henderson vs. Babalu II em 4 de Dezembro de 2010.[17] Lindland foi nocauteado em cinquenta segundos de luta.[18]

Em adição, ele é um instrutor de "Gerenciamento de MMA"[19] para a escola de carreira desportiva online,[20] Sports Management Worldwide, em Portland, Oregon.

Vida pessoal e aspiração políticaEditar

Matt e sua esposa tem dois filhos, um filho e uma filha.[21] Desde sua aposentadoria no MMA, Matt tem buscado outros esportes como rafting profissional. Com um impressionante 6 vezes Título do Western White Water Series até o momento. Ele é o treinador principal do Time Mundial de Greco-Romana de 2013, bem como treinador da Team Quest. Matt faz seminários ao redor do mundo, bem como discursos em público.

Em 11 de Março de 2008, Lindland entrou como um republicano para concorrer à Câmara dos Deputados em Oregon no Distrito 52. A sede foi realizada anteriormente pelo republicado Patti Smith.[22][23][24] Lindland derrotou o também republicano Phyllis Thiemann na primária em 20 de Maio de 2008, 58 a 42 porcento. Ele avançou a eleição geral e foi derrotado por democrata de Hood River, Oregon Suzanne VanOrman por cerca de 52 porcento a 48 porcento de Lindland.[25]

FilmeEditar

Lindland apareceu no premiado documentário de MMA Fight Life, lançado em 2013. O filme é dirigido por James Z. Feng e produzido pela RiLL Films.[26]

Aparição num programa de TV. Matt Lindland e Ed Herman foram convidados na série de TV "LEVERAGE" em 22 de Julho de 2011. Ele desempenhou um lutador de MMA.

Matt também apareceu no hit de televisão da HBO "Oz", atuando e realizado acrobacias. Ele também foi destaque no blockbuster de Mary Kate e Ashley Olsen "New York Minute" novamente atuando e realizando acrobacias.[27]

TreinandoEditar

Matt fundou o programa de wrestling para as crianças do Nordeste dos EUA e treinou dois dos melhores clubes de wrestling dos EUA; Cobra Wrestling e Peninsula. Nesse mesmo ano, Matt também começou a trabalhar com Chael Sonnen na West Linn High School. Em 1996, Matt se mudou de volta para Lincoln, Nebraska para ganhar o emprego de técnico assistente de wrestling na Universidade de Nebraska, onde ele treinou até 2000. Durante seu mandato em Nebraska, o treinado Matt treinou campeões da NCAA e múltiplos All-Americans. Matt continuou a trabalhar com o Wrestling dos EUA até hoje.

Em 2000, Matt começou a dar treinos de wrestling e MMA no seu ginásio Team Quest em Portland, Oregon. O treinador Matt ainda treina ainda dá treinos de wrestling, kickboxing, MMA e lutas profissionais e amadoras da Team Quest. Em 2013 Matt foi selecionado como treinador de equipe do mundo para a equipe de greco-romana dos EUA.

Matt é voluntário assistente técnico na Alma Mater Clackamas Community College. O programa tem tido uma inversão de marcha sob treinamento do treinador Josh Rhoden e Matt Lindland, alcançando altas colocações no Torneio Nacional do NJCAA nos anos recentes.[28]

Hall da FamaEditar

Em Outubro de 2013 Matt Lindland foi incluído no Hall de Campeões como membro ilustre. Por seus prêmios no wrestling incluindo a conquista da medalha de prata da Olimpíadas de 2000 e medalha de prata no Campeonato Mundial de 2001.[29]

Cartel no MMAEditar

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Derrota 22–9 Mamed Khalidov Finalização Técnica (guilhotina) KSW XVI 21/05/2011 1 1:35   Gdansk
Derrota 22–8 Robbie Lawler KO (socos) Strikeforce: Henderson vs. Babalu II 04/12/2010 1 0:50   St. Louis, Missouri
Vitória 22–7 Kevin Casey TKO (socos) Strikeforce Challengers: Lindland vs. Casey 21/05/2010 3 3:41   Portland, Oregon
Derrota 21–7 Ronaldo Souza Finalização (triângulo de braço) Strikeforce: Evolution 19/12/2009 1 4:18   San Jose, California
Derrota 21–6 Vitor Belfort KO (socos) Affliction: Day of Reckoning 24/01/2009 1 0:37   Anaheim, California
Vitória 21–5 Fabio Nascimento Decisão (unânime) Affliction: Banned 19/07/2008 3 5:00   Anaheim, California
Derrota 20–5 Fedor Emelianenko Finalização (chave de braço) BodogFIGHT: Clash of the Nations 14/04/2007 1 2:58   St. Petersburg Luta no Peso Pesado.
Vitória 20–4 Carlos Newton Finalização (guilhotina) IFL: Houston 02/02/2007 2 1:43   Houston, Texas
Vitória 19–4 Jeremy Horn TKO (socos) IFL: Portland 09/09/2006 2 0:21   Portland, Oregon
Derrota 18–4 Quinton Jackson Decisão (dividida) WFA: King of the Streets 22/07/2006 3 5:00   Los Angeles, California Luta no Meio Pesados.
Vitória 18–3 Mike Van Arsdale Finalização (guilhotina) Raze MMA: Fight Night 29/04/2006 1 3:38   San Diego, California
Vitória 17–3 Fabio Leopoldo Finalização (mata leão) GFC: Gracie vs. Hammer House 03/03/2006 3 3:25   Columbus, Ohio
Vitória 16–3 Antonio Schembri TKO (socos) Cage Rage 14 03/12/2005 3 3:33   Londres
Vitória 15–3 Joe Doerksen Decisão (unânime) UFC 54 20/08/2005 3 5:00   Las Vegas, Nevada
Vitória 14–3 Travis Lutter Finalização (guilhotina) UFC 52 16/04/2005 2 3:32   Las Vegas, Nevada
Vitória 13–3 Landon Showalter Finalização (chave de braço) Sportfight 8: Justice 08/01/2005 1 2:43   Gresham, Oregon
Vitória 12–3 Mark Weir TKO (inter. médica) Cage Rage 9 27/11/2004 1 5:00   Londres
Derrota 11–3 David Terrell KO (socos) UFC 49 21/08/2004 1 0:24   Las Vegas, Nevada
Vitória 11–2 Tony Fryklund Decisão (unânime) ROTR 5: Rumble on the Rock 5 07/05/2004 3 5:00   Honolulu, Hawaii
Vitória 10–2 Falaniko Vitale Finalização (golpes) UFC 45 21/11/2003 3 4:23   Uncasville, Connecticut
Derrota 9–2 Falaniko Vitale KO (slam) UFC 43 06/06/2003 1 1:56   Las Vegas, Nevada
Vitória 9–1 Phil Baroni Decisão (unânime) UFC 41 28/02/2003 3 5:00   Atlantic City, New Jersey
Vitória 8–1 Ivan Salaverry Decisão (unânime) UFC 39 27/09/2002 3 5:00   Uncasville, Connecticut
Derrota 7–1 Murilo Bustamante Finalização (guilhotina) UFC 37 10/05/2002 3 1:33   Bossier City, Louisiana Pelo Cinturão Peso Médio do UFC
Vitória 7–0 Pat Miletich TKO (socos) UFC 36 22/03/2002 1 3:09   Las Vegas, Nevada
Vitória 6–0 Phil Baroni Decisão (majoritária) UFC 34 21/11/2001 3 5:00   Las Vegas, Nevada
Vitória 5–0 Ricardo Almeida DQ (faltas repetidas) UFC 31 04/05/2001 3 4:21   Atlantic City, New Jersey
Vitória 4–0 Yoji Anjo TKO (socos) UFC 29 16/12/2000 1 2:58   Tóquio
Vitória 3–0 Travis Fulton Finalização (estrangulamento) IFC 6: Battle at the Four Bears 20/09/1997 1 22:13   New Town, North Dakota
Vitória 2–0 Mark Waters Finalização (socos) IFC 6: Battle at the Four Bears 20/09/1997 1 2:20   New Town, North Dakota
Vitória 1–0 Karo Davtyan TKO (socos) World Fighting Federation 14/02/1997 1 8:34   Birmingham, Alabama

Referências

  1. «Fight Finder: Matt "The Law" Lindland». Sherdog. 2007. Consultado em 26 de Junho de 2007 
  2. «Cópia arquivada». Consultado em 27 de junho de 2014. Arquivado do original em 3 de novembro de 2013 
  3. «Oregon City martial arts fighter Matt Lindland will headline Strikeforce Challengers show». The Oregonian. 14 de Abril de 2010 
  4. http://www.dirtyboxer.com
  5. «Clackamas CC Wrestling History» 
  6. a b «USOC asks Supreme Court to intervene». Canoe.ca. 2 de Setembro de 2000 
  7. Vogel, Karl (20 de Janeiro de 2007). «Q&A with Matt Lindland». HuskerExtra.com. Lincoln Star Journal. Where did that nickname come from? It’s because I lay down the law in the ring. Actually, it comes from the (Olympic Trials) controversy in 2000. 
  8. http://www.sherdog.com/fighter/Matt-Lindland-276
  9. http://www.ufc.com/fighter/Matt-Lindland
  10. http://portlandtribune.com/component/content/article?id=99897
  11. http://www.sherdog.com/events/IFL-Houston-4667 - IFL Houston Results, Fight Card, News, Videos, Pictures, and more
  12. «Cópia arquivada». Consultado em 27 de junho de 2014. Arquivado do original em 10 de julho de 2011 
  13. Matt Lindlands Documentary
  14. «Lindland Signs With Strikeforce». MMAWeekly.com. 13 de Agosto de 2009 
  15. http://martialarts.about.com/b/2009/12/19/ronaldo-jacare-souza-submits-matt-lindland-at-strikeforce-evolution.htm - Ronaldo Jacare Souza Submits Matt Lindland At Strikeforce: Evolution
  16. Loretta Hunt. «Lindland-Casey Added to May 21 Strikeforce Challengers». Sherdog 
  17. «Strikeforce Taps Lawler vs Lindland (Updated)». MMAWeekly.com. 5 de Outubro de 2010 
  18. «Henderson stops Sobral in one round». SPORTS.ESPN.go. com. 4 de Dezembro de 2010 
  19. «Mixed Martial Arts Management Course». Sports Management Worldwide. Consultado em 26 de Junho de 2010 
  20. «This school's all sports». Portlandtribune.com. Consultado em 26 de Junho de 2010. Arquivado do original em 7 de junho de 2011 
  21. Article about his run at the Olympics
  22. Hathcock, Marcus (13 de Março de 2008). «Two Republicans file for HD52 seat». The Sandy Post 
  23. «Real-Time Reports on Oregon, National, and World News». OregonLive.com. 6 de Maio de 2010 
  24. Matt Lindland Enters Oregon Political Race Arquivado em 13 de março de 2008, no Wayback Machine., from MMAjunkie.com
  25. http://oregonvotes.org/doc/history/nov42008/results/sr.pdf
  26. «Fight Life: MMA Documentary». Consultado em 5 de maio de 2019. Arquivado do original em 30 de julho de 2012 
  27. http://www.imdb.com/name/nm1585940/
  28. «College wrestling: Clackamas, fast becoming a powerhouse, eyes (another) national title». The Oregonian. 15 de Outubro de 2013 
  29. http://theguillotine.com/wp/2013/10/paulson-and-lindland-inducted-into-the-greco-roman-hall-of-champions/