Maximilian Günther

Maximilian Günther (Oberstdorf, 2 de julho de 1997) é um piloto de automóveis alemão que atualmente compete na Fórmula E pela equipe BMW i Andretti Motorsport.[1] Em 2018, ele competiu no Campeonato de Fórmula 2 da FIA pela equipe Arden International.[2]

Maximilian Günther
Nascimento 2 de julho de 1997
Oberstdorf
Cidadania Alemanha
Ocupação piloto, piloto
Página oficial
http://www.maximilian-guenther.com/

CarreiraEditar

Nascido em Oberstdorf, Günther iniciou sua carreira de piloto no cartismo em 2007. Ele permaneceu no kart até 2010. Em 2011, Günther competiu em corridas de monoposto, na Fórmula BMW Talent Cup. Em 2013, Günther competiu no ADAC Formel Masters pela equipe ADAC Berlin-Brandenburg e.V., ele terminou a temporada em segundo. Em 2014, o piloto também terminou em segundo. Em 2015, Günther estreou na Fórmula 3 Europeia com a kfzteile24 Mücke Motorsport.

Fórmula 2Editar

Günther fez sua estreia no Campeonato de Fórmula 2 da FIA em 2018, competindo pela Arden International.[3][4]

Fórmula EEditar

Günther se juntou à equipe Dragon Racing como piloto de teste e reserva, participando do teste de estreia de Marraquexe em 2018 e dos testes de pré-temporada para a quinta temporada. Depois que Jerome d'Ambrosio deixou a equipe para se mudar para a Mahindra Racing,[5] Günther foi promovido a piloto titular para a temporada de 2018–19 e fez sua estreia no ePrix de Daria em dezembro de 2018.[6] Porém, ele foi substituído pelo piloto brasileiro Felipe Nasr nos ePrix de Cidade do México, Hong Kong e Sanya,[7] com Günther retornando ao posto de piloto titular da equipe a partir do ePrix de Roma.[8]

Para a temporada de 2019–20, Günther foi contratado pela equipe BMW i Andretti Motorsport para substituir o piloto português António Félix da Costa.[9][10] Ele permaneceu na equipe para a disputa da temporada de 2020–21.[1]

Referências

  1. a b «BMW i Andretti Motorsport retains Max Guenther for season seven, whilst Alex Sims moves on to new Formula E challenge». FIA Formula E (em inglês). Consultado em 21 de agosto de 2020 
  2. Thukral, Rachit (12 de janeiro de 2018). «Honda protege Fukuzumi to combine Formula 2, Super Formula in 2018». Autosport. Motorsport Network. Consultado em 3 de julho de 2018 
  3. Kalinauckas, Alex (13 de fevereiro de 2018). «Mercedes DTM junior Gunther seals 2018 F2 graduation with Arden». autosport.com. Motorsport Network. Consultado em 3 de julho de 2018. Cópia arquivada em 14 de fevereiro de 2018 
  4. «Maximilian Günther joins F2 with Arden International - Formula 2». www.fiaformula2.com. Consultado em 3 de julho de 2018 
  5. Smith, Topher (16 de outubro de 2018). «Mahindra Racing announces d'Ambrosio and Wehrlein». e-racing.net. Consultado em 13 de novembro de 2018 
  6. Hilda, Noor Amylia (12 de novembro de 2018). «Günther to partner López at Dragon Racing». e-racing.net. Consultado em 13 de novembro de 2018 
  7. «Nasr se junta a Massa, Nelsinho e Di Grassi na temporada 2018/2019 da Fórmula E». Globoesporte.com. 5 de fevereiro de 2019. Consultado em 20 de fevereiro de 2019 
  8. «Após um 19º e dois abandonos de Nasr, Dragon surpreende e mantém Günther para disputa do eP de Paris». Grande Prêmio. 19 de abril de 2019. Consultado em 10 de setembro de 2019 
  9. «BMW confirma Günther e saída de Da Costa para temporada 2019/20 da FE». Grande Prêmio. 9 de setembro de 2019. Consultado em 10 de setembro de 2019 
  10. Smith, Topher (9 de setembro de 2019). «BMW i Andretti signs Günther to replace da Costa». Downforce Radio. Consultado em 10 de setembro de 2019 

Ligações externasEditar