Abrir menu principal

Mecanus (codinome de Samuel "Starr" Saxon), é um personagem fictício dos quadrinhos da Marvel Comics. Ele é um super-vilão especialista em robótica, que usa seus conhecimentos para criar cópias convincentes de seres humanos, inclusive os com super-poderes. Ele transferiu sua mente para um corpo robótico. Foi criado por Stan Lee e Gene Colan em fevereiro de 1969, na revista Daredevil #49 como Senhor do Medo II. Na identidade de Mecanus ele apareceu em Marvel Two-in-One #47. Em histórias mais recentes, ele foi um dos membros da Gangue do Esqueleto, equipe criminosa do Caveira Vermelha.

Índice

Biografia ficcionalEditar

Starr Saxon nasceu em Memphis, Tennessee. Como criminoso profissional, ele usa seus conhecimentos robóticos e de engenharia para construir uma grande variedade de androides e usá-los como "assassinos de aluguel" ou então para obter ganhos para si próprio.

Em sua primeira aventura, Starr Saxon foi contratado por Biggie Benson para matar o Demolidor. Saxon enviou um poderoso andróide para essa missão, que cometeu uma série de crimes em Nova York. O andróide descobriu a identidade secreta do Demolidor e raptou a namorada dele, Karen Page. [1] Depois Saxon decidiu atacar o Demolidor diretamente. Ele assassinou o inimigo do heroi Senhor do Medo e roubou o uniforme e as armas do falecido. Como Senhor do Medo, Saxon desafiou o Demolidor para um duelo público em Nova Iorque. No final, sofreu uma queda de um aparato voador.[2]

Os robôs de Saxon o encontraram agonizando e transferiram seu cérebro e conciência para um computador, capaz de controlar remotamente uma variedade de corpos robóticos. Assumindo o codinome de Mecanus ele foi contratado pela Corporação para combater o Quarteto Fantástico. Seus robôs atacaram o Coisa, que se aliou ao Valete de Copas e juntos conseguiram derrotar o vilão. Foi nessa história que Mecanus se revelou um robô.[3]

Certa vez ele criou uma duplicata de Magneto e asseclas robóticos que simulavam serem "mutantes", as quais chamou de The Demi Men. Foram confrontados pelos X-Men. O Magneto-Robô voltaria a aparecer durante um bom tempo. Curiosamente, o andróide achava ser o verdadeiro vilão até que foi destruído por Sentinelas. Não foi revelado quem contratou Mecanus para construir aquela duplicata de Magneto.

Nos anos de 1980, Mecanus enviou o sofisticado ser robótico Homem-Dragão para atacar o Capitão America [4] e a partir dai começou a aparecer como inimigo recorrente desse heroi e de seus aliados, os Vingadores.

Soube-se então que Mecanus tinha sido contratado para trabalhar com exclusividade para o Caveira Vermelha, servindo como cientista e mecânico e depois membro da Quadrilha do Esqueleto. Em várias ocasiões ele saiu a campo para cumprir missões para seu chefe.

Em uma dessas missões, ele preparou mecanismos da S.H.I.E.L.D. para atacarem o Capitão e Nick Fury.[5] Em outra ocasião, ele ativou um robô Hibernante (antiga criação maligna do Caveira) para tirar da Hidrobase na Ilha dos Vingadores alguns robôs perigosos mantidos ali pelo grupo de super-heróis.[6] Já como membro da Quadrilha do Esqueleto, ele lutou contra os Schutz-Heiligruppe.[7]

Uma parte da consciência de Mecanus foi capturada e escravizada por Tony Stark, o Homem de Ferro. Isso aconteceu quando o heroi ficara sob o controle de Kang, o Conquistador. Mecanus depois disse que recuperou essa parte e a reassimilou.

Os Skull tentaram destruir o Cubo Cósmico e com a ajuda de Mecanus, quase levaram o mundo a um holocausto nuclear. Como membro dos Mestres do Terror enfrentou os Thunderbolts. Numa fase de aparições mais raras, ele enfrentou os jovens herois do grupo dos Novos Guerreiros.[8]

Poderes e equipamentosEditar

Originalmente Starr Saxon era um gênio do crime sem super-poderes. Considerado um dos melhores artífices de robôs do mundo, ele adquiriu vasta experiência em cibernética e biônica.

Após sofrer a queda que quase o matou, sua mente foi colocada dentro de um computador, pelo qual programou um corpo andróide para reconstruir bionicamente seu cérebro danificado, capaz de fazê-lo desenvolver atividades criativas. Seus robôs simulam vários super-poderes, tais como força, resistência, velocidade, estamina, durabilidade, agilidade e reflexos bem superiores a de seres humanos comuns.

Mecanus vive graças a um programa cibernético de consciência artificial, capaz de se reproduzir e reprogramar outros sistemas eletrônicos a distância; ele pode transferir sua consciência de um robo em outro em menos de 1 segundo. Também pode fazer com que seus robôs ajam simultâneamente com um mesmo programa. Seus robôs possuem equipamentos tais como lançadores de explosivos, olhos telescópicos e visão infravermelha.

CuriosidadesEditar

 
Se(c)ções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.

Barry Windsor-Smith que foi o artista da revista Demolidor #50, afirmou que havia a proposta de mostrar Saxon como homossexual. [9]. Outras revistas teriam explorado esse aspecto do personagem mais diretamente, como em Captain America #368 e Iron Man #320.

ReferênciasEditar

  1. Daredevil#49-52
  2. Daredevil #54-55
  3. Marvel Two-in-One #47-48
  4. Captain America #248-249
  5. Captain America #351
  6. Captain America #354
  7. Captain America #390-391
  8. New Warriors (vol.4) #11
  9. Conroy, Mike (2004), 500 Comic Book Villains, ISBN 0764129082, Barron's 

Ligações externasEditar