Medalha Militar (Brasil)

A Medalha Militar é uma condecoração honorífica brasileira.

Foi criada pelo Decreto n° 4.238, de 15 de Novembro de 1901,[1] e regulamentada pelo Decreto nº 39.207, de 22 de maio de 1956.[2] Destina-se a recompensar os bons serviços prestados pelos oficiais e praças do Exército, da Marinha e da Força Aérea Brasileira, em serviço ativo. A medalha é concedida a militares que completam decênios de bons serviços prestados às forças armadas, devendo os mesmos satisfazer condições tais como ser considerado merecedor por seu Comandante, Chefe ou Diretor e não ter sido punido disciplinarmente por transgressão atentatória à honra pessoal, ao pundonor militar ou ao decoro da classe.

Apresentações

editar

A Medalha Militar tem diferentes apresentações, variando com o tempo de serviço computável do militar agraciado. As variações são as seguintes:

  • Medalha Militar de Platina com passador de platina (tempo computável: 50 anos)
  • Medalha Militar de Ouro com passador de platina (tempo computável: 40 anos)
  • Medalha Militar de Ouro com passador de ouro (tempo computável: 30 anos)
  • Medalha Militar de Prata com passador de prata (tempo computável: 20 anos)
  • Medalha Militar de Bronze com passador de bronze (tempo computável: 10 anos)

Referências

  1. «D4238». www.planalto.gov.br. Consultado em 30 de julho de 2023 
  2. «DECRETO No 39.207, DE 22 DE MAIO DE 1956.». Consultado em 30 de julho de 2023 

Ligações externas

editar
  Este artigo sobre uma condecoração, medalha ou ordem é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.