Abrir menu principal
Messier 84
M84
Crédito: NOAO.
Dados observacionais (J2000)
Constelação Virgo
Tipo E1[1]
Asc. reta 12h 25m 03,7s[1]
Declinação +12° 53′ 13″[1]
Distância 60 ± 3 milhões de anos-luz (18,4 ± 0,9 Mpc)[2]
Redshift 1060 ± 6 km/s[1]
Magnit. apar. 10,1[1]
Dimensões 6′.5 × 5′.6[1]
Outras denominações
NGC 4374, UGC 7494, PGC 40455, VCC 763.[1]
Mapa
Messier 84
Virgo constellation map.png

Messier 84 (também conhecido como M84 ou NGC 4374) é uma galáxia lenticular na constelação de Virgo. Foi descoberta por Charles Messier em 18 de março de 1781.[3] Está situada no denso Aglomerado de Virgem.[4]

Índice

Descoberta e visualizaçãoEditar

A galáxia lenticular foi originalmente descoberta pelo astrônomo francês Charles Messier, que descobriu e catalogou 7 outros objetos na mesma noite, seis galáxias pertencentes ao aglomerado de Virgem e um aglomerado globular, Messier 92.[5]

CaracterísticasEditar

É uma galáxia lenticular ou elíptica gigante e é um dos membros mais brilhantes do aglomerado de Virgem. Está situada na região central, super povoada por galáxias, do aglomerado. Historicamente, foi classificada como uma galáxia elíptica, mas há evidências que se trate de uma galáxia lenticular, contituída principalmente de estrelas amarelas velhas. Contém mais de 1000 aglomerados globulares, entretanto esse número é muito menor do que o encontrado em Messier 87, que marca o centro do aglomerado de Virgem.[5]

A galáxia ejeta dois pequenos jatos que podem ser vistos em rádio e contém um objeto supermaciço em seu núcleo galáctico, com massa 300 milhões de vezes a massa solar, concentrada a menos de 26 anos-luz do seu centro. Como membro do aglomerado de Virgem, situa-se a uma distância de 60 milhões de anos-luz em relação à Terra. Seu diâmetro aparente de 5 minutos de grau correspondem a um diâmetro real de 87 000 anos-luz. Sua magnitude aparente é 9,1.[5]

Foi descoberta até o momento três supernovas: a SN 1957B, descoberta por G. Romano em 18 de maio de 1957, alcançando a magnitude aparente máxima 13;[6] SN 1980I, descoberta em 13 de junho de 1980 por M. Rosker, alcançando a magnitude máxima 14;[7] e a SN 1991bg, descoberta em 3 de dezembro de 1991, também alcançando a magnitude máxima 14.[8]

Observações de rádio e imagens do Telescópio Espacial Hubble dois jatos de matéria saindo do centro da galáxia assim como um disco de gás e estrelas, indicando a presença de um buraco negro supermassivo com massa de 1,5 ×109 M.[9]

GaleriaEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c d e f g «NASA/IPAC Extragalactic Database». Results for NGC 4374. Consultado em 14 de novembro de 2006 
  2. J. L. Tonry, A. Dressler, J. P. Blakeslee, E. A. Ajhar, A. B. Fletcher, G. A. Luppino, M. R. Metzger, C. B. Moore (2001). «The SBF Survey of Galaxy Distances. IV. SBF Magnitudes, Colors, and Distances». Astrophysical Journal. 546 (2): 681–693. Bibcode:2001ApJ...546..681T. arXiv:astro-ph/0011223 . doi:10.1086/318301 
  3. K. G. Jones (1991). Messier's Nebulae and Star Clusters 2nd ed. Cambridge: Cambridge University Press. ISBN 0-521-37079-5 
  4. Finoguenov, A.; Jones, C. (2002). «Chandra Observation of Low-Mass X-Ray Binaries in the Elliptical Galaxy M84». Astrophysical Journal. 574 (2): 754–761. Bibcode:2002ApJ...574..754F. arXiv:astro-ph/0204046 . doi:10.1086/340997 
  5. a b c Hartmut Frommert e Christine Kronberg (21 de agosto de 2007). «Messier Object 84» (em inglês). SEDS. Consultado em 29 de maio de 2012 
  6. Götz, W. (1958). «Supernova in NGC 4374 (= M 84)». Astronomische Nachrichten. 284 (3). 141 páginas. Bibcode:1958AN....284..141G. doi:10.1002/asna.19572840308 
  7. Smith, H. A. (1981). «The spectrum of the intergalactic supernova 1980I». Astronomical Journal. 86: 998–1002. Bibcode:1981AJ.....86..998S. doi:10.1086/112975 
  8. Kosai, H.; Kushida, R.; Kato, T.; Filippenko, A.; Newberg, H. (1958). «Supernova 1991bg in NGC 4374». IAU Circ. 5400. 1 páginas. Bibcode:1991IAUC.5400....1K 
  9. Bower, G.A.; et al. (1998). «Kinematics of the Nuclear Ionized Gas in the Radio Galaxy M84 (NGC 4374)». Astrophysical Journal. 492 (1): 111–114. Bibcode:1998ApJ...492L.111B. arXiv:astro-ph/9710264 . doi:10.1086/311109 

Coordenadas:   12h 25m 03.7s, +12° 53′ 13″

     NGC 4372  •  NGC 4373  •  NGC 4374  •  NGC 4375  •  NGC 4376   
  Este artigo sobre uma galáxia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.