Michael Kidd-Gilchrist

basquetebolista estadunidense

Michael Anthony Edward Kidd-Gilchrist (nascido em 26 de setembro de 1993) é um jogador de basquete profissional americano do Dallas Mavericks da National Basketball Association (NBA).[1]

Michael Kidd-Gilchrist
Michael Kidd Gilchrist cropped.jpg
Informações pessoais
Nome completo Michael Anthony Edward Kidd-Gilchrist
Data de nasc. 26 de setembro de 1993 (27 anos)
Local de nasc. Filadélfia, Pensilvânia, Estados Unidos
Altura 6 ft 6 in (1.98 m)
Peso 232 lb (105 kg)
Apelido MKG
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Charlotte Hornets
Número 9
Posição Ala
Clubes de juventude
2011-2012 Estados Unidos Kentucky Wildcats
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2012–2020
2020–Presente
Estados Unidos Charlotte Hornets
Estados Unidos Dallas Mavericks
433 (3.738)
13 (12)

Kidd-Gilchrist jogou basquete universitário na Universidade de Kentucky e foi escolhido pelo Charlotte Bobcats como a segunda escolha geral no Draft da NBA de 2012.

Carreira no ensino médioEditar

 
Kidd-Gilchrist durante um jogo em fevereiro de 2010

Kidd-Gilchrist nasceu na Filadélfia, Pensilvânia, e cresceu em Somerdale, Nova Jersey. Ele foi criado por sua mãe, Cindy Richardson, e seu padrasto, Vincent Richardson, depois que o seu pai morreu antes do seu terceiro aniversário.[2]

Enquanto estudava no St. Patrick High School em Elizabeth, New Jersey (onde jogou com Kyrie Irving), ele foi considerado um dos melhores jogadores de basquete dos Estados Unidos. Ele foi classificado como o 3º melhor jogador pela ESPN.com[3] e pela Rivals.com;[4] enquanto o Scout.com o classificou como o melhor jogador em sua posição.[5]

Em julho de 2010, Gilchrist fez parte da equipe vencedora da medalha de ouro no Campeonato Mundial Sub-17 em Hamburgo, Alemanha.

Carreira universitáriaEditar

Kidd-Gilchrist se comprometeu a cursar a Universidade de Kentucky em 14 de abril de 2010.[6]

No primeiro jogo da temporada de 2011-12 e em sua carreira como jogador de Kentucky, Kidd-Gilchrist foi titular e marcou 15 pontos contra o Marist Red Foxes. Em seu segundo jogo, contra Kansas Jayhawks, Kidd-Gilchrist registrou 12 pontos e 9 rebotes em uma vitória por 75-65 no Madison Square Garden.

Em um clássico contra North Carolina Tar Heels na Rupp Arena, Kidd-Gilchrist liderou Kentucky com 17 pontos e 11 rebotes, dando a ele seu primeiro duplo-duplo como Wildcat. Contra Louisville Cardinals, Kidd-Gilchrist teve sua atuação mais dominante da temporada com 24 pontos e 19 rebotes, suficiente para levar Kentucky a uma vitória por 69-62.

Carreira profissionalEditar

Charlotte Bobcats / Hornets (2012–2020)Editar

Temporada de 2012–13Editar

 
Kidd-Gilchrist enterrando em 2013

Em abril de 2012, Kidd-Gilchrist se declarou para o Draft da NBA de 2012. Em 28 de junho, ele foi selecionado pelo Charlotte Bobcats como a segunda escolha geral.[7] Em 7 de julho de 2012, os Bobcats assinaram com Kidd-Gilchrist em um contrato de novato.[8]

Em 10 de novembro de 2012, em apenas seu quinto jogo da NBA, Kidd-Gilchrist registrou 25 pontos e 12 rebotes na vitória por 101-97 sobre o Dallas Mavericks, marcando a primeira vitória de Charlotte sobre Dallas nos nove anos de história da franquia, encerrando uma seqüência de 16 derrotas consecutivas.[9]

Ele teve um segundo esforço de 25 pontos e 12 rebotes em 19 de dezembro de 2012 contra o Phoenix Suns.[10] Ele se tornou apenas o segundo jogador na história da NBA a ter dois jogos com pelo menos 25 pontos e pelo menos 12 rebotes antes de seu 20º aniversário e se tornou apenas o quarto jogador em 20 anos a registrar dois desses jogos nos primeiros 25 jogos de sua carreira.[11]

Em 14 de maio de 2013, ele foi nomeado para a NBA All-Rookie Second Team.[12]

Temporada de 2013–14Editar

Na temporada de 2013-14, Kidd-Gilchrist perdeu 19 jogos no meio da temporada devido a uma lesão.[13] Ele marcou 16 pontos em três jogos, todas em novembro, e teve 12 rebotes, o recorde da temporada, duas vezes durante a segunda metade da temporada.

Nessa temporada, ele jogou em 62 jogos e teve médias de 7.2 pontos e 5.2 rebotes em 24.2 minutos.[14]

Temporada de 2014-15Editar

Durante a entressafra de 2014, Kidd-Gilchrist trabalhou com o assistente técnico dos Hornets, Mark Price, para ajudar a desenvolver seu arremesso.[15]

A temporada de Kidd-Gilchrist começou devagar, pois ele perdeu 14 dos primeiros 20 jogos de Charlotte devido a lesões nas costelas e nos pés. Durante este período, os Hornets tiveram um recorde de 3–11.

Kidd-Gilchrist brilhou em janeiro, quando teve uma média de 11,4 pontos e 9,4 rebotes abrindo caminho para um time dos Hornets que teve um recorde de 10–4 durante o mês.[16] Mais tarde, ele perdeu um par de jogos logo antes da pausa para o All-Star Game com uma distensão no tendão e ficou de fora dos 11 jogos finais de Charlotte devido a uma torção no tornozelo esquerdo que sofreu contra o Washington Wizards em 27 de março.

Apesar de 55 jogos, o menor número de sua carreira, Kidd-Gilchrist teve uma média de 10,9 pontos e 7,6 rebotes, as melhores de sua carreira.[17]

Temporada de 2015–16Editar

Em 26 de agosto de 2015, Kidd-Gilchrist assinou uma extensão de contrato de US $ 52 milhões por quatro anos com os Hornets.[18][19]

Em 3 de outubro de 2015, ele sofreu uma lesão no ombro direito em um jogo de pré-temporada contra o Orlando Magic.[20] Posteriormente, ele perdeu quatro meses de ação, fazendo sua estreia na temporada em 29 de janeiro de 2016 contra o Portland Trail Blazers.[21]

Em 11 de fevereiro, foi considerado improvável que ele jogasse novamente na temporada devido a outra lesão no ombro direito. Ele foi descartado pelo resto da temporada cinco dias depois.

Temporada de 2016–17Editar

Na abertura da temporada dos Hornets em 26 de outubro de 2016, Kidd-Gilchrist registrou 23 pontos e 14 rebotes na vitória por 107-96 sobre o Milwaukee Bucks.[22] Nessa temporada, Kidd-Gilchrist terminou com 9,2 pontos, acertando 47,7 por cento de arremessos, 7,0 rebotes e 1,4 assistências para acompanhar as melhores marcas de sua carreira em porcentagem de lances livres (78,4 por cento), roubos de bola (1,0) e bloqueios (1,0).[23]

Ele foi um dos apenas 13 jogadores na liga a ser titular de pelo menos 81 jogos, marcando a terceira temporada desse tipo por um jogador dos Hornets desde a conclusão da temporada de 2012–13.[24]

Temporada de 2017–18Editar

Kidd-Gilchrist fez sua estreia na temporada em 25 de outubro de 2017 contra o Denver Nuggets depois de perder os três primeiros jogos por motivos pessoais. Ele foi titular e marcou dois pontos.[25] Em 15 de novembro de 2017, ele marcou 22 pontos, a maior marca da temporada, na derrota por 115-107 para o Cleveland Cavaliers.[26]

Nessa temporada, ele jogou em 74 jogos e teve médias de 9.2 pontos, 4.1 rebotes e 1.0 assistencias em 25.0 minutos.[27]

Temporada de 2018-19Editar

Kidd-Gilchrist perdeu seis jogos em novembro de 2018 devido a uma lesão no tornozelo.[28] Mais tarde, ele perdeu alguns jogos em março de 2019. Kidd-Gilchrist saiu do banco em 61 de seus 64 jogos na temporada de 2018-19. Posteriormente, ele obteve uma média de 6,7 pontos e 3,8 rebotes em um recorde de 18,4 minutos por jogo.[29]

Temporada de 2019-20Editar

Em junho de 2019, Kidd-Gilchrist foi submetido a um procedimento cirúrgico para tratar uma distensão crônica na virilha e ativou sua opção de renovação de contrato de $ 13 milhões para a temporada de 2019-20.[30] Em 8 de fevereiro de 2020, o Charlotte Hornets anunciou que havia dispensado Kidd-Gilchrist.[31]

Em 8 temporada em Charlotte, ele registrou 3.738 pontos, 2.388 rebotes (5º na história), 511 assistências, 294 roubos de bola e 301 bloqueios (6º na história) em 433 jogos (5º na história).[32]

Dallas MavericksEditar

Ele se juntou ao Dallas Mavericks em 11 de fevereiro de 2020.[33][34] Ele fez sua estreia em 21 de fevereiro de 2020, em uma vitória por 122-106 sobre o Orlando Magic.[35]

Estatísticas na NBAEditar

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

NBAEditar

Temporada RegularEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2012–13 Charlotte 78 77 26.0 .458 .222 .749 5.8 1.5 .7 .9 9.0
2013–14 Charlotte 62 62 24.2 .473 .111 .614 5.2 .8 .7 .6 7.2
2014–15 Charlotte 55 52 28.9 .465 .701 7.6 1.4 .5 .7 10.9
2015–16 Charlotte 7 7 29.3 .541 .429 .690 6.4 1.3 .4 .4 12.7
2016–17 Charlotte 81 81 29.0 .477 .111 .784 7.0 1.4 1.0 1.0 9.2
2017–18 Charlotte 74 74 25.0 .504 .000 .684 4.1 1.0 .7 .4 9.2
2018–19 Charlotte 64 3 18.4 .476 .340 .772 3.8 1.0 .5 .6 6.7
2019–20 Charlotte 12 0 13.3 .340 .294 .778 2.9 .8 .0 .3 4.0
2019–20 Dallas 13 0 9.3 .308 .000 .800 2.5 .3 .2 .2 .9
Carreira 446 356 24.6 .474 .272 .715 5.4 1.2 .7 .7 8.4

PlayoffsEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2014 Charlotte 4 4 22.8 .519 .000 .600 6.5 1.5 .0 .5 8.5
2020 Dallas 6 0 9.2 .286 .222 .667 1.0 .5 .2 .2 2.3
Carreira 10 4 14.6 .439 .200 .625 3.2 .9 .1 .3 4.8

UniversitárioEditar

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2011–12 Kentucky 40 39 31.1 .491 .255 .745 7.4 1.9 1.0 .9 11.9

Fonte:[36]

Vida pessoalEditar

O pai de Gilchrist morreu em 11 de agosto de 1996 em virtude de vários ferimentos à bala. Ele assiste ao filme O Rei Leão uma vez por semana porque o assistia quase todos os dias com seu pai até os três anos de idade. Gilchrist se comprometeu com a Universidade de Kentucky em 14 de abril de 2010, no que seria o 44º aniversário de seu pai.[37]

O pai de Gilchrist jogou ao lado de Milt Wagner em um time campeão estadual em Camden High em 1981. O filho de Wagner, o ex-jogador da NBA, Dajuan Wagner, é primo de Gilchrist.[38]

Em 7 de julho de 2011, Gilchrist anunciou via Twitter que havia mudado legalmente seu sobrenome para Kidd-Gilchrist, a fim de homenagear o outro homem importante em sua vida, seu tio Darrin Kidd. Kidd morreu no dia em que Gilchrist deveria assinar sua carta de intenções para jogar na Universidade de Kentucky.[39]

Kidd-Gilchrist gagueja. Devido a isso, ele desenvolveu uma ansiedade na frente da mídia, embora tenha feito grandes avanços para lidar com isso, bem como com sua gagueira.[40]

Referências

  1. «Official NBA bio of Michael Kidd-Gilchrist». NBA.com (em inglês). Consultado em 28 de setembro de 2020 
  2. NJ.com, Matthew Stanmyre | NJ Advance Media for (28 de junho de 2012). «NBA Draft 2012: St. Patrick grad, Kentucky star Michael Kidd-Gilchrist defines himself with family ties». nj (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  3. «Michael Gilchrist - Basketball Recruiting - Player Profiles - ESPN». ESPN.com. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  4. «Michael Kidd-Gilchrist, 2011 Small forward - Rivals.com». n.rivals.com. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  5. «Michael Kidd-Gilchrist, Charlotte Hornets, Small Forward». 247Sports (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  6. «CatsIllustrated - Knight, Gilchrist highlight Cats one-day haul». kentucky.rivals.com. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  7. «2012 NBA Draft». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  8. «Bobcats Sign MKG | THE OFFICIAL SITE OF THE CHARLOTTE BOBCATS». web.archive.org. 10 de julho de 2012. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  9. «Dallas Mavericks at Charlotte Bobcats Box Score, November 10, 2012». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  10. «Charlotte Bobcats at Phoenix Suns Box Score, December 19, 2012». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  11. «Team Options Exercised on Kidd-Gilchrist and Zeller». Charlotte Hornets (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  12. «Lillard headlines 2012-13 All-Rookie Team | NBA.com». web.archive.org. 20 de março de 2014. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  13. Walker, David B. (9 de maio de 2014). «Season Review: Michael Kidd-Gilchrist». At The Hive (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  14. «Michael Kidd-Gilchrist 2013-14 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  15. «2014-15 Season in Review | Michael Kidd-Gilchrist». Charlotte Hornets (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  16. «2014-15 Season in Review | Michael Kidd-Gilchrist». Charlotte Hornets (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  17. «Michael Kidd-Gilchrist 2014-15 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  18. «Hornets Sign Forward Michael Kidd-Gilchrist To Contract Extension». Charlotte Hornets (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  19. «Sources: Michael Kidd-Gilchrist finalizing contract extension with Hornets». sports.yahoo.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  20. «Injury Update | MKG Dislocates Shoulder». Charlotte Hornets (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  21. «Charlotte Hornets vs Portland Trail Blazers - January 29, 2016 - Game Preview, Play by Play, Scores and Recap on NBA.com». web.archive.org. 4 de fevereiro de 2016. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  22. «Charlotte Hornets at Milwaukee Bucks Box Score, October 26, 2016». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  23. «Michael Kidd-Gilchrist 2016-17 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  24. «2016-17 Season in Review | Michael Kidd-Gilchrist». Charlotte Hornets (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  25. «Denver Nuggets at Charlotte Hornets Box Score, October 25, 2017». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  26. «Cleveland Cavaliers at Charlotte Hornets Box Score, November 15, 2017». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  27. «Michael Kidd-Gilchrist 2017-18 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  28. «Bucks vs. Hornets - Game Recap - November 26, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  29. «Michael Kidd-Gilchrist 2018-19 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  30. «Michael Kidd-Gilchrist Opting In For 2019/20». Hoops Rumors (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  31. «Hornets Waive Michael Kidd-Gilchrist». Charlotte Hornets (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  32. «Charlotte Hornets Career Leaders». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  33. reports, From NBA Twitter and media. «Michael Kidd-Gilchrist signs with Mavericks». NBA.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  34. «Mavs ink Michael Kidd-Gilchrist; he'll wear No. 9 for Dallas». The Official Home of the Dallas Mavericks (em inglês). 11 de fevereiro de 2020. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  35. «Mavericks vs. Magic - Game Recap - February 21, 2020 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  36. «Michael Kidd-Gilchrist Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  37. NJ.com, Matthew Stanmyre | NJ Advance Media for (11 de agosto de 2010). «Gone but never forgotten: St. Patrick's Michael Gilchrist draws inspiration from late father». nj (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  38. «2011 All-USA boys basketball: Austin Rivers is player of year». USATODAY.COM (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020 
  39. «Gilchrist changes name to honor family members | The Kentucky Kernel». archive.is. 9 de julho de 2012. Consultado em 14 de outubro de 2020 
  40. D'Aless, Dave; Board, ro | Star-Ledger Editorial (29 de junho de 2012). «D'Alessandro: Michael Kidd-Gilchrist overcomes difficulties in draft process, selected No. 2 by Charlotte Bobcats». nj (em inglês). Consultado em 14 de outubro de 2020