Abrir menu principal

Michel Anguier

escultor francês
Michel Anguier
Michel Anguier, gravura de Laurent Cars
Nascimento 28 de setembro de 1612
Eu
Morte 11 de julho de 1686 (73 anos)
Paris
Nacionalidade Royal Standard of the King of France.svg Reino da França
Ocupação escultor

Michel Anguier (Eu, 28 de setembro de 1612 — Paris, 11 de julho de 1686) foi um escultor francês.

BiografiaEditar

Michel Anguier é o escultor de uma Anfitrite para o parque de Versailles, dos baixos-relevos do arco do triunfo no Porte Saint-Denis, em Paris, iniciado em 1674, para servir de memorial para as conquistas de Luís XIV. Um grupo em mármore da Natividade, na igreja do Val-de-Grâce é considerado sua obra-prima.

Anguier estudou com seu irmão mais velho, François (1604-1669), também escultor, mas de menor reputação, até sua viagem para Roma. Ficou dez anos em Roma, onde ficou amigo de Alessandro Algardi, Nicolas Poussin e de François Duquesnoy.

Retornou a Paris em 1651, e trabalhou com seu irmão no mausoléu de Henrique, duque de Montmorency em Moulins. De 1662 a 1667 dirigiu o progresso da escultura e decoração da igreja do Val-de-Grâce, e foi ele quem supervisionou a decoração dos aposentos de Ana de Áustria no antigo Louvre. Nicolas Fouquet também o empregou para o seu Castelo de Vaux-le-Vicomte.

Executou também esculturas para o altar de Saint-Denis-de-la-Châtre, um crucifixo em mármore para o altar da Sorbonne e as estátuas de Plutão, Ceres Netuno e Anfitrite dos jardins de Versailles.

Foi professor na Academia Real de Escultura.

Michel Anguier e seu irmão François são conhecidos como os irmãos Anguier. Atualmente, em sua cidade natal Eu, a escola primária recebe o nome de Michel Anguier.

Uma estátua de pedra de Joseph Tournois, representando Michel Anguier, enfeita a escadaria de entrada do Museu de Belas Artes de Ruão.

Referências

Ligações externasEditar