Michelle Nascimento

Cantora Gospel Brasieira

Michelle Santos do Nascimento, mais conhecida como Michelle Nascimento (Rio de Janeiro, 8 de novembro de 1984) é uma cantora e compositora de música cristã contemporânea.[1] Michelle é filha de Sandra Santos e Tuca Nascimento que também é seu produtor. Michelle é a irmã de Gisele Nascimento e Michel Nascimento e sobrinha de cantores conhecidos como Mattos Nascimento, Rose Nascimento e Marcelo Nascimento. Mãe de Lavinea Nascimento. Começou sua carreira aos vinte e um anos de idade. Michelle, juntamente com sua irmã Gisele Nascimento e seu primo Wiliam Nascimento compõe o Trio Nascimento[1]

Michelle Nascimento
Informação geral
Nome completo Michelle Santos do Nascimento
Nascimento 8 de novembro de 1984 (38 anos)
Origem Rio de Janeiro, RJ
País  Brasil
Gênero(s) Música cristã contemporânea.
Extensão vocal Mezzo-soprano dramático
Período em atividade 2005-atualmente
Gravadora(s) Line Records (2005 - 2011)
MK Music (2011 - 2020)
ONErpm (2021 - 2022)
MK Music (2022 - atualmente)
Afiliação(ões) Rose Nascimento, Mattos Nascimento, Wilian Nascimento, Gisele Nascimento
Página oficial Site Oficial

HistóriaEditar

Michelle vem de uma família de renome na música evangélica brasileira, a família Nascimento, nacionalmente conhecida através dos trabalhos musicais do seu pai Tuca Nascimento, dos seus tios cantores Mattos, Rose, Marcelo. Gisele é sua irmã e Willian e John Nascimento, seus primos.[carece de fontes?] Apesar de ter sido criada em um lar protestante, afastou-se da fé cristã aos 16 anos . Retornando porém, cinco anos depois, aos 21 anos de idade. Uma das músicas que marcou muito sua vida nesta época é Não Ceda da sua tia Rose Nascimento.[carece de fontes?]

Em 2005, lança seu álbum de estréia pela gravadora Line Records, Toque de Fé. Seu segundo álbum foi lançado em 2007, chamado Chegou o Tempo. Nesse mesmo período, foi reconhecida em algumas partes do mundo como Estados Unidos, Portugal, Londres e Israel.[carece de fontes?]

Ao longo de sua carreira, Michelle já participou de projetos que visavam à arrecadação de ajudas para a África, aldeias de índios em Miranda, no Mato Grosso do Sul, construção de uma escola de missionários no Ceará e a arrecadação de 8 toneladas de alimentos e 1.500 tênis novos para as vítimas dos alagamentos e deslizamentos do Rio de Janeiro. Sua última participação foi no Projeto Malawi.[1]

Em 2009, Michele lança o CD A Quem Enviarei, lançado em janeiro de 2009, O trabalho baseia-se na passagem bíblica de Isaías 6.8.[2] A produção foi de seu pai. Participaram também do disco sua irmã Gisele e a cantora Aline Santana.[1] Em 2011, lança um álbum chamado Michelle Nascimento e Família.

Em 28 de abril de 2011, assinou contrato com a MK Music.[3]

Em 2012, Michelle lança seu primeiro álbum pela gravadora carioca MK Music, chamado Louve e Adore.[4], album recheado de canções pentecostais foi bem aclamado pela critica especializada, recebendo um ano depois disco de ouro por mais de 40 mil copias vendidas.[5]

Em 2013, lança outro álbum pela MK, intitulado Batalha contra o Mal, com a produção musical de seu pai, Tuca Nascimento, produção vocal de sua irmã Gisele e a participação de seu primo Willian na música Clame.[6]. quase dois anos depois também recebe a premiação de disco de ouro por mais de 40 mil cópias vendidas [7]

Em 2014, é formado o Trio Nascimento, junto com sua irmã Gisele e seu primo Wilian para o lançamento do primeiro disco Marque uma Geração, álbum que causou muita expectativa no público [8].

Atualmente, Michelle congrega na Igreja IPAN Igreja Profetizando às Nações, igreja liderada pelo Pastor Emerson Pinheiro junto com sua esposa Pastora e Cantora Fernanda Brum na Barra da Tijuca onde a Cantora participa de vários cultos como a "TerçaFire".

Em 2020 a cantora anunciou sua saída da gravadora MK Music e em seguida assinou com a ONErpm e em fevereiro de 2022 anunciou sua volta para gravadora MK Music.

DiscografiaEditar

Troféu Talento
  • 2006: Revelação Feminina - (Venceu)
  • 2006: Regravação - Antes Que Seja Tarde - (Indicado)
  • 2008: Cantora do Ano - (Indicado)
Troféu Promessas
  • 2012: Melhor Clipe - Louve e Adore - (Indicado)
  • 2012: Melhor Cantora - Ela Mesma - (Indicado)
  • 2012: Melhor CD Pentecostal - Louve e Adore - (Indicado)

Troféu de Ouro

  • 2015: Destaque Nacional - Trio Nascimento (Venceu)
  • 2016: Melhor Videoclipe - Desafio no Deserto - (Venceu)

Referências

  1. a b c d Letras.com.br. «Biografia de Michelle Nascimento». Consultado em 22 de agosto de 2012 
  2. Rafael Ramos. «Análise: CD "A quem enviarei" (Michelle Nascimento)». Super Gospel. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  3. Portal Guiame (28 de abril de 2011). «Michelle Nascimento assina contrato com a MK Music». Consultado em 6 de setembro de 2015 
  4. Roberto Azevedo. «Lançamento: "Louve e Adore" (Michelle Nascimento)». Super Gospel. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  5. «MK Music começa o ano com Discos de Ouro e Platina» 
  6. «Michelle Nascimento lança "Batalha Contra o Mal"». El Net. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  7. «CD batalha contra o mal recebe disco de ouro» 
  8. «CD Marque uma geração ja nas lojas» 
  9. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome disco

Ligações ExternasEditar

[1] [2] Site Oficial MK Music

  Este artigo sobre uma cantora é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.