Abrir menu principal

Miss Santa Catarina

concurso de beleza
Miss Santa Catarina
Tipo Concurso de beleza
Fundação 1955
Sede Santa Catarina Itajaí
Coordenação Túlio Cordeiro

Miss Santa Catarina é um tradicional concurso de beleza feminino que visa eleger a melhor e mais capacitada catarinense para a disputa anual de Miss Brasil, único caminho para o Miss Universo. O certame é realizado anualmente preferencialmente na cidade de Itajaí, onde se localiza a Crazy Models, agência de modelos comandada pelo coordenador do concurso na região, Túlio Cordeiro. Apesar de mais de cinquenta anos de tradição, os catarinenses amargam um jejum de quase quinze (15) anos sem o título máximo da beleza nacional, o mais próximo que chegaram do título após a vitória de Carina Beduschi em 2005, foi o segundo lugar obtido por Sabrina Meyer em 2015.

Tabela de ClassificaçãoEditar

Abaixo a performance das catarinenses no Miss Brasil.

Posição Performance
Miss Brasil 5
2º. Lugar 3
3º. Lugar 1
4º. Lugar 5
5º. Lugar 2
Semifinalista 25

Premiações EspeciaisEditar

  • Miss Fotogenia: Vera Fischer (1969)

CoordenaçõesEditar

Já estiveram à frente do concurso:

Período Responsável
1955-1980 Diários Associados
1980-1992 SCC
1993-1995 Caio Cavichiolli
1996-1999 Luiz Bozzano
2000-2004 RBS TV
2005-2006 Moacir Benvenutti
2007-2008 Daniel Ackermann
2009-atual Túlio Cordeiro

VencedorasEditar

     A candidata tornou-se Miss Brasil.
     A candidata parou entre as finalistas.
     A candidata parou entre as semifinalistas.
 

A detentora do título de 2005, única florianopolitana a ser eleita Miss Brasil, Carina Beduschi.

 

A atriz nacionalmente conhecida Vera Fischer, detentora do título de mais bela catarinense de 1969.

Destronada

No ano de 2002, a catarinense Taíza Thomsen ficou em 2º. Lugar no concurso nacional, mas acabou sendo coroada mais tarde pois a vencedora assumiu ser casada e isso ia contra as regras da competição. Taíza não chegou a disputar o Miss Universo e sim o Miss Mundo, mas no ranking, Santa Catarina possui cinco títulos de acordo com o regulamento oficial que rege o certame nacional.

Ano Representantes Município Colocação Miss Universo
2020 Milena Sens Blumenau TBD
2019 Patrícia Marafon Florianópolis Semifinalista (Top 10)
2018 Débora Silva Rio Negrinho Finalista (Top 05)
2017 Tamíris Gallois Ficht Blumenau
2016 Mariana Guerra Araranguá
2015 Sabrina Meyer Palhoça 2º. Lugar
2014 Laura Lopes Chaves Balneário Camboriú Semifinalista (Top 10)
2013 Francielle Brito Kloster Pomerode Semifinalista (Top 15)
2012 Manoella Deschamps Florianópolis Semifinalista (Top 07)
2011 Michelly Böhnen Blumenau Semifinalista (Top 15)
2010 Aline Zermiani Itajaí
2009 Francine Arruda Ituporanga Semifinalista (Top 10)
2008 Gabriela Pinho Moreira Ituporanga Semifinalista (Top 15)
2007 Manoella Heiderscheidt Palhoça Semifinalista (Top 10)
2006 Beatriz Back Florianópolis 3º. Lugar
2005 Carina Beduschi Florianópolis MISS BRASIL 2005 (Não obteve classificação)
2004 Renata da Silva Blumenau Semifinalista (Top 10)
2003 Virginia Rosso Criciúma Semifinalista (Top 10)
2002 Taíza Thömsen Joinville MISS BRASIL 2002 (Não disputou/Assumiu)
2001 Simone Régis Florianópolis Semifinalista (Top 10)
2000 Francine Eickemberg Balneário Camboriú 2º. Lugar
1999 Aline Crescêncio Palhoça 5º. Lugar
1998 Soraya Orthmann Balneário Camboriú
1997 Vanessa Martins Itajaí Semifinalista (Top 12)
1996 Débora Möser Blumenau
1995 Giane Tillmann Blumenau 4º. Lugar
1994 Fabiana Fontanela Balneário Camboriú 2º. Lugar
1993 Fabiane Baumann Balneário Camboriú
1992 Sandra Regina Merlo Timbó 5º. Lugar
1991 Fabiane Rúbia Martinelli Joinville
1990 Adriane Gomes Pereira Joinville
1989 Elenice Padoin Juliani Criciúma
1988 Isabel Cristina Beduschi Gaspar MISS BRASIL 1988 (Não obteve classificação)
1987 Viviane Breisemëister Barra Velha Semifinalista (Top 12)
1986 Ivana Raquel Heil Balneário Camboriú 4º. Lugar
1985 Andréia Ribeiro Reis Lages Semifinalista (Top 12)
1984 Cristine Bergfeld Itajaí Semifinalista (Top 12)
1983 Geni Clair Böck São Miguel do Oeste 4º. Lugar
1982 Valquíria Macedo São José Semifinalista (Top 12)
1981 Elizabeth Martini Joaçaba
1980 Tânia Regina Gall Balneário Camboriú
1979 Solange Scortegagna Lages Semifinalista (Top 12)
1978 Rosana Maria Castro Chapecó Semifinalista (Top 10)
1977 Irmgard Siedschlag Joinville Semifinalista (Top 08)
1976 Édina Siemsen Brusque Semifinalista (Top 08)
1975 Ingrid Budag Blumenau MISS BRASIL 1975 Semifinalista (Top 12)
1974 Arlene Goretti Krëtzer São José
1973 Maria Hermínia Aléssio Criciúma Semifinalista (Top 08)
1972 Marlene do Carmo Machado Itajaí Semifinalista (Top 08)
1971 Marilena Vieira Criciúma
1970 Maria Suely Schlüpp Itajaí
1969 Vera Lúcia Fischer Blumenau MISS BRASIL 1969 Semifinalista (Top 15)
1968 Evelise Brietzig Joinville Semifinalista (Top 08)
1967 Uyara Gudrun Jatahy Blumenau Semifinalista (Top 08)
1966 Gláucia Mercy Zimmermann Itajaí Semifinalista (Top 08)
1965 Sônia de Souza Zimmermann Rio do Sul
1964 Salete Maria Chiaradia Lages
1963 Olga Müssi Itajaí
1962 Márcia Reis Itajaí
1961 Neusa Formighieri Itajaí
1960 Eliseana Haverroth Florianópolis
1959 Ivone Baumgarten Blumenau
1958 Carmen Ehrhärdt Itajaí 4º. Lugar
1957 Terezinha Dutra Florianópolis
1956 Edith Donin Joaçaba
1955 Ana Maria Hëusi Itajaí

ObservaçõesEditar

  1. De todas as misses que representaram o Estado, não é natural dele:
    1. Mariana Guerra (2016) é natural de Bandeirantes no Paraná.
    2. Laura Lopes (2014) é natural de Porto Alegre no Rio Grande do Sul.

Conquistas por MunicípioEditar

Títulos Município Vitórias
11   Itajaí 1955, 1958, 1961, 1962, 1963, 1966, 1970, 1972, 1984, 1997, 2010
10   Blumenau 1959, 1967, 1969, 1975, 1995, 1996, 2004, 2011, 2017, 2020
7   Florianópolis 1957, 1960, 2001, 2005, 2006, 2012, 2019
7   Balneário Camboriú 1980, 1986, 1993, 1994, 1998, 2000, 2014
5   Joinville 1968, 1977, 1990, 1991, 2002
4   Criciúma 1971, 1973, 1989, 2003
3   Palhoça 1999, 2007, 2015
3   Lages 1964, 1979, 1985
2   Ituporanga 2008, 2009
2   São José 1974, 1982
2   Joaçaba 1956, 1981
1   Rio Negrinho 2018
  Araranguá 2016
  Pomerode 2013
  Timbó 1992
  Gaspar 1988
  Barra Velha 1987
  São Miguel do Oeste 1983
  Chapecó 1978
  Brusque 1976
  Rio do Sul 1965

Ligações ExternasEditar