Abrir menu principal

Wikipédia β

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Monserrate.
Question book-4.svg
Este artigo cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde dezembro de 2017). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Bondinho do Monte Serrat
Vista de Santos

Monte Serrat ou Morro de São Jerônimo é um monte da cidade de Santos, no estado de São Paulo, no Brasil. O monte tem um sistema funicular (chamado de bondinho do Monte Serrat) que faz ligação entre o local e o Centro da cidade.

Índice

GeografiaEditar

É o segundo morro mais alto de Santos. No Monte Serrat há um bondinho que usa o sistema funicular, isto é, enquanto um sobe o outro desce. O acesso pode ser feito também através de uma escadaria com 416 degraus, que possui 14 nichos com representação da Via Sacra. A igreja, construída no alto do monte, remonta a 1603 e foi erguida a pedido de dom Francisco de Sousa, governador-geral do Brasil de 1599 a 1605.

Situado a 157 m de altitude, possibilita uma visão de 360º de toda a cidade. É um marco no coração de Santos. Também possui em seu topo um Santuário de Nossa Senhora do Monte Serrat (padroeira de Santos, festejada no dia 8 de setembro).

HistóriaEditar

 
Bondinho do Monte Serrat

No século XIX existia um cassino localizado no Monte Serrat que foi desativado. O morro levou este nome pois, um dia, Santos teria sido atacado por saqueadores e muitas pessoas subiram ao morro e rezaram à Virgem de Monserrate, para que os salvasse. A Virgem teria feito pedras caírem em cima dos saqueadores. Hoje, a Virgem de Monserrate é a padroeira de Santos.[1]

Referências

  1. Novo Milênio, fonte secundária extraída de diversas edições do jornal A Tribuna (25 de outubro de 2010). «Conheça o seu bairro». Consultado em 28 de novembro de 2010 

Ligações externasEditar