Abrir menu principal
Partage Norte Shopping Natal
Localização av. Dr. João Medeiros Filho, 2395, Potengi, Natal (RN), Brasil
Inauguração 6 de dezembro de 2007 (11 anos)[1]
Slogan Vem viver a Zona Norte
Proprietário Partage,[2] Ecocil
Administração Partage
Números
Lojas 102[3][4]
Área 60 mil m²
Área construída 35.935 m²
Área locável 28.192,09 m²
Estacionamento 1.229 vagas[5]
Andares 2 pisos
Salas de
cinema
6 salas Cinépolis
Movimento 17 mil pessoas por dia[6]
25 mil nos finais de semana[6]
600 mil pessoas ao mês[6]
Página oficial www.partagenatal.com.br

O Partage Norte Shopping Natal é um shopping center localizado na cidade de Natal, no estado brasileiro do Rio Grande do Norte.

Construído para atender à Zona Norte da capital e demais cidades circuvizinhas, o empreendimento dispõe de aproximadamente 102 lojas,[3][4] sendo dez lojas âncoras: Riachuelo, Smart Fit, Lojas Americanas, Magazine Luiza, Casas Bahia, Carrefour, Ricardo Eletro, Lojas Marisa, Le Biscuit e C&A, além de um posto de combustível Carrefour, uma praça de alimentação com deck panorâmico, e um estacionamento com 1.200 vagas.[5]

O shopping dispõe de 6 salas de cinemas da rede Cinépolis, com uma sala Macro XE, a maior tela de cinema do estado.[7]

HistóriaEditar

Anunciado em 2006 inicialmente com o nome de Natal Norte Shopping, o centro de compras foi erguido pela empresa Ecocil num terreno que era de propriedade da Rádio Cabugi.[8] O hipermercado Carrefour, uma das lojas âncoras do empreendimento, foi entregue antes, em 22 de agosto do mesmo ano. [9][10] Já o centro comercial foi inaugurado mais de um ano depois, em 6 de dezembro de 2007.[1] O complexo foi um dos grandes impulsionadores para que novos empreendimentos se instalassem na região.[11][12] O estacionamento ocupa uma área de 27 mil metros quadrados.[5]

Anteriormente chamado de Natal Norte Shopping, após o shopping ser vendido para um grupo de empresários da região sudeste, o shopping passou a adotar o nome "Partage" em agosto de 2014, ao invés do "Natal" e está com planos de expansão para 2015.[13]

Em 2019, o empreendimento deu início a sua obra de expansão, com previsão de entrega para 2022, a obra será realizada em três grandes etapas, com o investimento total de R$ 185 milhões. Após a conclusão, o shopping duplicará sua área construída, passando de 28 m² para mais de 45 m² de ABL (Área Bruta Locável) com o acréscimo de mais de 116 lojas, sendo 4 novas âncoras, 3 mega lojas, 2 restaurantes e 10 fast foods. As obras contemplam a construção de um novo acesso ao shopping, maior variedade de lojas e serviços, deck parking, vagas cobertas e na cobertura, além da ampliação da praça de alimentação.

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar


  1. a b Larissa, Karla (22 de Novembro de 2007). «Natal Norte Shopping será inaugurado nesta terça-feira (27), mas será aberto ao público apenas no dia 6». Nominuto. Consultado em 31 de julho de 2010 
  2. Tribuna do Norte - Grupo paulista compra 70% do Norte Shopping
  3. a b Sá, Marco Aurélio de (20 de Novembro de 2009). «Aluno da UFRN ganha o Prêmio Santander de Empreendedorismo». O Jornal de Hoje. Consultado em 31 de julho de 2010 [ligação inativa]
  4. a b «Negócios e Finanças - Refinaria do RN». Tribuna do Norte. 20 de Novembro de 2009. Consultado em 1 de julho de 2010 [ligação inativa]
  5. a b c «Zona Norte terá shopping center». Prefeitura Municipal do Natal. 20 de Fevereiro de 2006. Consultado em 31 de julho de 2010 [ligação inativa]
  6. a b c Redação (8 de novembro de 2010). «Vendas no Norte Shopping cresceram 37% em relação ao ano passado». Portal Mercado Aberto. Consultado em 9 de novembro de 2010 
  7. Jornal de Hoje - Natal terá 11 salas de cinema até dezembro
  8. «Ecocil lança Natal Norte Shopping». Tribuna do Norte. 18 de Fevereiro de 2006. Consultado em 31 de julho de 2010 
  9. Redação (22 de agosto de 2006). «Carrefour abre segunda loja em Natal na Zona Norte». Tribuna do Norte. Consultado em 28 de maio de 2011 
  10. Redação (23 de agosto de 2006). «Carrefour atrai multidão em sua abertura». Tribuna do Norte. Consultado em 15 de julho de 2011 
  11. Aguiar, Louise (23 de Fevereiro de 2008). «Zona Norte ganha preferência de empresários». Correio da Tarde. Consultado em 31 de julho de 2010. Arquivado do original em 4 de março de 2010 
  12. Aguiar, Louise (21 de novembro de 2009). «Shopping muda perfil comercial da Zona Norte». Diário de Natal. Consultado em 28 de maio de 2011 [ligação inativa]
  13. Tribuna do Norte - “O shopping já está ficando pequeno. Vamos expandir”

Ligações externasEditar