Neke davne zvezde

Neke davne zvezde
País
Artista(s)
Língua
Sérvio
Compositor(es)
Jože Privšek
Letrista(s)
Miroslav Antić
Resultado da final
8.º
Pontos da final
9
Cronologia de aparecimentos
"Ne pali svetla u sumrak" (1962) ►

"Neke davne zvezde" ("Algumas estrelas distantes") foi a canção da Jugoslávia no Festival Eurovisão da Canção 1961 que teve lugar em Cannes.

A referida canção foi interpretada em sérvio por Ljiljana Petrović. Foi a primeira canção da Jugoslávia no Festival Eurovisão da Canção. Foi a quinta canção a ser interpretada na noite do festival, a seguir à canção da Finlândia "Valoa ikkunassa", cantada por Laila Kinnunen e antes da canção dos Países Baixos "Wat een dag", interpretada por Greetje Kauffeld. Terminou a competição em oitavo lugar, tendo recebido um total de 9 pontos. No ano seguinte, em 1962,a Jugoslávia foi representada pela canção "Ne pali svetla u sumrak", interpretada por Lola Novaković.

AutoresEditar

AUTORES
Letrista: Miroslav Antić
Compositor: Jože Privšek
Orquestrador: Jože Privšek

LetraEditar

A canção é uma balada, na qual Petrović canta que se lembra de um seu antigo amante e que ainda se sente apaixonada, dizendo nomeadamente "Eu sei que ainda sou tua"

Referências e ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma canção é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.