Neto's foi uma rede de quiosques de coxinhas brasileira criada pelos youtubers Felipe Neto e Luccas Neto em 2017. Sua primeira unidade foi aberta no Shopping Tijuca, no Rio de Janeiro. A rede patrocinou ativamente o Botafogo de Futebol e Regatas, impulsionando a popularidade do clube. O quiosque contava com um espaço interativo com imagens dos YouTubers e oferecia uma dúzia de opções de coxinhas salgadas e doces. Entre outros produtos vendidos estavam pizzas individuais, batata frita, milk-shake e doces típicos de festa. No total, cinco unidades foram abertas, sendo três em shoppings do Rio e duas no Estádio Nilton Santos. A Neto's foi extinta em 2019, após Felipe entrar no processo de se tornar vegetariano.

Logotipo da Neto's

HistóriaEditar

 
Felipe Neto em 2019

A Neto's foi anunciada pela primeira vez em novembro de 2017 pelas celebridades da Internet Felipe Neto e Luccas Neto, em parceria com a rede Lecadô. Seu primeiro quiosque foi aberto no Shopping Tijuca. Suas previsões eram de abrir uma segunda unidade até o fim do ano e terminar 2019 com trinta unidades.[1] Durante o dia 13, os YouTubers estiveram no quiosque.[2] No dia 24, foi anunciado que a empresa patrocinaria o Botafogo de Futebol e Regatas. Este foi o primeiro patrocínio de um YouTuber a um clube de futebol. Foi pontual; os jogadores do time utilizaram uniformes com o logo da Neto's em um jogo contra a Sociedade Esportiva Palmeiras no Campeonato Brasileiro de Futebol, mas houve a possibilidade de estender a parceria até 2018. Felipe Neto comentou: "Acredito que o Botafogo é o parceiro perfeito para a divulgação da nossa marca e minha paixão pelo clube me anima ainda mais de ver essa união dar certo. Esse é o início de uma grande história".[3][4][5] Outros patrocínios pontuais ocorreram. Em um deles, a busca pela linha infantil do Botafogo cresceu 500% em dois dias,[6] e o número de inscritos do canal do Botafogo dobrou.[7] A relação entre a Neto's e o Botafogo foi estudada por faculdades de comunicação. Com a empresa, o time arrecadava cerca de 100 mil reais mensais.[8] No dia 2 de dezembro, como parte do patrocínio, ocorreu o evento "Fogão me chama" no Estádio Nilton Santos, reunindo cerca de seis mil crianças, devido à presença de Luccas Neto.[9]

No dia 2 de fevereiro de 2018, duas novas unidades foram abertas, no Nilton Santos, que ficariam abertas nos dias de jogo.[10] Cinco dias depois, foi anunciado que, após os patrocínios pontuais, o Botafogo e Felipe Neto estenderiam o contrato até o final da temporada de 2018.[7] No dia 8 do mês seguinte, foi aberta uma unidade no Norte Shopping, a partir de um investimento de 160 mil reais.[11] Em 19 de maio, foi anunciada uma promoção: se o Botafogo ganhasse um jogo de futebol, haveria 50% de desconto para as coxinhas no dia seguinte.[12] Três dias depois, uma unidade foi aberta no Via Parque Shopping.[13] No dia 11 de dezembro, o patrocínio da Neto's ao Botafogo foi encerrado, entrando um patrocínio de maior valor de outra empresa de Felipe, a Vigia de Preço.[14]

No dia 29 de agosto, Felipe anunciou em suas redes sociais o fechamento da Neto's, pois estava no processo de se tornar vegetariano, após ficar uma semana sem comer carne, experiência descrita por ele como "louca". Segundo o próprio, a decisão o fez perder dinheiro por quebrar acordos que já haviam sido assinados.[15]

Paola Carosella, ativista e jurada do MasterChef Brasil, argumentou na postagem que Felipe poderia manter a empresa aberta com coxinhas vegetarianas, mas ele concluiu dizendo que abrir um novo negócio seria melhor.[16]

DescriçãoEditar

FormatoEditar

 
Quiosque da Neto's no Via Parque Shopping

O quiosque da Neto's tinha uma área de quatorze metros quadrados,[11][13] com design "descolado" possibilitando ver vídeos de Luccas e Felipe, bem como fazer fotos e selfies ou gravar vídeos num espaço interativo, que contava com uma foto dos irmãos.[2][13] Foi divulgado que a interatividade seria um dos diferenciais da marca.[2]

ProdutosEditar

A Neto's era especializada em coxinhas salgadas e doces. Em sua estreia, eram vendidas em pacotes de oito mini coxinhas. Entre os sabores salgados estavam frango com cream cheese e quatro queijos. Havia também uma coxinha doce, polvilhada de açúcar e canela e recheada de creme de avelã, que foi divulgada como uma criação de Luccas Neto.[1] Com a abertura de novas unidades, outros produtos passaram a ser vendidos. Por exemplo, as duas unidades do Nilton Santos vendiam batata frita.[10] A unidade do Norte Shopping passou a vender casquinhas de sorvete de chocolate e baunilha e milk-shakes, montados na hora com ingredientes da preferência do cliente.[11]

A unidade do Via Parque Shopping contava com coxinhas em tamanho coquetel em seis sabores salgados e seis doces. As salgadas eram de cream cheese, calabresa, pizza, quatro queijos, carne seca com cream cheese e bacon, e as doces, todas polvilhadas com açúcar e canela, eram de creme de avelã, beijinho, doce de leite, chocolate ao leite, chocolate branco e paçoca. Eram vendidas também pizzas individuais servidas em uma embalagem pronta para o consumo, em dois sabores: mussarela e calabresa. Por fim, eram vendidos típicos doces de festas, como beijinho, paçoca, brigadeiro, brigadeiro infantil e casadinho.[13]

Referências

  1. a b Codeço, Fábio (17 de novembro de 2017). «Luccas e Felipe Neto abrem quiosque de coxinhas». Veja Rio. Consultado em 29 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 29 de setembro de 2021 
  2. a b c «Irmãos Neto inauguram quiosque de pizza e coxinhas no Shopping Tijuca». Rota Cult. 7 de novembro de 2017. Consultado em 9 de outubro de 2021. Cópia arquivada em 22 de dezembro de 2017 
  3. Müller, Léo (24 de novembro de 2017). «Marca de coxinhas de Felipe Neto fecha patrocínio com o Botafogo». TecMundo. Consultado em 29 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 29 de setembro de 2021 
  4. Gentile, Bernardo (24 de novembro de 2017). «Dono de empresa de coxinha, Felipe Neto patrocinará Bota contra Palmeiras». UOL Esporte. Consultado em 29 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 29 de setembro de 2021 
  5. «Youtuber Felipe Neto vai patrocinar Botafogo com empresa de coxinhas de frango». iG. 24 de novembro de 2017. Consultado em 29 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 29 de setembro de 2021 
  6. Rodrigues, Thayná (25 de novembro de 2018). «Empresários e recordistas na web, Luccas e Felipe Neto admitem lidar com transtornos compulsivos e depressão». Extra Online. Grupo Globo. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  7. a b Lara, Matheus (7 de fevereiro de 2018). «Após experiências pontuais, Botafogo aposta em ações com youtuber Felipe Neto». Estadão. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  8. Gentile, Bernardo; Carneiro, Gabriel (4 de setembro de 2018). «Influenciador até que ponto?». UOL. Rio de Janeiro e São Paulo. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  9. «Em dia de treino fechado, evento para crianças no Nilton Santos». Lance!. Rio de Janeiro. 2 de dezembro de 2017. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  10. a b «Felipe e Luccas Neto abrem dois quiosques de coxinha no Engenhão». Veja Rio. 2 de fevereiro de 2018. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  11. a b c «Quiosque de coxinha Neto's inaugura unidade no Norte Shopping». Veja Rio. 6 de março de 2018. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  12. «Felipe Neto promete coxinha barata após vitórias do Botafogo. E rivais zoam». Corneta FC. UOL Esporte. 19 de maio de 2018. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  13. a b c d «Quiosque de coxinhas dos Irmãos Neto chega à Barra». Barra da Tijuca. 22 de maio de 2018. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 14 de outubro de 2021 
  14. Costa, Felippe (11 de dezembro de 2018). «Felipe Neto acerta novo patrocínio na camisa do Botafogo para 2019: "Contrato de maior valor"». Globo Esporte. Rio de Janeiro: Grupo Globo. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  15. «Felipe Neto anuncia que se tornou vegetariano e fechará rede de coxinhas». Pequenas Empresas Grandes Negócios. 29 de agosto de 2019. Consultado em 30 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2021 
  16. «Paola Carosella pede que Felipe Neto não feche rede de coxinhas: 'bons empregos'». Correio Braziliense. 29 de agosto de 2019. Consultado em 8 de outubro de 2021. Cópia arquivada em 8 de outubro de 2021