Abrir menu principal
Nextel
Razão social Nextel Telecomunicações Ltda.[1]
Telecomunicações
Slogan " A sua próxima operadora"
Fundação 1987 (32 anos) (EUA)
1997 (22 anos) (Brasil)
Fundador(es) NII Holdings
Sede Reston, Virginia, Estados Unidos
Área(s) servida(s)  Brasil
Proprietário(s) NII Holdings
Certificação ISO 9001
Sucessora(s) Claro[2]
Website oficial www.nextel.com.br
www.nii.com

Nextel Telecomunicações é uma subsidiária brasileira da NII Holdings, Inc, empresa de serviços de comunicação móvel cuja matriz está sediada na cidade de Reston, Virgínia, Estados Unidos onde iniciou operações em 1987.

A origem do nome é Next (em inglês significa próximo, posterior, próxima geração) e tel de telefone.

No Brasil, o início das operações deu-se em 1997 com o sistema de radio trunking push-to-talk (PTT)..[3] A partir de 2010, a empresa foi autorizada pela Anatel a ingressar no Serviço Móvel Pessoal (SMP) obtendo licenças para cobertura nacional de voz e dados de telefonia celular de terceira e quarta gerações (3G e 4G). [4] [5]

Índice

TecnologiaEditar

Inicialmente, o iDEN é uma tecnologia de rádio-comunicação via celular (funciona da mesma forma que os sistemas celulares tradicionais), baseado na tecnologia TDMA (Apesar de em alguns aspectos, a tecnologia ser mais parecida com o GSM). A grande diferença desta tecnologia, é o sistema de comunicação por rádio half-duplex (apesar de haver alguns aparelhos que suportam o rádio full-duplex, permitindo que ambos falem durante a comunicação de rádio), em portadoras de 25 kHz por evento de despacho (pressionar de botão), sendo que caso os dois usuários estejam cobertos pela mesma célula, a comunicação de ambos apenas vai ocupar 50 kHz do espectro da rede (contra 200 kHz da comunicação do GSM). Lembrando que a Nextel, possui 15 MHz na faixa de 800 MHz, e postergou recentemente, mais 10 MHz para suportar o número crescente de usuários.

A principio, é uma tecnologia proprietária da Motorola, porem, licenciada também por alguns fabricantes, como a RIM, que possui alguns aparelhos iDEN Blackberry.

Na transmissão de voz, essa tecnologia também pode ser utilizada como telefone celular, porém, não tendo a mesma qualidade do rádio-despacho, devido, possivelmente, à largura de banda usada na voz (25 kHz), e os codecs de voz utilizados.

A tranmissão via iDEN foi encerrada em 2018.

Uso do rádio de Fleet*IDEditar

Para se utilizar o rádio, é necessário saber o código internacional (caso seja cliente internacional) + o Fleet + o Id da pessoa, e pressionar o botão de rádio para chamar (é emitido um bip no telefone de destino, indicando uma "chamada de atenção"). Seria algo como 55*010*333333, sendo um tipo de numeração interna da Nextel, para identificar o usuário.

Planos PMGEditar

A Nextel criou planos de acordo com o perfil do cliente. Os planos PMG, são planos pós pagos flexíveis, em que o cliente escolhe a quantidade de internet e tem um pacote ilimitado de voz. Nos planos pós-pago, a operadora também permite o compartilhamento com dependentes em um plano família[6] [carece de fontes?]

Uso de dadosEditar

A rede de dados do iDEN, não seria bem um forte da Motorola, pois o sistema Packet Data, navega apenas a uma velocidade de 28,8 kbps (o que é surpreendente, se considerar o espectro usado pela tecnologia). Existe um fork da tecnologia produzido pela Motorola, chamado WiDEN, que foi comercializado apenas nos EUA, que consiste num aprimoramento do uso de espectro da tecnologia, fazendo com que você, utilizando um modem WiDEN, que pode chegar a até 128k com a tecnologia.

Cobertura e focoEditar

 
Lojas na Nextel ao lado do Consulado de Angola, no Rio de Janeiro.

A cobertura iDEN da Nextel é limitada às principais cidades de onze estados brasileiros mais o Distrito Federal,[7] enquanto as maiores operadoras brasileiras de Serviço Móvel Pessoal operam em todos estados da federação e na maior parte das cidades.

A partir de Janeiro de 2009, a Nextel abriu a comercialização do sistema iDen também para usuários Pessoa Física, desde que comprovem pertencer a um grupos de pessoas, naturais com atividade específica. No caso de pessoas naturais, a contratação também depende de prévia comprovação de atividade específica.[8]

Na primeira quinzena de dezembro de 2010 a Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL) leiloou as concessões da última faixa de frequência disponível para serviços em tecnologia 3G no Brasil. O órgão dividiu as faixas de frequências em treze lotes geográficos, dos quais a NEXTEL arrematou onze, o que permite o direito da empresa ofertar Serviço Móvel Pessoal em praticamente todo território nacional. Para arrematar os lotes a operadora desembolsou 1,21 bilhão de reais de um projeto orçado em até 5,5 bilhões de reais até 2014 para expandir sua participação no mercado brasileiro.[9]

Na segunda quinzena de dezembro de 2010 a operadora anunciou o "Plano de Cem Dias" que visa a iniciar a primeira fase de comercialização dos primeiros Serviço Móvel Pessoal em 3G, inclusive com ofertas para usuários pré-pagos, em 12 meses.[10] Atualmente, a empresa oferece apenas planos controle e pós-pago.[1]

A empresa iniciou a comercialização de planos 3G no Estado de São Paulo em dezembro de 2012 e no Estado do Rio de Janeiro em junho de 2013[11] [12]

A rede 3G da NEXTEL é baseada na tecnologia WCDMA e tem como fornecedora a empresa chinesa Huawei.[13]

Em junho de 2014, a Nextel passou a oferecer serviços 4G para clientes na cidade do Rio de Janeiro. O 4G da Nextel é baseado na tecnologia LTE e também tem como fornecedora a chinesa Huawei.[14]

Ações promocionais no BrasilEditar

Fábio Assunção em “Ser feliz é ser quem você é”
Fabio Assunção iniciou sua trajetória como ator atuando em novelas da Rede Globo como “Meu Bem Meu Mal”. A nova campanha da Nextel com o ator traz como mote principal a felicidade e referências sobre seu abuso de drogas. Atuando como Doutor Saulo na campanha on line, Fábio Assunção, interage com as pessoas de uma forma divertida e original através do Facebook ou pela webcam.

I1 é smartphone da Motorola com rádio Nextel
A Nextel se juntou ao Smartphone Touch e nasceu o i1. Um celular que une inteligência com sensibilidade e economia com elegância. Tela touch screen, aplicativos exclusivos e uma experiência tecnológica única. Tudo isso somado ao rádio, para falar à vontade, sem limite. E ainda tem câmera, músicas, jogos e muito mais. Enfim, tudo o que um celular precisa ter. O artista Terry Border criou peças exclusivas que foram usadas na campanha de lançamento do produto.

Nextel em “MV Bill – O Bem não tem limites”
A Nextel lançou sua campanha “ O Bem Não Tem Limites” com o músico MV Bill contando no site o que não podia falar na televisão. Trouxe vários depoimentos exclusivos para a internet e uma ação repleta de celebridades através do Twitter chamada “Lance do Bem”- na qual ganhava quem desse um palpite e chegasse mais perto do valor do real dos objetos.

Música Sem Limites com Herbert Vianna
A Nextel convidou para a continuação da sua Campanha Sem Limites um ícone do rock brasileiro e de superação de limites: Herbert Vianna. Trouxe ainda uma promoção onde os participantes da faziam um vídeo cantando uma versão de “Lanterna dos Afogados” e concorriam a guitarras autografadas pelo próprio Herbert.

Também no Brasil a empresa foi condenada por danos morais no Rio de Janeiro, por permitir o envio anônimo de mensagens de texto caluniosas a um dos clientes.[15]

AquisiçãoEditar

No mês de março, em 2019, a América Móvil que é detentora da Claro no Brasil, adquiriu as operações da Nextel - operadora que pertencia ao grupo NII Holdings e AI Brasil, por US$ 905 milhões de dólares (o equivalente a R$ 3,5 bilhões de reais).

Com a compra da Nextel, a Claro se consolida no 2° lugar da telefonia móvel - com 26,05% de participação, ganha 3,3 milhões de clientes - passando a possuir quase 60 milhões de clientes, e os espectros adquiridos pela primeira.

A aquisição da Nextel pela Claro ainda depende do aval de órgãos reguladores antitruste como o Conselho Administrativo de Defesa Econômica, do Ministério da Justiça, e da Anatel.[16]

Referências

  1. «Conheça a Nextel». Consultado em 7 de junho de 2013 
  2. «Claro adquire Nextel por R$ 3,5bi de reais e se consolida no 2° lugar da telefonia». OGlobo. Consultado em 18 de março de 2018 
  3. «Nossa história». Consultado em 7 de junho de 2013 
  4. «Nextel adquire licenças para operar 3G». Nextel Imprensa. 14 de dezembro de 2010. Consultado em 27 de julho de 2014. Arquivado do original em 26 de agosto de 2014 
  5. «Nextel é a grande vencedora do leilão da Banda H». Veja. Consultado em 25 de julho de 2014 
  6. «Planos Nextel | Encontre Nextel Controle, Pós e Família mais barato». melhorplano.net. Consultado em 8 de abril de 2019 
  7. «Cobertura Nacional». Consultado em 7 de junho de 2013 
  8. «Resolução nº 404, de 5 de maio de 2005». Anatel. 5 de maio de 2005. Consultado em 24 de julho de 2014 
  9. «Leilão Nextel». Consultado em 7 de junho de 2013 
  10. «Plano da Nextel». Consultado em 7 de junho de 2013 
  11. «Nextel inicia venda de 3G no Brasil, sem alarde». Telesíntese. Consultado em 24 de julho de 2014 
  12. «Nextel entra na briga do 3G e aposta em preço agressivo». Convergência Digital. Consultado em 24 de julho de 2014 
  13. «Confirmada fornecedora da rede 3g da Nextel...». Consultado em 7 de junho de 2013 
  14. «Nextel inicia operação 4g no Rio de Janeiro». Teletime. Consultado em 25 de julho de 2014. Arquivado do original em 10 de agosto de 2014 
  15. TJ/RJ - Nextel terá que indenizar cliente por mensagens de texto ofensivas[ligação inativa], visitado em 7 de setembro de 2011
  16. «Claro compra Nextel». Tecnoblog 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.