Abrir menu principal

No Tears Left to Cry

Canção de Ariana Grande
"No Tears Left to Cry"
Single de Ariana Grande
do álbum Sweetener
Lançamento 20 de abril de 2018 (2018-04-20)
Formato(s) Download digital, streaming
Gravação 2017;
MXM Studios, Wolf Cousins Studios
(Estocolmo)
Gênero(s) Dance-pop[1]
Duração 3:25
Gravadora(s) Republic
Composição Ariana Grande, Max Martin, Ilya Salmanzadeh, Savan Kotecha
Produção Max Martin, Ilya
Cronologia de singles de Ariana Grande
"Somewhere Over the Rainbow"
(2017)
"Dance to This"
(2018)
Lista de faixas de Sweetener
"Breathin"
(9)
"Borderline"
(11)

"No Tears Left to Cry" (estilizada como "no tears left to cry") é uma canção da cantora estadunidense Ariana Grande, contida em seu quarto álbum de estúdio Sweetener (2018).[2] Foi composta pela própria em conjunto com Max Martin, Ilya Salmanzadeh e Savan Kotecha, sendo produzida por Martin e Ilya. A faixa foi lançada em 20 de abril de 2018, através da Republic Records, servindo como o primeiro single do disco.

Índice

Antecedentes e lançamentoEditar

Logo após lançar o seu terceiro disco Dangerous Woman em 2016, Grande começou a trabalhar em seu quarto álbum de estúdio, comentando que "não pretendia fazer um álbum (...) eu tenho trabalhado muito, e tenho estado criativa e me sentido inspirada".[3][4] Mais tarde, foi confirmado o envolvimento dos produtores Max Martin e Pharrell Williams no projeto, com o último comentando para o jornal Los Angeles Times que "as coisas que ela tem a dizer nesse álbum estão em um nível muito acima".[5][6] O trabalho foi interrompido após o atentado ocorrido no final do show da Dangerous Woman Tour realizado em maio de 2017 em Manchester, mas a cantora disse em setembro para Billboard que mesmo com as gravações realizadas anteriormente ela continuaria gravando o projeto e voltaria logo quando possível.[7] De acordo com o TMZ, metade das canções foram produzidas por Williams e a outra metade por Martin, e Grande participou das composições de todas as faixas.[6]

Em 9 de abril de 2018, foi divulgado pelo portal Hits Daily Double que Grande lançaria o primeiro single de seu quarto disco no dia 27 daquele mês.[8] Reportagens da Variety e da Billboard também replicaram o lançamento para o dia 27.[9][10] Dias depois, a intérprete foi vista na Disneyland usando um moletom cinza, com o suposto título da canção escrito de cabeça para baixo — "No Tears Left to Cry".[11] Em sequência, diversas pessoas envolvidas com Grande postaram selfies usando o mesmo casaco, incluindo seu irmão Frankie, a colaboradora frequente Victoria Monét e seu namorado Mac Miller.[12][13][14] Mais tarde, o Hits Daily Double confirmou que a canção seria lançada uma semana antes do esperado.[15]

No dia 17, Ariana divulgou no Twitter um emoji de lágrima, assim como em seu Instagram Story, antes de escrever a mensagem "senti falta de vocês" na primeira rede social. Pouco depois, ela escreveu no Twitter "No Tears Left to Cry" de cabeça para baixo, acompanhado por "4.20", assim confirmando o título e a data de lançamento.[16][17][18] No dia 19, Grande apresentou uma pequena prévia da faixa e mostrou sua capa e uma foto promocional no Instagram, reveladas através diversas imagens que se completavam para formar o produto final. A capa mostra Grande encostada em uma parede com seu rosto iluminado por um arco-íris, com o título escrito de cabeça para baixo na parte superior da imagem, enquanto a foto promocional a retrata sentada em uma escada. Em ambas as fotos, ela está de cabelo platinado.[19][20][21] Uma festa de audição foi realizada em Londres no início da mesma semana,[22][23] com o radialista britânico Nick Grinshaw escrevendo no Twitter: "Estou ouvindo a música nova da Ariana Grande. Ela me faz sentir emotivo e sensual ao mesmo tempo, que é meu humor desejado em todos os momentos".[24]

Crítica profissionalEditar

"No Tears Left to Cry" foi aclamada por críticos musicais.[25] Laura Snapes, do jornal The Guardian, deu à canção uma nota quatro de cinco e a descreveu como "um grude instantâneo — e é também gratificante ver Grande interpretando o single sozinha do que com um convidado, como ela frequentemente faz".[26] Nick Reilly, da revista britânica NME, elogiou o refrão "altamente contagioso" da canção,[27] enquanto Hannah Mylrea, da mesma publicação, considerou-o eufórico e concluiu dizendo: "Ao combater o ódio e a desolação com esperança na música disco, 'No Tears Left to Cry' torna-se um triunfo".[28] Escrevendo para a Pitchfork, Meaghan Garven disse: "Os resultados são excelentes, evocando musicalmente a virada do milênio através de um estilo garage melhor impulsionada que seus colegas pop".[29] Numa avaliação para a Billboard, Andrew Unterberger escreveu: "A música melhora com o tempo e não é possível apreciá-la totalmente na primeira reprodução".[30] Chris Willman, da Variety, chamou a canção de "um hino mais animado e dançante para uma recuperação pós-traumática".[31]

Vídeo musicalEditar

O vídeo musical de "No Tears Left to Cry" foi dirigido por Dave Meyers e lançado juntamente com a canção. A gravação retrata Grande interpretando a faixa em diversos cenários com ilusões de ótica, que viram de cabeça para baixo e são vistos de diversos ângulos.[32] Uma abelha que aparece na última cena foi descrita pelo Manchester Evening News como uma homenagem aos ataques ocorridos em Manchester; na época, o inseto tornou-se símbolo da união da cidade, e diversas pessoas fizeram tatuagens de abelhas para angariar fundos às vítimas.[33]

Apresentações ao vivoEditar

Grande apresentou "No Tears Left to Cry" pela primeira vez no dia de seu lançamento, durante o show do DJ norueguês Kygo no Coachella Valley Music and Arts Festival, realizado no Empire Polo Club em Indio, Califórnia.[34] Rumores de uma performance no festival começaram a circular momentos antes pela revista Variety.[35] A cantora usou um figurino predominantemente roxo, com um top, uma saia de seda e luvas desta cor, assim como o seu cabelo, além de botas na altura do joelho, meias arrastão e uma pochete preta.[36] Grande também realizou uma regravação de "Sexual Healing", de Marvin Gaye, cuja canção Kygo possui um remix.[34][37] A primeira apresentação televisionada da faixa ocorreu no dia 1º de maio durante o programa The Tonight Show Starring Jimmy Fallon,[38] com uma segunda interpretação no mesmo programa, realizada com o apresentador Jimmy Fallon e a banda The Roots e usando o Nintendo Labo e Switch como instrumentos, ocorrendo no dia 15.[39] No dia 4 de maio, uma apresentação foi feita no evento YouTube Brandcast, juntamente com "Side to Side" e "Dangerous Woman".[40] Grande abriu os Billboard Music Awards de 2018 com uma performance de "No Tears Left to Cry" caracterizada com uma fita em seu cabelo, mini-vestido preto, longas meias pretas e botas de cano alto com saltos-altos, com o cenário tendo uma série de colunas e arcos recebendo projeções de tijolos e nuvens.[41] A apresentação foi eleita a segunda melhor da noite pela Billboard, com Andrew Unterberger comentando que "Ariana girou a catarse de volta para uma musical com típica graça e profissionalismo".[42]

Faixas e formatosEditar

Download digital e streaming[43][44]
N.º Título Duração
1. "No Tears Left to Cry"   3:25

CréditosEditar

Todo o processo de elaboração de "No Tears Left to Cry" atribui os seguintes créditos:[45]

Gravação e publicação
  • Graavda em 2017 nos MXM Studios e Wolf Cousins Studios (Estocolmo)
  • Mixada nos MixStar Studios (Virginia Beach, Virgínia)
  • Masterizada nos Sterling Sound (Nova Iorque)
  • Publicada pelas empresas Universal Music Group Corp./Grand AriMusic (ASCAP), MXM (ASCAP) — administrada pela Kobalt (ASCAP) —, Wolf Cousins (STIM) e Warner/Chappell Music Scand (STIM)
Produção

Desempenho nas tabelas musicaisEditar

Histórico de lançamentoEditar

País Data Formato Gravadora
  Mundo[17] 20 de abril de 2018 Download digital, streaming Republic
  Itália[122] Rádios mainstream Universal
  Reino Unido[123] Republic
  Países Baixos[124] 21 de abril de 2018
  Estados Unidos 23 de abril de 2018 Rádios hot AC[125]
24 de abril de 2018 Rádios mainstream[126]
Rádios rhythmic[127]

Referências

  1. Hugh McIntyre (20 de abril de 2018). «Ariana Grande Returns to Pop With New Single 'No Tears Left to Cry'» (em inglês). Forbes. Consultado em 20 de abril de 2018 
  2. Will Mendelson (2 de maio de 2018). «Ariana Grande surprises fans on The Tonight Show With Jimmy Fallon». Entertainment Weekly (em inglês). Time Inc. Consultado em 2 de maio de 2018 
  3. Christina Lee (13 de novembro de 2016). «Ariana Grande Is Already Working On Her Fourth Album» (em inglês). Idolator. SpinMedia. Consultado em 19 de abril de 2018 
  4. Madeline Roth (14 de novembro de 2016). «Ariana Grande's Been So 'Inspired' That She Already Made Her Next Album» (em inglês). MTV. Consultado em 19 de abril de 2018 
  5. Joelle Diderich (22 de novembro de 2017). «Pharrell Williams' latest Adidas Originals collaboration is a super-exclusive pair of co-branded Chanel kicks». Los Angeles Times (em inglês). Tribune Company. Consultado em 19 de abril de 2018 
  6. a b Salvatore Maicki (2 de março de 2018). «Ariana Grande has reportedly finished her fourth album» (em inglês). The Fader. Consultado em 19 de abril de 2018 
  7. Isis Briones (29 de setembro de 2017). «48 Hours in Hong Kong With Ariana Grande». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 19 de abril de 2018 
  8. «Here Comes Ariana» (em inglês). Hits Daily Double. 6 de abril de 2018. Consultado em 19 de abril de 2018 
  9. Jem Aswad (9 de abril de 2018). «Ariana Grande to Drop First Single From New Album on April 27». Variety (em inglês). Penske Media Corporation. Consultado em 19 de abril de 2018 
  10. Morgan Enos (10 de abril de 2018). «Ariana Grande Expected to Release New Single From Upcoming Album April 27». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 19 de abril de 2018 
  11. Mekita Rivas (11 de abril de 2018). «Ariana Grande Wears "No Tears Left to Cry" Sweatshirt in Disneyland». Teen Vogue (em inglês). Condé Nast Publications. Consultado em 19 de abril de 2018 
  12. Gab Ginsberg (18 de abril de 2018). «Everything We Know About Ariana Grande's New Song 'No Tears Left to Cry'». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 19 de abril de 2018 
  13. Sam Prance (16 de abril de 2018). «Ariana Grande Appears to Confirm New Single Title» (em inglês). MTV UK. Consultado em 19 de abril de 2018 
  14. Maureen Lenker (17 de abril de 2018). «Ariana Grande appears to be dropping a new single this Friday and the internet is going crazy». Entertainment Weekly (em inglês). Time Inc. Consultado em 19 de abril de 2018 
  15. «Ariana Makes It Official» (em inglês). Hits Daily Double. 18 de abril de 2018. Consultado em 19 de abril de 2018 
  16. Isha Thorpe (18 de abril de 2018). «Ariana Grande Resurfaces to Tease New Music Dropping Soon» (em inglês). iHeartRadio. Consultado em 19 de abril de 2018 
  17. a b Cydney Contreras (17 de abril de 2018). «Ariana Grande Resurfaces on Twitter to Tease New Music» (em inglês). E! Online. Consultado em 19 de abril de 2018 
  18. «Ariana Grande teases new music: 'no tears left to cry'» (em inglês). BBC Online. British Broadcasting Corporation. 18 de abril de 2018. Consultado em 19 de abril de 2018 
  19. El Hunt (19 de abril de 2018). «Preview Ariana Grande's new single 'No Tears Left to Cry'». NME (em inglês). IPC Media. Consultado em 19 de abril de 2018 
  20. Salvatore Maicki (18 de abril de 2018). «Ariana Grande teases a snippet of "No Tears Left to Cry"» (em inglês). The Fader. Consultado em 19 de abril de 2018 
  21. «Ariana Grande Shared Moody Artwork for 'No Tears Left to Cry'». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. 19 de abril de 2018. Consultado em 19 de abril de 2018 
  22. Caitlyn Becker; Mike Walters (19 de abril de 2018). «Ariana Grande's New Song Alluding to Manchester Bombing Listening Party to Tears» (em inglês). The Blast. Consultado em 19 de abril de 2018 
  23. «Sajae Elder». Complex (em inglês). Complex Media. 19 de abril de 2018. Consultado em 19 de abril de 2018 
  24. Leonardo Torres (19 de abril de 2018). «Radialista ouve single de Ariana Grande e o descreve: "emotivo e sexy"». POPLine. Consultado em 19 de abril de 2018 
  25. Rachel McGrath (21 de abril de 2018). «Ariana Grande Surprises Coachella With 'No Tears Left To Cry' Performance». HuffPost (em inglês). AOL. Consultado em 24 de abril de 2018 
  26. Laura Snapes (20 de abril de 2018). «Ariana Grande: No Tears Left to Cry review – instant earworm dances against the odds». The Guardian (em inglês). Guardian Media Group. Consultado em 24 de abril de 2018 
  27. Nick Reilly (20 de abril de 2018). «Ariana Grande returns with huge single 'No Tears Left to Cry'». NME (em inglês). IPC Media. Consultado em 24 de abril de 2018 
  28. Hannah Mylrea (20 de abril de 2018). «'No Tears Left to Cry' sees Ariana Grande tackle hate with joy and disco». NME (em inglês). IPC Media. Consultado em 24 de abril de 2018 
  29. Meaghan Garvey (20 de abril de 2018). «'No Tears Left to Cry' by Ariana Grande Review» (em inglês). Pitchfork. Consultado em 22 de abril de 2018 
  30. Andrew Unterberger (20 de abril de 2018). «Ariana Grande's 'No Tears Left to Cry': This Is the Part When the Pop Star Is Broken, But Free». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 24 de abril de 2018 
  31. Chris Willman (19 de abril de 2018). «Ariana Grande Aims to Dance Past Tragedy in 'No Tears Left to Cry'». Variety (em inglês). Penske Media Corporation. Consultado em 24 de abril de 2018 
  32. Abby Jones (20 de abril de 2018). «Ariana Grande's World Turns Upside Down in Futuristic 'No Tears Left To Cry' Video: Watch». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 20 de abril de 2018 
  33. Emily Heward (20 de abril de 2018). «Ariana Grande's touching tribute to Manchester in No Tears Left to Cry video». Manchester Evening News (em inglês). Trinity Mirror. Consultado em 20 de abril de 2018 
  34. a b Daniel Kreps (21 de abril de 2018). «Ariana Grande Debuts New Single Live at Surprise Coachella Appearance». Rolling Stone (em inglês). Wenner Media LLC. Consultado em 21 de abril de 2018 
  35. Christi Carras (20 de abril de 2018). «Ariana Grande to Make Surprise Appearance at Coachella (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Penske Media Corporation. Consultado em 21 de abril de 2018 
  36. Dave Quinn (21 de abril de 2018). «Ariana Grande Performs Her New Single 'No Tears Left to Cry' Live for the First Time at Coachella». People (em inglês). Time Inc. Consultado em 21 de abril de 2018 
  37. Michelle Kim (21 de abril de 2018). «Watch Ariana Grande Perform "No Tears Left to Cry" Cover Marvin Gaye at Coachella 2018» (em inglês). Pitchfork. Consultado em 21 de abril de 2018 
  38. Alex Young (2 de maio de 2018). «Ariana Grande announces new album, Sweetener, sings Drake and Kendrick on Fallon» (em inglês). Consequence of Sound. Consultado em 28 de maio de 2018 
  39. Andrew Webster (14 de maio de 2018). «Watch Ariana Grande, Jimmy Fallon, and The Roots play her new single with Nintendo Labo». The Verge (em inglês). Vox Media. Consultado em 28 de maio de 2018 
  40. Michelle Castillo (4 de maio de 2018). «YouTube Brandcast presentation shows Alphabet wealth» (em inglês). CNBC. Consultado em 28 de maio de 2018 
  41. Gil Kaufman (20 de maio de 2018). «Ariana Grande Opens the Billboard Music Awards With Fiery Performance of 'No Tears Left to Cry': Watch». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 28 de maio de 2018 
  42. Andrew Unterbeger (20 de maio de 2018). «The 10 Best Performances From the 2018 Billboard Music Awards». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 28 de maio de 2018 
  43. «no tears left to cry - Single de Ariana Grande» (em inglês). iTunes Store. Apple Inc. Consultado em 20 de abril de 2018 
  44. «No Tears Left to Cry by Ariana Grande» (em inglês). Spotify. Consultado em 20 de abril de 2018 
  45. (2018) Créditos do álbum Sweetener por Ariana Grande, pg. 6 [CD]. Republic Records (B0028815-02).
  46. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Media Control Charts)» (em inglês). Media Control Charts. Consultado em 27 de abril de 2018 
  47. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (ARIA Charts)» (em inglês). ARIA Charts. Consultado em 28 de abril de 2018 
  48. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Ö3 Austria Top 40)» (em inglês). Ö3 Austria Top 40. Consultado em 5 de maio de 2018 
  49. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Ultratop 50)» (em inglês). Ultratop 50. Consultado em 26 de junho de 2018 
  50. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Ultratop 40)» (em inglês). Ultratop 40. Consultado em 27 de abril de 2018 
  51. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Canadian Hot 100)» (em inglês). Canadian Hot 100. Consultado em 1º de maio de 2018 
  52. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (National Report)» (em inglês). National Report. Consultado em 26 de junho de 2018 
  53. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Gaon Music Chart)» (em coreano). Gaon Music Chart. Consultado em 5 de maio de 2018 
  54. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Croatian Airplay Radio Chart)» (em inglês). Croatian Airplay Radio Chart. Consultado em 26 de junho de 2018 
  55. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Tracklisten)» (em dinamarquês). Tracklisten. Consultado em 5 de maio de 2018 
  56. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (The Official Charts Company)» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 27 de abril de 2018 
  57. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (IFPI Slovenská Republika)» (em inglês). IFPI Slovenská Republika. Consultado em 30 de abril de 2018 
  58. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Productores de Música de España)» (em espanhol). Productores de Música de España. Consultado em 5 de maio de 2018 
  59. Gary Trust (30 de abril de 2018). «Drake Leads Billboard Hot 100, Ariana Grande Arrives at No. 3 & J. Cole Collects Record Three Debuts in Top 10». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 30 de abril de 2018 
  60. Gary Trust (16 de julho de 2018). «Ariana Grande's 'No Tears Left to Cry' Hits No. 1 on Pop Songs Airplay Chart». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 16 de julho de 2018 
  61. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Adult Pop Songs)» (em inglês). Adult Pop Songs. Consultado em 9 de julho de 2018 
  62. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Rhythmic Songs)» (em inglês). Rhythmic Songs. Consultado em 9 de julho de 2018 
  63. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Adult Contemporary)» (em inglês). Adult Contemporary. Consultado em 26 de junho de 2018 
  64. Gordon Murray (21 de junho de 2018). «Ariana Grande Hits No. 1, U2 Goes Top 10 on Dance Club Songs Chart». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 26 de junho de 2018 
  65. Siim Nestor (30 de abril de 2018). «Eesti Tipp-40 Muusikas: Reket purustab rekordid kõigis kolmes edetabelis!». Eesti Ekspress (em estónio). Ekspress Group. Consultado em 6 de janeiro de 2019 
  66. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (IFPI Finlândia)» (em finlandês). IFPI Finlândia. Consultado em 29 de abril de 2018 
  67. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Syndicat National de l'Édition Phonographique)» (em francês). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 30 de abril de 2018 
  68. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Greece Digital Songs)» (em inglês). Greece Digital Songs. Consultado em 30 de abril de 2018 
  69. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége)» (em húngaro). Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em 5 de maio de 2018 
  70. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Irish Recorded Music Association)» (em inglês). Irish Recorded Music Association. Consultado em 27 de abril de 2018 
  71. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Federazione Industria Musicale Italiana)» (em italiano). Federazione Industria Musicale Italiana. Consultado em 27 de abril de 2018 
  72. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Japan Hot 100)» (em inglês). Japan Hot 100. Consultado em 26 de junho de 2018 
  73. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (The Official Lebanese Top 20)» (em inglês). The Official Lebanese Top 20. Consultado em 26 de junho de 2018 
  74. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Recording Industry Association of Malaysia)» (PDF) (em inglês). Recording Industry Association of Malaysia. Consultado em 5 de maio de 2018 
  75. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Mexico Airplay)» (em inglês). Mexico Airplay. Consultado em 26 de junho de 2018 
  76. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (VG-lista)» (em norueguês). VG-lista. Consultado em 27 de abril de 2018 
  77. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (NZ Top 40 Singles)» (em inglês). NZ Top 40 Singles. Consultado em 27 de abril de 2018 
  78. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (MegaCharts)» (em inglês). MegaCharts. Consultado em 27 de abril de 2018 
  79. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Związek Producentów Audio Video)» (em polaco). Związek Producentów Audio Video. Consultado em 26 de junho de 2018 
  80. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Associação Fonográfica Portuguesa)» (em inglês). Associação Fonográfica Portuguesa. Consultado em 26 de junho de 2018 
  81. Rob Copsey (27 de abril de 2018). «Calvin Harris & Dua Lipa's One Kiss holds Ariana Grande off Number 1 after a bumper week of streams» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 27 de abril de 2018 
  82. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (IFPI Česká Republika)» (em inglês). IFPI Česká Republika. Consultado em 30 de abril de 2018 
  83. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Recording Industry Association Singapore)» (em inglês). Recording Industry Association Singapore. Consultado em 5 de maio de 2018 
  84. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Sverigetopplistan)» (em sami do norte). Sverigetopplistan. Consultado em 27 de abril de 2018 
  85. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Schweizer Hitparade)» (em inglês). Schweizer Hitparade. Consultado em 29 de abril de 2018 
  86. «Ariana Grande – No Tears Left to Cry (Euro Digital Songs)» (em inglês). Euro Digital Songs. Consultado em 29 de abril de 2018 
  87. «Top 100 Single-Jahrescharts 2018» (em alemão). Media Control Charts. Consultado em 22 de dezembro de 2018 
  88. «2018 ARIA Singles Chart» (em inglês). ARIA Charts. Consultado em 10 de janeiro de 2019 
  89. {{citar web|língua=en|url=https://oe3.orf.at/charts/stories/2886107/%7Ctítulo=Ö3 Austria Top 40 – Single-Charts 2018|publicado=[[Ö3 Austria Top 40]|acessodata=4 de janeiro de 2018|arquivourl=https://web.archive.org/web/20181228221814/https://oe3.orf.at/charts/stories/2886107/%7Carquivodata=2018-12-28%7Curlmorta=yes}}
  90. «Jaaroverzichten 2018 – Singles» (em inglês). Ultratop 50. Consultado em 22 de dezembro de 2018 
  91. «Rapports Annuels 2018 – Singles» (em inglês). Ultratop 40. Consultado em 22 de dezembro de 2018 
  92. «Canadian Hot 100 – Year-End 2018» (em inglês). Canadian Hot 100. Consultado em 4 de dezembro de 2018 
  93. «Track Top-100 2018» (em dinamarquês). Tracklisten. Consultado em 16 de janeiro de 2019 
  94. «Hot 100 Songs – Year-End 2018» (em inglês). Billboard Hot 100. Consultado em 4 de dezembro de 2018 
  95. «Pop Songs – Year-End 2018» (em inglês). Pop Songs. Consultado em 4 de dezembro de 2018 
  96. «Adult Pop Songs – Year-End 2018» (em inglês). Adult Pop Songs. Consultado em 4 de dezembro de 2018 
  97. «Rhythmic Songs – Year-End 2018» (em inglês). Rhythmic Songs. Consultado em 4 de dezembro de 2018 
  98. «Adult Contemporary – Year-End 2018» (em inglês). Adult Contemporary. Consultado em 4 de dezembro de 2018 
  99. «Dance Club Songs – Year-End 2018» (em inglês). Hot Dance Club Songs. Consultado em 4 de dezembro de 2018 
  100. «Single Top 100 – eladási darabszám alapján – 2018» (em húngaro). Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em 16 de janeiro de 2019 
  101. Jack White (4 de janeiro de 2019). «Ireland's Official Top 40 biggest songs of 2018» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 4 de janeiro de 2019 
  102. «Japan Hot 100 – Year-End 2018» (em inglês). Japan Hot 100. Consultado em 20 de dezembro de 2018 
  103. «Top Selling Singles of 2018» (em inglês). NZ Top 40 Singles. Consultado em 17 de dezembro de 2018 
  104. «Jaaroverzichten – Single 2018» (em inglês). MegaCharts. Consultado em 5 de janeiro de 2019 
  105. Rob Copsey (3 de janeiro de 2019). «The Official Top 40 biggest songs of 2018» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 4 de janeiro de 2019 
  106. «Årslista Singlar – År 2018» (em sami do norte). Sverigetopplistan. Consultado em 14 de janeiro de 2019 
  107. «Schweizer Jahreshitparade 2018» (em inglês). Schweizer Hitparade. Consultado em 4 de janeiro de 2018 
  108. «ARIA Charts – Accreditations – 2018 Singles». Australian Recording Industry Association. Consultado em 30 de agosto de 2018 
  109. «IFPI Austria – Gold & Platin» (em alemão). IFPI Áustria. Consultado em 4 de janeiro de 2019 
  110. «Ultratop – Goud en Platina – Singles 2018» (em inglês). Belgian Entertainment Association. Consultado em 6 de julho de 2018 
  111. «Certificados – Pro-Música Brasil». Pro-Música Brasil. Consultado em 13 de outubro de 2018 
  112. «Gold/Platinum – Music Canada – No Tears Left to Cry» (em inglês). Music Canada. Consultado em 26 de julho de 2018 
  113. «Ariana Grande "No Tears Left to Cry"» (em dinamarquês). IFPI Dinamarca. Consultado em 26 de julho de 2018 
  114. «No Tears Left to Cry – Ariana Grande – El portal de la música» (em espanhol). El Portal de Música. Consultado em 26 de junho de 2018 
  115. «Gold & Platinum – RIAA – No Tears Left to Cry» (em inglês). Recording Industry Association of America. Consultado em 8 de abril de 2019 
  116. «SNEP – Les Certifications» (em francês). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 30 de agosto de 2018 
  117. «FIMI – Certificazioni» (em italiano). Federazione Industria Musicale Italiana. Consultado em 26 de junho de 2018 
  118. «Certificaciones» (em inglês). Asociación Mexicana de Productores de Fonogramas y Videogramas. Consultado em 30 de agosto de 2018 
  119. «NZ Top 40 Singles Chart» (em inglês). Recorded Music NZ. Consultado em 30 de agosto de 2018 
  120. «BRIT Certified – BPI» (em inglês). British Phonographic Industry. Consultado em 6 de julho de 2018 
  121. «Sverigetopplistan - Sveriges Officiella Topplista» (em sami do norte). Grammofon Leverantörernas Förening. Consultado em 7 de novembro de 2018 
  122. «Ariana Grande "No Tears Left to Cry"» (em italiano). Radio Airplay s.r.l. Consultado em 20 de abril de 2018 
  123. «BBC – Radio 1 – Playlist» (em inglês). BBC Radio 1. British Broadcasting Corporation. Consultado em 20 de abril de 2018 
  124. «Single Releases» (em neerlandês). Top40.nl. Consultado em 20 de abril de 2018 
  125. «Hot/Modern/AC Future Releases» (em inglês). All Access. All Access Music Group. Consultado em 19 de abril de 2018 
  126. «Top 40/M Future Releases» (em inglês). All Access. All Access Music Group. Consultado em 19 de abril de 2018 
  127. «Top 40/R Future Releases» (em inglês). All Access. All Access Music Group. Consultado em 19 de abril de 2018