Nome pessoal

nome próprio atribuído a uma pessoa

Um nome pessoal ou nome completo o conjunto de nomes pelos quais um indivíduo é conhecido e que pode ser recitado como um grupo de palavras, entendendo que, juntos, eles todos se relacionam com esse indivíduo.[1] Em muitas culturas, o termo é sinônimo de "nascimento" e "nomes legais" do indivíduo, visto abaixo. O estudo acadêmico de nomes pessoais é chamado de Antroponímia.[2]

Na cultura ocidental, quase todos os indivíduos possuem pelo menos um prenome (também conhecido como primeiro nome, nome pessoal, ou nome de cristão), juntamente com um sobrenome (também conhecido como último nome ou nome de família) - respectivamente, o Thomas e Jefferson em Thomas Jefferson - o último a indicar que o indivíduo pertence a uma família, uma tribo ou um clã. Onde há dois ou mais nomes, tipicamente, apenas um (em culturas de língua inglesa geralmente o primeiro) é usado na fala normal.

Ordem de nomeEditar

Ordem de nome ocidentalEditar

A ordem do prenome, nome de família é comumente conhecida como a ordem ocidental e geralmente é usada na maioria dos países da Europa e em países que possuem culturas predominantemente influenciadas pela Europa Ocidental (por exemplo, as Américas do Norte e Sul, o Norte, Leste, Índia Central e Ocidental, Austrália, Nova Zelândia e Filipinas).

Entre as listas alfabéticas e os catálogos, no entanto, o nome da família geralmente é colocado primeiro, com o(s) nome(s) a seguir, separados por uma vírgula (por exemplo, Smith, John), representando a "ordem do nome lexical". Esta convenção é seguida pela maioria das bibliotecas ocidentais, bem como em muitas formas administrativas.

Ordem de nome orientalEditar

A ordem do nome de família, prenome é comumente conhecida como a ordem oriental e é usada principalmente na Ásia Oriental (por exemplo na China, Japão e Coreia), bem como no Sudeste Asiático (Camboja e Vietnã), e nas partes sul e nordeste da Índia, e também na Hungria.

Quando os nomes da Ásia Oriental são transliterados para o alfabeto latino, algumas pessoas preferem convertê-los para a ordem ocidental, enquanto outras os deixam na ordem oriental, mas escrevem o sobrenome em letras maiúsculas.

Nomes pessoais não humanosEditar

Além do Sistema de Linné, alguns humanos dão nomes individuais de animais e plantas não humanas, geralmente por ter carinho. Em uma classificação onomástica, nomes de animais individuais são chamados zoônimos,[3] enquanto nomes de plantas individuais são chamadas fitonímias.[4]

Nomes de animais de estimaçãoEditar

A prática de nomear animais de estimação remonta pelo menos ao século 23 aC: uma inscrição egípcia desse período menciona um cachorro chamado Abutiu.[5]

Os nomes de animais de estimação geralmente refletem a visão do dono sobre o animal e as expectativas deles para o companheiro.[6][7]

FontesEditar

Referências

  1. Room 1996, p. 79.
  2. Room 1996, p. 8.
  3. Room 1996, p. 106.
  4. Room 1996, p. 80.
  5. Reisner, George Andrew (Dezembro de 1936). «The Dog Which Was Honored by the King of Upper and Lower Egypt». Bulletin of the Museum of Fine Arts (em inglês). 34 (206): 96–99. JSTOR 4170605 
  6. The complete idiot's guide to pet psychic communication, Debbie McGillivray, Eve Adamson, Alpha Books, 2004, ISBN 1-59257-214-6, ISBN 978-1-59257-214-4
  7. Adopting a Pet For Dummies Page 10, By Eve Adamson