Norberto Rivera Carrera

Norberto Rivera Carrera
Cardeal da Igreja Católica
Arcebispo emérito da Cidade do México
Hierarquia
Papa Francisco
Atividade eclesiástica
Diocese Arquidiocese da Cidade do México
Nomeação 13 de junho de 1995
Predecessor Dom Ernesto Cardeal Corripio y Ahumada
Sucessor Dom Carlos Aguiar Cardeal Retes
Mandato 1995 - 2017
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 3 de julho de 1966
Basílica de São Pedro
por Papa Paulo VI
Nomeação episcopal 5 de novembro de 1985
Ordenação episcopal 21 de dezembro de 1985
no Seminário Menor de Tehuacán
por Dom Antonio López Aviña
Nomeado arcebispo 13 de junho de 1995
Cardinalato
Criação 21 de fevereiro de 1998
por Papa João Paulo II
Ordem Cardeal-presbítero
Título São Francisco de Assis na Ripa Grande
Brasão
Coat of arms of Norberto Rivera Carrera.svg
Lema LUMEN GENTIUM
Luz dos povos
Dados pessoais
Nascimento Tepehuanes
6 de junho de 1942 (78 anos)
Nacionalidade mexicano
Funções exercidas -Bispo de Tehuacán (1985-1995)
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Norberto Rivera Carrera (Tepehuanes, 6 de junho de 1942) é um sacerdote e cardeal da Igreja Católica mexicano, arcebispo-emérito da Cidade do México.

BiografiaEditar

Estudou no Seminário Conciliar de Durango e, mais tarde, na Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma, onde obteve a licenciatura em teologia.[1]

Recebeu a ordenação presbiteral no dia 3 de julho de 1966, pelas mãos do Papa Paulo VI, na Basílica de São Pedro.[1][2] Foi membro do corpo docente do Seminário de Durango por 18 anos e prefeito de disciplina, fundador e assistente eclesiástico do movimento “Jornadas de Vida Cristiana”, além de assistente diocesano do “Movimiento Familiar Cristiano” e da Ação Católica Juvenil. Entre 1982 e 1985, foi membro do corpo docente da Pontifícia Universidade do México, na Cidade do México.[1]

Eleito Bispo de Tehuacán em 5 de novembro de 1985, foi ordenado bispo no dia 21 de dezembro, pelas mãos de Dom Antonio López Aviña, arcebispo de Durango, assistido por Dom Adolfo Antonio Suárez Rivera, arcebispo de Monterrey e Dom Rosendo Huesca Pacheco, arcebispo de Puebla.[1][2]

Em 18 de janeiro de 1998, foi anunciada a sua criação como cardeal pelo Papa João Paulo II, no Consistório de 21 de fevereiro, em que recebeu o barrete vermelho e o título de cardeal-presbítero de São Francisco de Assis na Ripa Grande, título do qual tomou posse em 18 de outubro.[1][2]

Foi membro do Conselho de Cardeais para o Estudo de Assuntos Organizacionais e Econômicos da Santa Sé, da Pontifícia Comissão para a América Latina, do Conselho para a Economia, da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica e da Congregação para o Clero.[1]

Em 7 de dezembro de 2017, o Papa Francisco aceitou sua renúncia ao governo pastoral da Arquidiocese da Cidade do México, sendo sucedido pelo arcebispo de Tlalnepantla, Dom Carlos Aguiar Retes.[1][2]

ConclavesEditar

Referências

  1. a b c d e f g The Cardinals of the Holy Roman Church
  2. a b c d Catholic Hierarchy

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Norberto Rivera Carrera

Precedido por
Rafael Ayala y Ayala
 
Bispo de Tehuacán

19851995
Sucedido por
Mario Espinosa Contreras
Precedido por
Ernesto Cardeal Corripio y Ahumada
 
Arcebispo da Cidade do México

19952017
Sucedido por
Carlos Aguiar Cardeal Retes
Precedido por
Laurean Cardeal Rugambwa
 
Cardeal-presbítero de
São Francisco de Assis na Ripa Grande

1998
Sucedido por
incumbente