Novabrasil FM

rede de rádio brasileira
(Redirecionado de NovaBrasil FM)

Novabrasil FM é uma rede de rádio brasileira sediada na cidade de São Paulo, possuindo afiliadas nas regiões Sudeste, Nordeste e Centro-Oeste do Brasil. A rede pertence ao Grupo Thathi de Comunicação e é reconhecida por sua programação musical ser predominante da "nova e moderna MPB". A rede foi lançada em 1.º de junho de 2000, após a aquisição das antigas emissoras da rede Manchete FM pelo empresário Orestes Quércia (incorporada as Organizações Sol Panamby), e sua cabeça de rede é a emissora paulistana.

NovaBrasil FM
{{{alt}}}
Novabrasil FM
Identidade visual usada pela rede e filiais desde novembro de 2020. Emissoras afiliadas usam uma versão da marca sem o nome "Grupo Thathi".
Rede Central de Comunicação Ltda.
País Brasil
Sede São Paulo, SP
Fundação 1 de junho de 2000 (23 anos)
Fundador Orestes Quércia
Pertence a Grupo Thathi de Comunicação
Antigo(s) proprietário(s) Grupo Solpanamby
Formato Rede de rádio comercial
Gênero Música popular brasileira
Idioma Português
Página oficial novabrasilfm.com.br

História

O embrião do projeto de uma rede de emissoras comandadas pelas Organizações Sol Panamby no FM surgiu em 1996, quando a Nova FM de Campinas passou a repetir integralmente a programação da Nova FM de São Paulo. Ambas possuíam programação adulto-contemporânea, sendo que a emissora de Campinas foi a primeira aquisição do grupo, já trabalhando neste formato desde 1985.[1]

Em setembro de 1999, é revelado em matéria da Folha de S.Paulo que o empresário Orestes Quércia comprou as cinco emissoras que formavam a rede Manchete FM (São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Salvador e Recife) por 8 milhões de dólares. Naquele momento, elas estavam arrendadas à Igreja Renascer em Cristo, que já estava providenciando uma nova frequência para operar sua rede, a Manchete Gospel FM.[2]

Inicialmente, foi cogitado que fosse lançada uma rede com programação popular, mas declinaram da proposta devido à concorrência que já existia. A iniciativa de lançar uma rádio de música brasileira (focada na MPB contemporânea) surgiu quando a Musical FM de São Paulo foi arrendada à Igreja Deus é Amor. Com a brecha deixada, optou-se por lançar uma rede para o mercado MPB.[1] O nome escolhido para essa rede foi NovaBrasil FM e sua inauguração oficial ocorreu à meia-noite de 1º de junho de 2000, inicialmente para São Paulo e Campinas (substituindo as duas emissoras que já pertenciam as Organizações Sol Panamby).[3] Aos poucos, a rede assume as emissoras que pertenciam ao Grupo Bloch, estreando a filial carioca em 1º de novembro de 2000.[4] Em seguida entra no ar a filial de Brasília e em março de 2002 entram no ar as emissoras de Salvador e Recife.[5]

Com a estreia da nova programação em São Paulo, a audiência cresce 54%, com média de 24,2 mil ouvintes já nos primeiros três meses.[6] Nas demais praças, houve aumento de audiência entre as classes A e B.[5] No entanto, a rede deixa de ser transmitida no Rio de Janeiro em outubro de 2002, após um arrendamento para a então recém-lançada Nossa Rádio, emissora do missionário R. R. Soares.[7] Atualmente é a segunda maior rede de rádios do Brasil no segmento adulto contemporâneo nos três índices (afiliadas, audiência e faturamento, exceto a audiência em SP, que por pouca diferença, supera a Antena 1), e é a maior se contado o fator "música brasileira", uma vez que seus concorrentes são geralmente emissoras locais e/ou educativas.

Em 4 de junho de 2016, a NovaBrasil FM de Campinas deixa o projeto da rede e volta a se chamar Nova FM, desta vez assumindo um projeto adulto-contemporâneo mesclando a tradicional MPB com sucessos internacionais.[8] Em 11 de setembro de 2017, a rede estreia sua primeira afiliada na cidade de Birigui, interior de São Paulo.[9]

No fim do primeiro semestre de 2018, a NovaBrasil FM começa uma nova expansão de sua rede e inaugura afiliada em Goiânia.[10] Posteriormente, retoma os trabalhos no Rio de Janeiro[11] e inaugura sua afiliada internacional, em Lisboa, Portugal.[12] E no dia 13 de setembro, em parceria com o Grupo de Comunicação O Povo, a NovaBrasil FM estreia em Fortaleza, operando na frequência 106.5 MHz, ocupando o lugar da Mucuripe FM.

Em 2 de janeiro de 2019, a Nova Brasil FM estreia mais uma afiliada, agora em Aracaju, pertencente ao Sistema Atalaia de Comunicação, na frequência 93.5, ocupando o lugar da Mix FM Aracaju, antiga afiliada da Mix FM, O horário de estreia da emissora foi ás 18h (horário de Brasília), durante o programa Radar. Em março de 2019 foi confirmado a chegada da NovaBrasil FM em Teresina, a emissora estreou no dia 1 de abril na frequência 97,5 anteriormente ocupada pela CBN Teresina, porém a afiliada só existiu até o dia 1 de julho, quando a transmissão da NovaBrasil FM na capital foi interrompida para a fase de expectativa para a volta da CBN com a venda da emissora para o Grupo de Comunicação O Povo. No mesmo ano, em agosto, é anunciada uma afiliada em Maceió, através da migração da Rádio Palmares AM 800, que está fora do ar desde 2018.[13]

Em outubro de 2020, é confirmada a venda da rede NovaBrasil FM e das demais empresas de comunicação do Grupo Solpanamby ao Grupo Thathi de Comunicação, do empresário Chaim Zaher, com base em Ribeirão Preto.[14][15] A nova administração assume no mês seguinte.

Em 1 de dezembro de 2020, a rádio incorpora as rádios Cultura FM de Araçatuba, a Nova FM de Campinas e a Thathi FM de Ribeirão Preto tornando-se emissoras próprias da rede, enquanto a NovaBrasil FM Birigui deixa a rede passando a retransmitir a Play FM.[16][17]

Notas e referências

Notas

Referências

  1. a b Ivete Cardoso do Carmo-Roldão (2008). «O rádio FM em Campinas: 35 anos de história» (PDF). Campinas: Pontifícia Universidade Católica de Campinas. 6º Encontro Nacional da Associação Brasileira de Pesquisadores de História da Mídia (em português brasileiro): 1-15. Consultado em 24 de junho de 2018 
  2. Daniel Castro (10 de setembro de 1999). «Igrejas evangélicas disputam FM em SP». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de junho de 2018 
  3. Daniel Castro (31 de maio de 2000). «Nova FM adere hoje à música brasileira». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de junho de 2018 
  4. «NOVA BRASIL FM - 89,5 MHz». Tributo ao Rádio do Rio de Janeiro. 9 de junho de 2018. Consultado em 24 de junho de 2018 
  5. a b Magaly Prado (15 de junho de 2002). «Rede Nova FM consegue promover a MPB no azul». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de junho de 2018 
  6. Magaly Prado (15 de setembro de 2002). «Emissora adota MPB e audiência cresce 54%». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de junho de 2018 
  7. Laura Mattos (11 de dezembro de 2002). «Missionário arrenda FMs de Quércia e horário de Mion». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de junho de 2018 
  8. Daniel Starck (4 de junho de 2016). «Plantão: Nova FM estreia em Campinas com perfil adulto-contemporâneo». Tudo Rádio. Consultado em 24 de junho de 2018 
  9. Daniel Starck (6 de setembro de 2017). «Exclusivo: NOVABRASIL FM define data de estreia de sua primeira afiliada no interior de São Paulo». Tudo Rádio. Consultado em 24 de junho de 2018 
  10. Daniel Starck (24 de maio de 2018). «Extra: De surpresa para o mercado, NOVABRASIL FM já está no ar de forma oficial em Goiânia». Tudo Rádio. Consultado em 24 de junho de 2018 
  11. Carlos Massaro (8 de junho de 2018). «NOVABRASIL FM estreia nas primeiras horas deste sábado no Rio de Janeiro». Tudo Rádio. Consultado em 24 de junho de 2018 
  12. Adonis Alonso (15 de junho de 2018). «Nova Brasil para portugueses». Blog do Adonis. Consultado em 24 de junho de 2018 
  13. https://tudoradio.com/noticias/ver/22106-exclusivo-rede-novabrasil-fm-mantem-expansao-e-contara-com-afiliada-em-maceio
  14. «Empresário do ramo de educação compra TVs e rádio da família Quércia». Folha de S.Paulo. 20 de outubro de 2020. Consultado em 21 de outubro de 2020 
  15. Beth Koike (20 de outubro de 2020). «Grupo Thathi adquire rádio NovaBrasil e afiliadas das TVs Bandeirantes e Record». Valor Econômico. Consultado em 21 de outubro de 2020 
  16. Daniel Starck (1 de dezembro de 2020). «NovaBrasil FM já está no ar em Campinas, Ribeirão Preto e Araçatuba. Rede conta com o novo Nova Manhã». Tudo Rádio. Consultado em 1 de dezembro de 2020 
  17. Massaro, Carlos (30 de novembro de 2020). «Play FM assume frequência que abrigava afiliada da Rede Nova Brasil FM em Birigui». Tudo Rádio. Consultado em 30 de novembro de 2020 

Ligações externas

Precedido por
FM Record e Manchete FM
NovaBrasil FM
2000 - presente
Sucedido por