Abrir menu principal



Neukamerun
Flag of France.svg
1911 – 1916 Flag of France.svg
Localização de Neukamerun
  Neukamerun
Continente África
País Camarões
Capital Não especificada
Governo Parte dos Camarões Alemães
Presidente
 • 1911-1916 Guilherme II
História
 • 1911 Fundação
 • 1916 Dissolução
Camarões ao longo do tempo

Neukamerun (traduzido: Novos Camarões) foi o nome do território da África Central cedido pela França à Alemanha, em 1911. Ao assumir o cargo em 1907, Theodor Seitz, governador dos Camarões Alemães, defendeu a aquisição de territórios do Congo francês.[1] A Alemanha possuía o único grande rio da Africa Central, o rio Congo, e territórios mais a leste dos Camarões Alemães que permitiria um melhor acesso à via navegável.[2]

A França e a Alemanha eram rivais pelo Marrocos, e em 1911, a Crise de Agadir irrompeu sobre a questão da posse desse reino. Os dois países concordaram em negociar, em 9 de Julho de 1911, e em 4 de Novembro, foi assinado o Tratado de Fez. A França concordou em ceder parte do Congo francês à Alemanha em troca do reconhecimento alemão dos direitos da França no Marrocos[3] e uma faixa de terra no nordeste dos Camarões Alemães entre os rios Logone e Chari. A colônia dos Camarões Alemães cresceu de 465,000 km² para 760.000 km².[3] Otto Gleim era governador dos Camarões Alemães na época.

A troca provocou um debate na Alemanha; opositores argumentaram que os novos territórios apresentavam poucas oportunidades para a exploração comercial ou outro benefício. O secretário colonial alemão acabou por demitir-se após o assunto.[3]

Durante a Primeira Guerra Mundial, a França estava ansiosa para recuperar o território.[4] Em 1916, a Alemanha devolveu Neukamerun para a França após a queda das forças alemãs na África. A França assumiu o controle de Cameroun como um mandato da Liga das Nações (embora não tenha sido integrada a África Equatorial Francesa). O território faz atualmente parte do Chade, República Centro Africana, República do Congo, Gabão.[5]

Referências

  1. Ngoh 74.
  2. Neba 4.
  3. a b c DeLancey and DeLancey 200.
  4. Ngoh 128.
  5. Neba 4–5.
  • DeLancey, Mark W., and DeLancey, Mark Dike (2000). Historical Dictionary of the Republic of Cameroon (3rd ed.). Lanham, Maryland: The Scarecrow Press. ISBN 0810837757.
  • Hoffmann, Florian (2007). Okkupation und Militärverwaltung in Kamerun. Etablierung und Institutionalisierung des kolonialen Gewaltmonopols. Göttingen: Cuvillier. ISBN 3-86727-472-2
  • Neba, Aaron (1999). Modern Geography of the Republic of Cameroon, 3rd ed. Bamenda: Neba Publishers. ISBN 0941815021.
  • Ngoh, Victor Julius (1996). History of Cameroon Since 1800. Limbé: Presbook. ISBN 0333471210.
  • Map of the German Cameroons