Abrir menu principal
Nuno Brás da Silva Martins
Bispo da Igreja Católica
Bispo do Funchal
D. Nuno Brás numa Catequese Quaresmal na Sé Patriarcal de Lisboa
Hierarquia
Papa Francisco
Arcebispo metropolita Manuel Clemente
Atividade Eclesiástica
Diocese Diocese do Funchal
Nomeação 12 de janeiro de 2019
Entrada solene 17 de fevereiro de 2019
Predecessor Dom António José Cavaco Carrilho
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 4 de julho de 1987
Mosteiro dos Jerónimos
por António Ribeiro
Nomeação episcopal 10 de outubro de 2011
Ordenação episcopal 20 de novembro de 2011
Mosteiro dos Jerónimos
por José da Cruz Policarpo
Lema episcopal In Verbo Tuo
Brasão episcopal
Coat of arms of Nuno Brás da Silva Martins.svg
Dados pessoais
Nascimento Vimeiro
12 de maio de 1963 (56 anos)
Nacionalidade português
Habilitação académica Doutoramento em Teologia Fundamental (1999), pela Pontifícia Universidade Gregoriana em Roma
Funções exercidas - Reitor do Pontifício Colégio Português em Roma (2002-2005)
- Reitor do Seminário Maior de Cristo Rei dos Olivais (2005-2011)
- Bispo-auxiliar de Lisboa (2011-2019)
dados em catholic-hierarchy.org
Bispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Nuno Brás da Silva Martins (Vimeiro, Lourinhã, 12 de Maio de 1963) é um bispo católico português, atual Bispo do Funchal (Madeira).

BiografiaEditar

D. Nuno Brás da Silva Martins licenciou-se em Teologia pela Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, em 1985.[1] Foi ordenado padre em 4 de Julho de 1987, em Lisboa. Realizou doutorado em Teologia Fundamental em 1999, pela Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, com a tese: Cristo comunicador perfeito. Leitura teológica para uma investigação interdisciplinar sobre o fenómeno comunicativo, orientado por Mons. Rino Fisichella.[1] Entre 2005 e 2011, foi Reitor do Seminário Maior de Cristo Rei, em Olivais.[1] Foi nomeado Cónego da Sé Metropolitana Patriarcal de Lisboa a 10 de janeiro de 2006 e a tomada de posse decorreu em 21 de janeiro de 2006.

Nomeado bispo-auxiliar de Lisboa em 10 de Outubro de 2011, foi consagrado bispo-titular da Diocese de Elvas pelo então Cardeal-Patriarca José da Cruz Policarpo no Mosteiro dos Jerónimos a 20 de Novembro, auxiliado pelo arcebispo D. Salvatore Rino Fisichella, presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, e por D. Manuel José Macário do Nascimento Clemente, então bispo do Porto e actual Patriarca de Lisboa.

BibliografiaEditar

Dom Nuno escreveu três livros:

  • A vida cristã como extensão da encarnação. Teologia da existência cristã nas Obras Pastorais do Cardeal Cerejeira, Lisboa, Rei dos Livros - UCP, 1992.
  • Cristo o comunicador perfeito. Delineamento de uma teologia da comunicação à luz da Instrução Pastoral Communio et progressio, Lisboa, Didaskalia, 2000.
  • Introdução à Teologia, Lisboa, UCP, 2003.

Ligações externasEditar

Referências