Nuno Prata

músico, compositor português
Nuno Prata
Informação geral
Nascimento 1975 (45 anos)
Origem Porto
País Portugal Portugal
Género(s) Cantautor
Página oficial http://nunoprata.blogspot.com/

Nuno Prata (n. 1975) foi o baixista da popular banda portuense Ornatos Violeta. Depois da extinção da banda, em 2002, Nuno Prata começou uma carreira a solo, e lançou uma maqueta com Nicolas Tricot, ex-Red Wings Mosquito Stings, intitulada Nuno, Nico (2004). Os temas eram: "Não Deixes de Querer Fugir"; "Nada é Tão Mau"; "Guarda Bem o Teu Tesouro" e "Já é Sábado". As mesmas canções foram regravadas mais tarde, em jeito de se tornarem parte integrante do primeiro álbum de Nuno em nome próprio, entre outras 15 faixas. O disco, intitulado Todos os Dias Fossem Estes/Outros, saiu em meados de 2006, que devido a problemas com a edição deveria ter sido publicado em 2005. O ponto forte é o sabor tradicional do seu folk, que em vez de se apoiar numa estrutura básica de guitarras acústicas (como é costume pelo Mundo fora), se dedicou a um multi-instrumentalismo variadíssimo, partindo dos instrumentos mais improvisados, com a indispensável ajuda de Nicolas Tricot, que o produziu. No tema "Alegremente Cantando e Rindo Vamos", existem coros que acompanham a voz de Prata, esses interpretados por todos os elementos dos extintos Ornatos Violeta. Em 2010, lançou o segundo álbum a solo: Deve Haver. Foi produzido por Hélder Gonçalves e contou com as participações de Manuela Azevedo e B Fachada. O primeiro single foi "Essa Dor Não Existe (Tu sabes disso, não sabes?)".

DiscografiaEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre baixistas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.