O Corneteiro Lopes

filme de 2003 dirigido por Lázaro Faria

O Corneteiro Lopes é um curta-metragem brasileiro de 2003, dirigido por Lázaro Faria. Este filme, que é o quarto trabalho do diretor baiano, reconta livremente a história lendária de um evento ocorrido pelas guerras de independência ocorridas no Brasil após a declaração de Dom Pedro I.

O Corneteiro Lopes
 Brasil
2003 •  cor •  21 min 
Direção Lázaro Faria
Elenco Nuno Lopes
Thalma de Freitas
Leandro Firmino
Gideon Rosa
Marcelo Praddo
Celso Júnior
Gênero ficção
Idioma português

A Bahia encontra-se sitiada pelas tropas portuguesas que vêm pouco a pouco deteriorando as forças de resistência comandadas pelo General Labatut. Em meio a uma feroz ofensiva, o comandante ordena ao corneteiro português servindo nas fileiras baianas Luiz Lopes a tocar a "retirada". Por motivações que se tornam ambíguas pela trama, o corneteiro Lopes desobedece e altera o toque para "avançar cavalaria, a degolar". O resultado, premeditado ou não, é a fuga desordenada das tropas portuguesas que pensam terem os baianos conseguido reforços. Deste modo foi vencida a Batalha de Pirajá, decisiva para a independência da Bahia.

TrajetóriaEditar

Participação em mostras e festivaisEditar

PremiaçõesEditar

  • 28º Festival Guarnicê de Cinema - São Luiz - MA - Melhor Direção de Arte 2005
  • XII Festival de Teresina - PI -3º Lugar 2004

Referências

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um filme é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.