Abrir menu principal

Odilo Globocnik

político austríaco
Odilo GlobocnikCombatente Militar
Globocnik em 1938.
Nascimento 21 de abril de 1904
Trieste, Império Austro-Húngaro
Morte 31 de maio de 1945 (41 anos)
Paternion, Áustria
Serviço militar
Serviço Flag of the Schutzstaffel.svg Schutzstaffel
País Alemanha Nazista Alemanha Nazista
Anos de serviço 1933-1945
Patente Gruppenführer
Conflitos Segunda Guerra Mundial

Odilo Lothar Ludwig Globocnik (21 de abril de 1904 – 31 de maio de 1945) foi um militar austríaco e proeminente criminoso de guerra nazista que serviu como oficial na Schutzstaffel (SS). Associado a Adolf Eichmann e outros criminosos nazistas, ele teve um papel importante de liderança na Operação Reinhardt, que resultou na morte de quase dois milhões de pessoas durante o Holocausto. Uma das suas funções era organizar as buscas por judeus na Europa Oriental e fechar os guetos na Polônia, transferido os capturados para campos de concentração, como Majdanek, Treblinka, Sobibór e Bełżec.[1][2][3] O historiador Michael Allen o descreveu como "o mais vil indivíduo na organização mais vil já conhecida".[1]

Globocnik foi capturado por tropas Aliadas na Áustria após a guerra, mas logo cometeu suicídio, através de uma cápsula de cianeto, para evitar ser levado a julgamento.[4]

Referências

  1. a b Kranjc, Joseph G. (2013). To Walk with the Devil, University of Toronto Press, ISBN 1442613300, p.124
  2. "Under His Very Windows: The Vatican and the Holocaust in Italy", Susan Zuccotti. Yale University Press, 2002. ISBN 0-300-09310-1, ISBN 978-0-300-09310-0. p. 287
  3. Mazower, Mark (2008) Hitler's Empire, pages 382, 384–387, ISBN 978-1-59420-188-2.
  4. "Prosecuting Nazi War Criminals", fold3.com; acessado em janeiro de 2016.