Abrir menu principal

Opérculo

página de desambiguação de um projeto da Wikimedia

Nos peixes ósseos, os opérculos são placas ósseas localizadas nos lados da cabeça, antes das guelras (contando da cabeça do peixe para a cauda), e cobrem a fenda branquial. Podem ser lisos, cobertos de escamas ou ornamentados com cristas ou espinhos. Serve para proteção das branquias.

Nos gastrópodes, são placas calcárias ou córneas com que o animal pode fechar-se dentro da concha, que recebem este nome.

Nos musgos, o opérculo é a cobertura da cápsula que se destaca para permitir a saída dos esporos.

Nas colmeias, o opérculo é uma fina camada de cera depositada pelas abelhas sobre o mel "maduro", ou seja, que já teve grande parte de sua água evaporada, tornando-se mais espesso e nutritivo (o chamado "mel de opérculo").

Na neuroanatomia, opérculo é um termo que pode se referir às regiões do opérculo frontal, temporal e parietal que cobrem a ínsula. Pode se referir também ao opérculo occipital.

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.