Abrir menu principal
"Opposites A-Frack"
"Opostos, mas nem Tanto" (BR)
557.º episódio da 26.ª temporada de Os Simpsons
Opposites A-frack.jpg
Burns (à direita) conhece Maxine Lombard (à esquerda).
Informação geral
Escrito por Valentina L. Garza[1]
Produzido por Al Jean e Matt Selman
Transmissão original {{{data original}}}
Convidados
Cronologia
"Treehouse of Horror XXV"

Opposites A-frack é o quinto episódio da vigésima sexta temporada do seriado de animação de comédia de situação The Simpsons, sendo exibido originalmente na noite de 2 de novembro de 2014 pela Fox Broadcasting Company (FOX) nos Estados Unidos.

No episódio, Lisa traz a deputada Maxine Lombard para pôr fim a uma operação para acabar com a oposição comandada pelo Sr. Burns, mas é surpreendida quando os dois adversários políticos encontram-se atraídos um pelo outro.

Índice

EnredoEditar

Marge convida Patty e Selma para ficar na casa dos Simpsons, desde que não fumem; Homer instala alarmes de fumaça por toda a casa para garantir isso. Depois de uma tentativa de cigarros eletrônicos falhar, as gêmeas entram em um banheiro no andar térreo para fumar, visto que Homer esqueceu de colocar um alarme de fumaça naquele local, mas eles pegam fogo a partir da água da torneira. Marge é informada por Lisa que este é possivelmente resultado de fracking, que ela descobre que o Sr. Burns está operando. Ela chama a deputada democrata de sucesso Maxine Lombard para parar o fracking.

Burns fica furioso com Lombard e faz "tempestades" em seu escritório, mas os dois acabam tendo relações sexuais e prometem continuar seu romance, apesar de suas diferenças políticas. Ao saber que ele deve obter os direitos de exploração mineral para todos os terrenos em Springfield, a fim de retomar a sua operação de fracking, Burns dá a Homer o trabalho de comercialização para os cidadãos de Springfield. Em uma reunião da Câmara Municipal, o Professor Frink alerta os habitantes sobre a contaminação da água, mas Homer promete US$ 5.000 para cada pessoa que ceder os seus direitos de exploração mineral para Burns. Quando ele está prestes a retomar a operação, Burns descobre que Marge não deu permissão para ele, e, assim, o projeto é abandonado, enfurecendo muitos moradores que já estavam sonhando com o dinheiro. Sabendo que ele vai perder seu novo emprego, Homer está irritado com Marge, e o Sr. Burns separa-se de Lombard.

Lombard se vinga de Burns, demolindo sua mansão para usar a terra para várias causas liberais, incluindo Robert Siegel. Burns planeja uma vingança ainda maior, e retoma a operação fracking na potência máxima, causando terremotos na cidade. Marge apela para que Homer desligue a operação, e ele acende a água inflamável para queimar a planta de fracking . Ao ver que Homer e Marge podem se reconciliar apesar de suas diferenças, devido à sua paixão, Burns e Lombard voltar a ficar juntos. Durante os créditos finais, Burns e Lombard são vistos tendo uma conversa chata enquanto estavamdeitadom na cama com tablets.

ProduçãoEditar

O episódio foi escrito por Valentina L. Garza e dirigido por Matthew Nastuk. Conta com duas estrelas convidadas: Jane Fonda e Robert Siegel.

Jane Fonda nunca tinha feito uma narração antes de gravar para este episódio. O produtor executivo Matt Selman disse: "Eu acho que ela estava um pouco nervosa. Eu acho que eu estava mais nervoso. Ela foi muito encorajadora de direção e da linha de leituras, e todas as coisas que famosos atores premiados com o Oscar não costumam pedir. Ela entendeu o personagem e acabou de ler cada cena perfeitamente." [2]

Referências CulturaisEditar

Sr. Burns diz a Maxine Lombard que ela era a melhor mulher que ele já tinha estado, inclusive com Nellie Taft, a esposa do presidente Howard Taft. O episódio Homer the Smithers havia revelado anteriormente que a mãe de Burns teve um caso com o próprio presidente Taft.[3] Quando chove, Homer diz a Patty e Selma: "Bad News Bears(Más Notícias, Ursos)", fazendo referência ao filme de mesmo título.

RecepçãoEditar

AudiênciaEditar

O episódio foi visto em sua exibição original por 4,24 milhões de telespectadores, recebendo uma quota de 2,0/5 na demográfica 18-49.[4] Apresentou uma queda de 3,52 milhões de telespectadores com relação ao episódio anterior, Treehouse of Horror XXV. O show foi o mais assistido da FOX naquela noite.

CríticaEditar

Dennis Perkins, do The A.V. Club, deu ao episódio um B-, dizendo que "Homer trabalha para Burns e, em seguida, sabotando sua operação, era parte de sua "humanidade básica". Ele se referiu ao fim da relação entre Burns e Maxine Lombard como tendo uma "tristeza arrepiante", e afirmou que a narração de Jane Fonda era muito semelhante a da dubladora Tress MacNeille. Apesar de admitir que o episódio seguiu o que ele via como viés liberal habitual da série, ele disse que havia piadas suficientes na agenda de Lombard também, destacando como ela queria uma fotografia de um bebê ao lado da água ardente.[5]

Referências

  1. https://twitter.com/mxedtr/status/517760216297791489/photo/1
  2. Serio, Kelli (31 de Outubro de 2014). «JANE FONDA GUEST STARS IN 'SIMPSONS' EPISODE ABOUT FRACKING». Breitbart. Consultado em 3 de Novembro de 2014 
  3. Snierson, Dan (31 de Outubro de 2014). «Jane Fonda plays Mr. Burns' secret lover on 'The Simpsons'». Entertainment Weekly. Consultado em 1 de Novembro de 2014 
  4. Bibel, Sara (3 de Novembro de 2014). «TV Ratings Sunday: 'Once Upon A Time', 'Madam Secretary', 'Resurrection' & 'Revenge' Up; 'Brooklyn Nine-Nine' & 'The Good Wife' Down, 'Mulaney' Hits Low». TV by the Numbers. Zap2it. Consultado em 4 de Novembro de 2014 
  5. Perkins, Dennis (3 de Novembro de 2014). «The Simpsons: "Opposites A-Frack"». The A.V. Club. Consultado em 3 de Novembro de 2014 

Ligações ExternasEditar