Abrir menu principal
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde fevereiro de 2009)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.

O conceito de ordem mundial refere-se ao equilíbrio internacional de poder, envolvendo as grandes potências, com suas áreas de influência, e disputas comerciais, econômicas, políticas, diplomáticas e culturais entre os Estados ou países.

Podemos também definir 'ordem mundial' como a forma pela qual se estruturam e ocorrem as relações de poder mundial. Exemplo: durante a Guerra Fria, dominava a bipolaridade, sendo o poder disputado entre Estados Unidos e União Soviética. A partir da década de 1970, temos a multipolaridade, na qual o poder mundial está dividido entre blocos econômicos. A Nova Ordem Mundial corresponderia, portanto, a um mundo multipolar, caracterizado por um intenso processo de urbanização, onde se defrontam interesses diversos concorrentes e frequentemente antagônicos. Essa nova condição não tem precedentes históricos, sendo por isso objeto de intensa especulação e conjecturas por parte de estudiosos, especialmente das áreas de economia e política, suscitando também o surgimento de teorias conspiratórias mais ou menos fantasiosas acerca de grandes manobras engendradas por membros da elite política e econômica, visando manipular e controlar os destinos do planeta.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre relações internacionais, diplomacia ou sobre um diplomata é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.