Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2014). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Patara
Πάταρα
Patara-view.jpg
Localização atual
Patara está localizado em: Turquia
Patara
Coordenadas 36° 15' 58" N 29° 19' 2" E
País  Turquia
Dados históricos
Região histórica Lícia
Província romana Lícia e Panfília

Patara (em grego Πάταρα), posteriormente renomeada para Arsinoé (em grego Ἀρσινόη) foi uma grande cidade de comércio marítimo da Grécia Antiga, localizada na costa da Lícia, atualmente nas proximidades da cidade turca de Gelemiş.[1]

HistóriaEditar

 
Ruínas de Patara

A tradição diz que ela foi fundada por Pataro, filho de Apolo. Tornou-se famosa na Antiguidade por seu importante oráculo de Apolo. Foi conquistada por Alexandre Magno em 333 a.C. e depois de sua morte foi ocupada por Antígono I. Mais tarde passou para o domínio dos Ptolomeus do Egito, que a ampliaram e lhe deram o nome de Arsinoé, nome da esposa de Ptolomeu II Filadelfo. Em seguida foi conquistada sucessivamente por Rodes e Roma.

Foi cristianizada logo no início do Cristianismo, e ali nasceram vários bispos da Igreja primitiva. Durante o Império Bizantino permaneceu um ponto de comércio e peregrinação, mas nas guerras contra os turcos foi abandonada, e hoje é um grande sítio arqueológico.

Referências

  1. Este artigo incorpora texto do Dictionary of Greek and Roman Geography (em domínio público), de William Smith (1856), vol. 2.
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Patara», especificamente desta versão.
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Patara
  Este artigo sobre arqueologia ou arqueólogos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.