Fábio de Melo

sacerdote católico, artista, escritor, professor universitário e apresentador brasileiro
(Redirecionado de Padre Fábio de Melo)

Fábio José de Melo Silva (Formiga, 3 de abril de 1971) é um sacerdote católico, artista, escritor, professor universitário e apresentador brasileiro. Pertenceu à Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus, mas depois passou à Diocese de Taubaté, no interior do estado de São Paulo.

Fábio de Melo
Presbítero da Igreja Católica
Info/Prelado da Igreja Católica
Padre Fábio de Melo em 2019
Hierarquia
Papa Francisco
Arcebispo metropolita Orlando Brandes
Bispo Wilson Luís Angotti Filho
Atividade eclesiástica
Diocese Diocese de Taubaté
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 15 de dezembro de 2001
Igreja Matriz de São Vicente Ferrer, Formiga
por Dom Alberto Taveira Corrêa
Dados pessoais
Nascimento Formiga, Minas Gerais
3 de abril de 1971 (53 anos)
Nome nascimento Fábio José de Melo Silva
Nacionalidade brasileiro
Progenitores Mãe: Ana Maria de Melo Silva
Pai: Dorinato Bias Silva
Categoria:Igreja Católica
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo
Carreira musical
Fábio de Melo
Informação geral
Gênero(s) música católica, música cristã contemporânea, MPB, forró
Ocupação(ões) sacerdote católico, artista, escritor, professor e apresentador
Instrumento(s) vocal
violão
Extensão vocal barítono
Período em atividade 1997—presente
Gravadora(s) Sony Music
Som Livre
Canção Nova
Paulinas
LGK Music
Página oficial www.pefabiodemelo.com.br

Como cantor, gravou oito discos pela gravadora católica Paulinas-COMEP, um pela gravadora Canção Nova, um projeto independente (Tom de Minas). Seu primeiro disco por uma gravadora secular, Vida, foi lançado pela LGK Music e pela Som Livre, com quem continua gravando, já tendo lançado mais dois discos (Iluminar e Eu e o Tempo – CD e DVD) até o fim do ano de 2009. Teve breve passagem pela gravadora Sony Music e atualmente segue como artista independente, tendo lançado singles de grande sucesso em parceria com grandes artistas da música brasileira como “Quando o sono bater” (com Luan Santana, 2020), “Não desisto” (com Simone e Simaria, 2020) e “Retrovisor” (com Ivete Sangalo, 2021).

Ao todo, Fábio de Melo já vendeu mais de 3 milhões de cópias de CDs (1,8 milhão apenas na Som Livre), além de 3,5 milhões de livros. Como professor universitário, lecionou teologia na Faculdade Dehoniana de Taubaté. Atualmente, apresenta o programa Direção Espiritual, transmitido pela TV Canção Nova. Em dezembro de 2019, entrou no ranking do instituto QualiBest como um dos maiores influenciadores digitais do Brasil.[1]

Biografia

editar

Fábio José de Melo Silva nasceu na cidade de Formiga, Minas Gerais, no dia 3 de abril de 1971. Tornou-se nacionalmente conhecido por seu trabalho como comunicador: sua obra compõe-se de 22 livros publicados e também de 17 CDs que, juntos, venderam mais de 6,5 milhões de unidades. Mestre em antropologia teológica, foi ordenado padre em 2001 e atualmente pertence à Diocese de Taubaté (interior de São Paulo), nas peregrinações e nos acampamentos de oração em Cachoeira Paulista (Canção Nova). É graduado em Filosofia e Teologia, pós-graduado em Educação e mestre em Teologia Sistemática. Ele é o caçula dos oito filhos do pedreiro Dorinato Bias Silva e da dona-de-casa Ana Maria de Melo Silva.

Fez o primeiro grau na Escola Estadual Abílio Machado, em Formiga (MG), e o segundo grau no colégio Nossa Senhora de Lourdes, em Lavras (MG).

O sacerdócio

editar

O padre Maurício Leão teve grande influência na sua vida de seminarista, levando-o para o seminário de Lavras. Em sua vida sacerdotal, tem como referência os padres Zezinho, Joãozinho e Léo Tarcísio.

Formou-se em Filosofia na Fundação Educacional de Brusque, em Santa Catarina e em Teologia na Faculdade Dehoniana de Taubaté, com diploma emitido pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Foi ordenado sacerdote pela oração consacratória e imposição das mãos do Arcebispo Metropolitano de Palmas, Tocantins, Dom Alberto Taveira Corrêa, no dia 15 de dezembro de 2001, em sua cidade natal, na Igreja Matriz de São Vicente Ferrer, após 18 anos de formação e estudos em seminários, com fase final sendo frater no seminário São Judas Tadeu de Terra Boa, Paraná.

Fez pós-graduação em educação no Rio de Janeiro e mestrado em Belo Horizonte, junto aos jesuítas, no Instituto Santo Inácio – ISI (FAJE: Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia).

Em seguida, retornou a Taubaté para lecionar na área de Teologia Fundamental e Sistemática, na mesma faculdade em que havia se formado.

A poesia e a música

editar
 
Fábio de Melo em um concerto em 2011

Tendo como referencial o Padre Zezinho (SCJ), precursor dos padres cantores desde a década de 1960, padre Fábio de Melo lançou seu primeiro CD, em 1997, com o título "De Deus um cantador".

Em seguida "Saudades do Céu", com a participação de diversos artistas católicos, reunindo os cantores de sua congregação, como padre Zezinho e padre Joãozinho, incluídos no CD "Canta coração", um tributo ao Sagrado Coração de Jesus.

Ao receber a ordenação diaconal, compõe "As estações da vida", que viria a ser a música de abertura de suas apresentações ao vivo, especialmente depois do lançamento do DVD Eu e o Tempo. Já ordenado padre, em 2003, traz ao mercado o seu mais novo trabalho, "Marcas do eterno".

No ano de 2004, envereda por um projeto independente, o disco "Tom de Minas", de conteúdo autoral, que homenageia nomes e lugares de seu estado natal: Minas Gerais, contando com a participação do cantor e compositor popular Paulinho Pedra Azul, do qual resulta um show na capital, Belo Horizonte, com o nome "Minas e Outros Tons".[2]

O retorno aos temas ligados a sua formação, fazem parte do CD Humano Demais em 2005, que contém canções de sua autoria e de outros compositores da música católica.

Em 2006, celebrando seus 10 anos de atuação na música católica, decide-se por um trabalho que inclui além de algumas de suas composições, diversas conhecidas canções "sertanejas", numa homenagem a suas origens e a seu pai, que também cantava e tocava viola caipira.

O CD de 2007, Filho do Céu, primeiro fora das Paulinas e agora pela Canção Nova, fala de vivências pessoais e daqueles que se foram, como o Padre Léo Tarcísio, seu formador, durante o seminário e grande amigo e do cantor e compositor Robson Jr., dos Cantores de Deus e seu melhor amigo, ambos mortos na mesma época, vítimas de câncer. Lançado no mesmo ano, o CD Enredos do Meu Povo Simples retoma a ideia já experimentada em "Zé Da Silva", com canções sertanejas, apresentando as que ficaram fora do outro projeto.[carece de fontes?]

No ano de 2008 o padre Fábio de Melo lançou seu primeiro CD pela gravadora Som Livre - "Vida" - trabalho que o tornou conhecido nacionalmente, através das diversas participações em programas na TV aberta. Dando continuidade ao seu trabalho de evangelização através dos meios de comunicação social lançou em 2009 o CD "Iluminar" e pouco tempo depois "Eu e o Tempo". Em 2014, gravou "Amar Como Jesus Amou", num dueto com a cantora Fernanda Takai, no disco Na Medida do Impossível.

Discografia

editar

Álbuns de inéditas

editar
Ano Título Gravadora Vendas Certificação
1997 De Deus um cantador Paulinas-COMEP
1999 Saudades do céu Paulinas-COMEP
2001 As Estações da Vida Paulinas-COMEP
2003 Marcas do eterno Paulinas-COMEP
2004 Tom de Minas Independente
2005 Humano Demais Paulinas-COMEP 100.000   Ouro [3]
2006 Sou um Zé da Silva e Outros Tantos Paulinas-COMEP 50.000   Ouro[3]
2007 Filho do Céu Canção Nova 100.000   Platina[3]
2007 Enredos do Meu Povo Simples Paulinas-COMEP 50.000   Ouro[4]
2008 Vida LGK Music, Som Livre 1.500.000   Diamante[3]
2009 Iluminar Som Livre 400.000   3× Platina[3]
2012 Estou aqui Sony Music 100.000   Platina[3]
2014 Solo Sagrado Sony Music 70.000   Ouro
2015 Deus no Esconderijo do Verso Sony Music 60.000   Ouro
2017 Clareou Sony Music 14.000
2018 O Amor Me Elegeu Canção Nova

Singles

Ano Título
2020 Não Desisto - part. Simone e Simaria
2020 Quando o Sono Bater- part. Luan Santana
2021 Retrovisor- part. Ivete Sangalo
2022 Este sou Eu
2022 Sobre o Tempo e o Coração
2022 Coração de Transgressor

Álbuns ao vivo

editar
Ano Título Gravadora Vendas Certificação
2009 Eu e o Tempo LGK Music, Som Livre 350.000   3× Platina [3]
2010 Iluminar - Ao Vivo Som Livre 200.000   2× Platina [3]
2011 No Meu Interior Tem Deus Sony Music 200.000   2× Platina [3]
2013 Queremos Deus Sony Music 50.000   Ouro
2016 Deus no Esconderijo do Verso - Ao Vivo Sony Music 40.000
Ano Título Gravadora Vendas Certificação
2009 Eu e o Tempo LGK Music, Som Livre 500.000   2× Diamante[3]
2010 Iluminar - Ao Vivo Som Livre 100.000   2× Platina[3]
2011 No Meu Interior Tem Deus Sony Music 200.000   3× Platina [3]
2013 Queremos Deus Sony Music 50.000   Platina
2016 Deus no Esconderijo do Verso - Ao Vivo Sony Music 200000.000

Coletâneas

editar
  • 2000 - Canta Coração (Paulinas-COMEP)
  • 2007 - Grandes Momentos (Paulinas-COMEP)
  • 2008 - Coletânea Padre Fabio De Melo (LGK music, Som Livre)
  • 2009
    • Grandes Momentos 2 (Paulinas-COMEP)
    • Grandes Sucessos Vol.1 - Vários Artistas (Paulinas-COMEP)
    • Grandes Sucessos Vol.2 - Vários Artistas (Paulinas-COMEP)
  • 2010 - Pe. Fábio de Melo - Coletânea Série Ouro - CD em comemoração dos 50 anos da Paulinas-COMEP (Paulinas-COMEP)

Por: Mardem Gondim

Projetos paralelos

editar
  • 2007
    • Enredados ao Vivo Vol. 1 - Enredados Brasil (Adriana Paula de Almeida, Pe. Fábio de Melo, Dunga, Martin Valverde e Migueli) (Solo Sagrado Produções e Eventos)
    • Enredados ao Vivo Vol. 2 - Enredados Brasil (Solo Sagrado Produções e Eventos)
    • DVD Enredados ao Vivo - Enredados Brasil (Solo Sagrado Produções e Eventos)

Participações em CD

editar
  • 2004
    • - Diamante Lapidado - Celina Borges (faixa 6 "Bate Coração")
  • 2005
    • - Mais Feliz - Adriana Paula de Almeida (faixa 12 - "Nossa Missão");
  • 2007
    • - Adriana Ao Vivo - Adriana Paula de Almeida (faixa 12 - "Humano Amor de Deus");
  • 2008
    • - Perseverar - Adrielle Lopes (faixa 6 - "Milagre");
  • 2009
    • - Tudo Posso - Celina Borges (faixa 10 - "Lava-me");
    • - Coração sem abrigo - Andre Leonno (faixa 11 - "Contrários");
    • - Milagres - Adriana Paula de Almeida - (faixa 03 - "Milagres");
    • - Typ Vox - Typ Vox (faixa 10 - "Alma de Adorador");
  • 2010
    • - Raízes - Faixa 8 - "Só o Amor (Solo el Amor)"
    • - Molda-me - Dalvimar Gallo (faixa 10 - "Volta pra Casa");
    • - Tudo Passa Pela Cruz - Olívia Ferreira (faixa 7 - "Cuidas de Mim");
    • - 30 Anos Ao vivo - Roupa Nova (faixa "A Paz")
  • 2011
  • 2014
  • 2016
  • - Quem é você ? - Celina Borges (Faixa 10 - "O Sol vai brilhar")
  • 2022
  • Eu e Vocês - Elba Ramalho ( Faixa 2 - O Inverno É Você)
  • 2023
  • De Volta à Essência- Thiago Brado ( Faixa 1 - Minha Essência)

Participações em DVD

editar
  • 2007
    • - Adriana Ao Vivo - Adriana Paula de Almeida - (faixa 12 - "Humano Amor de Deus");
  • 2010
    • - Raízes - Daniel - Faixa 11 - "Só o Amor (Solo el Amor)";
    • - Roupa Nova - 30 anos - Roupa Nova - (faixa 11 - "A Paz");
  • 2011

Livros

editar
  • 2006 - Tempo: saudades e esquecimentos - Paulinas-COMEP - ISBN 853560989X
  • 2007 - Amigo: somos muitos, mesmo sendo dois - Editora Gente - ISBN 978-85-7312-584-9
  • 2008 - Quem Me Roubou de Mim? - Canção Nova - ISBN 97-885-7677098-5
  • 2008 - Mulheres de aço e de flores - Gente - ISBN 97-885-7312610-5
  • 2008 - Quando o sofrimento bate a sua porta - Canção Nova - ISBN 97-885-7677122-7
  • 2009 - Cartas entre Amigos - sobre medos contemporâneos, com Gabriel Chalita - Ediouro - ISBN 97-885-6030302-1
  • 2009 - Mulheres Cheias de Graça - Ediouro - ISBN 9788500330223
  • 2010 - Cartas entre Amigos - sobre ganhar e perder, com Gabriel Chalita - Editora Globo - ISBN 8525048402
  • 2011 - O verso e a cena - Editora Globo
  • 2011 - Tempo de Esperas - Editora Planeta
  • 2012 - Orfandades - o destino das ausências - Editora Planeta
  • 2013 - É Sagrado Viver - Editora Planeta
  • 2014 - O Discípulo da Madrugada - Editora Planeta
  • 2017 - Crer ou Não Crer (em parceria com Leandro Karnal) - Editora Planeta
  • 2019 - Por Onde For o Teu Passo, Que Lá Esteja o Teu Coração - Editora Planeta
  • 2021 - A Hora da Essência - Editora Planeta
  • 2022 - Quantos eus que não são meus? - Editora Planeta
  • 2023 - A vida é cruel, Ana Maria - Editora Record

Prêmios

editar
  • 2009 -
    • I Troféu Louvemos o Senhor:
      • Melhor Intérprete Masculino de 2008
      • Destaque do Ano de 2008
  • 2010 -
  • II Troféu Louvemos o Senhor:
    • Melhor Intérprete Masculino de 2009
    • Destaque do Ano de 2009
    • Melhor Compositor de 2009
    • Melhor Música de 2009 para Santa Missa por "Incendeia Minha Alma" - Compositores: Rogério e Júlio Cesar
    • Melhor Música do Ano por "Tudo é do Pai" - Compositor: Frederico Cruz
  • 2016
  • 2017
    • Grammy Latino de Melhor Álbum de Música Cristã (Língua Portuguesa) (indicado)[6]

Referências

  1. «Whindersson Nunes é considerado o maior influenciador digital do Brasil; veja lista». Jornal Correio. Rede Bahia. Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  2. «Fábio de Melo e Paulinho Pedra Azul apresentam-se, juntos, em BH dia 08 de abril». Entrega de Ingressos. 18 de março de 2009. Consultado em 27 de setembro de 2023. Arquivado do original em 2 de agosto de 2010 
  3. a b c d e f g h i j k l http://www.portaldamusicacatolica.com.br/premio_vendas.asp
  4. http://www.paulinas.org.br/comep/?system=paginas&id=1989&action=read
  5. «Lista completa de nominados a Latin GRAMMY 2016». Univision. Univision Communications. 21 de setembro de 2016. Consultado em 1 de novembro de 2016 
  6. Ceccarini, Viola Manuela (20 de novembro de 2017). «The 18th Latin GRAMMY Awards in Las Vegas». Livein Style. Consultado em 28 de dezembro de 2017 

Ligações externas

editar