Paixão na Praia

filme de 1971 dirigido por Alfredo Sternheim

Paixão na praia é um filme brasileiro, realizado em 1971, do gênero drama e dirigido por Alfredo Sternheim.[1]

Paixão na Praia
Paixão na Praia (BRA)
 Brasil
1971 •  cor •  81 min 
Direção Alfredo Sternheim
Produção Alfredo Palácios
Antonio Polo Galante
Roteiro Alfredo Sternheim
Elenco Norma Benguell
Adriano Reys
Ewerton de Castro..
Gênero drama, policial
Idioma português brasileiro

Elenco[2]Editar

EnredoEditar

Um casal de classe alta, Débora e Jacques, vive uma crise conjugal após nove anos e resolve passar uns dias na casa de veraneio para tentarem se reconciliar. Após dois dias, Jacques é chamado de volta para São Paulo, pois sua industria sofrera um assalto. Contrariada e pensando em se desquitar apesar de ter uma filha ainda pequena, Débora fica sozinha na casa mas em seguida é surpreendida por dois assaltantes, Pedro e Jairo, que logo se revelam como os mesmos que cometeram o crime em São Paulo. Jairo é instável e nervoso mas Pedro se mostra atencioso e Débora é atraída por ele. A dupla se apresenta como revolucionários mas quando a terceira integrante da quadrilha chega com os documentos para fugirem do país, as verdadeiras motivações de cada um para cometerem o crime aparecem.

PrêmiosEditar

  • Melhor Ator para Ewerton de Castro e Melhor Atriz Secundária para Lola Brah no Festival de Cinema do Guarujá, 2, 1971, SP.[2]
  • Prêmio Governador do Estado de São Paulo, 1972, SP, de Melhor Roteiro para Sternheim e Melhor Composição para Mário Edson.[2]

Referências

  1. «Paixão na praia». Memória da censura do Cinema Brasileiro. Consultado em 22 de dezembro de 2013. Arquivado do original em 8 de dezembro de 2015 
  2. a b c «Paixão na Praia». Cinemateca Brasileira. Consultado em 22 de dezembro de 2013 
  3. «Ariclê Perez». Mulheres do Cinema Brasileiro. Consultado em 22 de dezembro de 2013. Arquivado do original em 24 de dezembro de 2013 
  Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.