Paleolítico Inferior

subdivisão do Paleolítico

O Paleolítico Inferior é a mais antiga subdivisão do Paleolítico, sendo o período mais antigo da Pré-História do homem. Teve início há cerca de 2,5 milhões de anos, e durou até há cerca de 300 mil anos, quando mudanças importantes levaram os historiadores e arqueólogos a uma nova divisão, o Paleolítico Médio.

Biface proveniente da Espanha

Os mais antigos hominídeos, os australoptecínios, personificados por Lucy, não eram utilizadores avançados de ferramentas de pedra e é provável que fossem presas de animais maiores.[1] Utilizavam machado de mão e viviam a céu aberto, próximos ao vale dos rios.

Os primeiros fósseis do género Homo surgem a menos de três milhões de anos.[2] Eles podem ter se originado dos australoptecíneos ou de um braço filogenético diferente de primatas. É nesse período que o homem passa a andar em duas pernas[carece de fontes?].

O Homo habilis, como os da Garganta de Olduvai, é muito mais semelhante aos humanos modernos. O uso de ferramentas de pedra foi desenvolvido por esta espécie por volta de há 2,5 milhões de anos, antes de serem substituídos pelo Homo erectus, há cerca de 1,5 milhões de anos. O Homo habilis aprendeu a usar o fogo como método de apoio na caça.

Paleolítico significa Idade da Pedra lascada ou pedra Antiga. Neolítico significa Idade da Pedra nova.

EventosEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Predadores dos Humanos - Animais que caçam nossa espécie». tunesambiental.com. Consultado em 6 de fevereiro de 2022 
  2. Filho, Júlio de Mesquita. «ETAPAS EVOLUTIVAS - O Gênero Homo». UNESP. Consultado em 6 de fevereiro de 2022 

BibliografiaEditar

  • JAGUARIBE, Hélio. Um estudo crítico da História. Volume 1. Tradução de Sergio Bath. São Paulo: Editora Paz e Terra, 2001.
  Este artigo sobre história ou um(a) historiador(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.