Passado

o tempo que já passou
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Passado (desambiguação).

O passado é uma parte do tempo e refere-se a todo e qualquer acontecimento em período de tempo anterior ao presente, sendo objeto da história, que identifica e classifica os eventos verificados.[1]

Imagem representativa da visão do tempo (da esquerda para a direita)

O passado é contrastado com o presente. Está relacionado com um aglomerado de eventos que aconteceram num certo ponto do tempo, dentro do contínuo do espaço-tempo. A concepção acima descrita está relacionada com a teoria da relatividade de Albert Einstein.

O passado também é o objeto de vários campos como, por exemplo, a história, arqueologia, cronologia, geologia (histórica), linguística histórica, direito, paleontologia e cosmologia.

Os humanos gravaram o passado desde tempos longínquos; e uma das características destes é que além de gravar o passado, eles conseguem recordá-lo, mencioná-lo e confrontá-lo com o estado actual das coisas, assim conseguindo planear o futuro e teorizá-lo também.

Teorias do passadoEditar

Teorias científicas (relacionadas aos buracos negros e à velocidade da luz) ou ficção científica (viagem no tempo) supõem que se pode modificar o passado; ou que a ele se retorne numa viagem no tempo. Mas o conhecimento atual acredita que o passado é tudo o que já passou, não sendo repetível, nem modificável. Dele, pode ter-se uma "visão" pela memória; ou uma visão material (gravações em películas ou em fotografias); ou da luz antiga alcançada pela rota das distâncias no espaço.

Passado próximo e remotoEditar

O passado pode ser remoto (evento muito distante); ou próximo (evento que aconteceu recentemente), estando conectado completamente ao presente. Se a distância do tempo é reduzida ao segundo, este presente acabou de passar.

O Passado e o homemEditar

O que aconteceu no passado é de nosso conhecimento, pela informação passada através do conhecimento humano, por meio da escrita.

A distância notável determina a perda de conhecimento de eventos distantes. Na realidade, o passado tem esta característica: além de não ser modificável, quando seu conhecimento é muito distante, perde-se.

O passado que aconteceu antes da escrita é dificilmente reconhecível; e a ciência mexe em campos diferentes para descobrir seus conteúdos. Uma das perguntas que o ser humano procura em seu passado é sua própria origem e quanto ao nascimento do universo; mas as teorias múltiplas não oferecem certezas e a origem do homem permanece um mistério. O ser conectado a fatores físicos, substâncias químicas, espaço e tempestades determinou o nosso presente; e a única certeza que temos é que os fatos dados decorrem de tudo o que aconteceu antes.

Pela escrita, o homem preserva um conhecimento discreto do passado. A história do homem e do mundo relata a respeito de uma raça animal inteligente que dominou o planeta Terra. O presente planetário foi causado e determinado pelas ações passadas da humanidade, além das erosões, dos envelhecimentos e dos movimentos da Terra. O presente universal é causado e determinado pelo movimento cósmico.

Ver tambémEditar

 
O Wikcionário tem o verbete passado.
 
O Wikiquote possui citações de ou sobre: passado

Referências

  1. passado in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2019. [consult. 2019-08-24 17:33:11]. Disponível na Internet: https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/passado