Pedro Poty

Pedro Poty (capitania da Paraíba, 1608oceano Atlântico, 1652) foi um líder indígena brasileiro da etnia potiguara.[1] Aliado dos neerlandeses contra os lusitanos, em meados do século XVII, Poty chegou a ser levado para a Holanda, onde foi recebido como herói e tratado com honrarias.

Pedro Poty[nota 1]
Nascimento 1608[1][nota 2]
Capitania da Paraíba
Morte 1652
Oceano Atlântico[2]
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Líder indígena a serviço da Coroa holandesa

Em 19 de fevereiro de 1649, durante a Segunda Batalha dos Guararapes caiu prisioneiro dos portugueses, período em que viveu um calvário na prisão, como transcreve o antropólogo Darcy Ribeiro em seu A fundação do Brasil: testemunhos, 1500–1700:

Pedro Poty, regedor da infeliz nação, tendo caído prisioneiro dos portugueses a 19 de fevereiro de 1649, na segunda funesta batalha de Guararapes, foi barbaramente tratado por aqueles algozes, excedendo [com] o que perpetraram a todas as crueldades por mais desumanas que se possa imaginar: era constantemente acoitado, sofreu toda espécie de tormentos, foi atirado, preso por cadeias de ferros nos pés e mãos, a uma enxovia escura, recebendo por alimento unicamente pão e água, e realizando ali mesmo durante seis longos meses as suas necessidades naturais. (...) A concessão que lhe davam algumas vezes de sair dali uma ou mais horas para gozar a luz do dia, [o que] longe de aliviá-lo antes lhe recrudescia os males.[3]

Poty viria a óbito em pleno oceano Atlântico a bordo de um navio quase três anos depois, enquanto era conduzido para ser julgado em Portugal.[2]

Notas

  1. Na historiografia também é citado como Poti.
  2. Poty declarou-se com 20 anos em 1628 quando de uma entrevista na Holanda a um oficial da Companhia das Índias Ocidentais.

Referências

  1. a b MEUWESE, Mark; FORTIN, Jeffrey A. (2013). Atlantic Biographies: Individuals and Peoples in the Atlantic World. [S.l.]: BRILL. 372 páginas. ISBN 9789004259713 
  2. a b STUDART, Guilherme (Barão de Studart) (1980). Diccionário bio-bibliographico cearense. [S.l.]: Edic̜ões da Universidade Federal do Ceará (UFC) 
  3. RIBEIRO, Darcy; MOREIRA NETO, Carlos de Araújo (1992). A fundação do Brasil: testemunhos, 1500–1700. [S.l.]: Vozes. 447 páginas. ISBN 9788532608550 
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.