Abrir menu principal

Pilone aeronáutico

Motores montados nos pilones em um Boeing 747.

Um pilone tem o propósito de conectar à estrutura de uma aeronave, equipamentos tais como reservatórios de combustível e armamentos (aviação militar) e motores (aviação civil). Portanto, pode ser considerado como um tipo de adaptador.[1] O uso de um pilone é necessário para que o item carregado não entre em contato com as superfícies de controle e também de prevenir que acontecam distúrbios indesejáveis no escoamento do ar através das asas da aeronave.

Bomba AGM-62 Walleye (en) montada no pilone externo de um A-7 Corsair.

Os pilones são usualmente desenhados para serem aerodinâmicos, assim reduzindo a resistência do ar (arrasto). Existem pilones de diferentes formatos, tamanhos e desenhos. Ainda pode-se encontrar pilones nomeados distintamente tais como um adaptador tipo cunha.

Aeronaves furtivas (Stealth) tais como o Lockheed Martin F-22 Raptor ou Lockheed Martin F-35 Lightning II podem ter pilones alijáveis para reter as características furtivas e reduzir o arrasto.

Referências

ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Pilone aeronáutico