Abrir menu principal

Pleosporomycetidae

DescriçãoEditar

A subclasse tem como elemento diferenciador a presença de pseudoparáfises[3], células não-reprodutivas que se prolongam para baixo a partir da parte superior de lóculos, cavidades no interior das estruturas reprodutivas (sexuais), que contêm ascos em forma e saco com esporos produzidos sexualmente (ascosporos). As pseudoparáfises são inicialmente ligadas aos tecidos circundantes por ambos os extremos, mas por vezes a sua parte superior fica livre na maturação.

Apesar da subclasse ter a presença de pseudoparáfises como elemento diferenciador, algumas ordens e famílias onde este tipo de estruturas está presente não são incluídas no agrupamento taxonómico porque estudos de reconstituição das respectivas filogenias com base no DNA não permitem a inclusão com suficiente grau de confiança. Apesar disso, esses taxa poderão ainda vir a ser incluídos entre os Pleosporomycetidae se futuros elementos o permitirem.

Notas

  1. Schoch CL, Shoemaker RA, Seifert KA, Hambleton S, Spatafora JW, Crous PW, 2006. A multigene phylogeny of the Dothideomycetes using four nuclear loci. Mycologia 98, 1041–1052.
  2. Schoch CL, Crous PW, Groenewald JZ, Boehm EW, Burgess TI, de Gruyter J, de Hoog GS, Dixon LJ, Grube M, Gueidan C, Harada Y, Hatakeyama S, Hirayama K, Hosoya T, Huhndorf SM, Hyde KD, Jones EB, Kohlmeyer J, Kruys A, Li YM, Lucking R, Lumbsch HT, Marvanova L, Mbatchou JS, McVay AH, Miller AN, Mugambi GK, Muggia L, Nelsen MP, Nelson P, Owensby CA, Phillips AJ, Phongpaichit S, Pointing SB, Pujade-Renaud V, Raja HA, Plata ER, Robbertse B, Ruibal C, Sakayaroj J, Sano T, Selbmann L, Shearer CA, Shirouzu T, Slippers B, Suetrong S, Tanaka K, Volkmann-Kohlmeyer B, Wingfield MJ, Wood AR, Woudenberg JH, Yonezawa H, Zhang Y, Spatafora JW, 2009. A class-wide phylogenetic assessment of Dothideomycetes. Stud Mycol 64, 1-15S10.[1]
  3. Eriksson OE, 1981. The families of bitunicate ascomycetes. Opera Botanica 60, 1-220.