Ponte Affonso Penna

patrimônio localizado no Brasil
 Nota: Para a ponte em São Gonçalo do Sapucaí, veja Ponte Pênsil Afonso Pena. Para outras pontes pênseis, veja Ponte pênsil (desambiguação).

A Ponte Pênsil Affonso Penna é uma ponte pênsil localizada na divisa dos estados brasileiros de Goiás e Minas Gerais. Foi projetada e construída pelo engenheiro José Luiz Mendes Diniz. É a ponte pênsil mais antiga do Brasil e o principal símbolo do município de Itumbiara.[1][2]

Ponte Affonso Penna
Ponte Affonso Penna
Ponte Affonso Penna à noite
Arquitetura e construção
Material Madeira segurada por cabos de aço
Estilo arquitetônico Arts & Crafts, Art nouveau
Design Ponte pênsil
Início da construção 1908
Data de abertura 1ª ponte: 15 de novembro de 1909; há 114 anos
2ª ponte: 1972; há 52 anos
Data de encerramento 1ª ponte: 1972; há 52 anos
Comprimento total 158 m
Geografia
Cruza Rio Paranaíba
Localização Itumbiara, Goiás
Araporã, Minas Gerais, Brasil
Coordenadas 18° 25' 35" S 49° 12' 23" O

História editar

A antiga Ponte Affonso Penna começou a ser construída em 1908, no então povoado de Santa Rita do Paranaíba, atraindo pessoas de várias pontos da região para acompanhar sua instalação, e foi inaugurada no dia 15 de novembro de 1909, recebeu o nome em homenagem ao presidente Afonso Pena. Após a construção da rodovia BR-153, no decorrer da década de 1960, o movimento passou para a ponte construída para atender a rodovia. E no início da década de 1970, com a construção da Usina Hidrelétrica de Itumbiara (Furnas), engenheiros da estatal mudou o lugar de origem da Ponte Affonso Penna para atender a vila operária na cidade goiana de Itumbiara com o canteiro da obra na localidade denominada Araporã, em Minas Gerais.[1]

Referências

  1. a b «Ponte entre Goiás e Minas Gerais recebe título de Patrimônio Cultural Brasileiro» (PDF). IPHAN. Consultado em 14 de junho de 2021 
  2. «Ponte Pênsil Affonso Penna, em Itumbiara, é tombada pelo Iphan». A Redação. 29 de novembro de 2012. Consultado em 14 de junho de 2021