Abrir menu principal
Camera-photo.svg
Ajude a melhorar este artigo sobre Arquitetura ilustrando-o com uma imagem. Consulte Política de imagens e Como usar imagens.

A Porta ou Postigo da Trindade foi uma antiga porta da cidade de Lisboa, inserida na cerca fernandina da cidade.

Localizava-se defronte da antiga Igreja da Trindade e do convento do mesmo nome, na travessa por onde se saia para a Rua Larga de São Roque. Foi uma daquelas por onde D. António, Prior do Crato, atacou Lisboa a 3 de Junho de 1589, com o exército inglês que o auxiliava, fazendo grande destruição e pondo fogo a todos os edifícios exteriores do seu muro e das circunvizinhas Portas de Santa Catarina.[1][2]

Referências

  1. Moreira 1838, p. 339.
  2. Castro 1763, p. 79.

BibliografiaEditar

  Este artigo sobre Lisboa é um esboço relacionado ao Património, integrado no Projecto Grande Lisboa. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.