Posição de missionário

A posição de missionário, posição missionária, posição do homem por cima ou posição papai e mamãe[3][4] é uma posição sexual em que, geralmente, uma mulher se deita de costas e um homem deita sobre ela enquanto se olham face a face e praticam sexo vaginal.[5][6][1] A posição também pode ser usada para outras atividades sexuais, como sexo anal.[6] A posição é associada à atividade sexual heterossexual, mas também é praticada entre pessoas do mesmo sexo.[6] Em relações homossexuais entre homens, a posição é mais conhecida como frango assado.[7]

A postura padrão é baseada no contato ventral, e é a posição sexual mais comumente praticada[1][2]

A posição missionária é a posição sexual mais comumente praticada, embora não seja considerada a posição mais preferida universalmente.[8] Pode ser praticada com penetração sexual ou sexo não penetrativo (por exemplo, sexo intercrural) e, devido ao seu aspecto pênis-vaginal, é um exemplo de atividade reprodutiva ventral-ventral.[9][10]

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b Keath Roberts (2006). Sex. [S.l.]: Lotus Press. ISBN 8189093592. Consultado em 17 de agosto de 2012. Cópia arquivada em 10 de março de 2021 
  2. Wayne Weiten; Margaret A. Lloyd; Dana S. Dunn; Elizabeth Yost Hammer (2008). Psychology Applied to Modern Life: Adjustment in the 21st Century. [S.l.]: Cengage Learning. ISBN 978-0495553397. Consultado em 5 de janeiro de 2012. Cópia arquivada em 12 de julho de 2021 
  3. Colombo, Fernanda Mocki (6 de novembro de 2021). «6 variações da posição papai e mamãe para uma relação cheia de prazer». Dicas de Mulher. Consultado em 3 de setembro de 2022 
  4. «'Papai e mamãe' é uma das posições mais perigosas na hora do sexo; confira». UOL. 16 de setembro de 2017. Consultado em 3 de setembro de 2022 
  5. Missionary position. Consultado em 24 de janeiro de 2013 
  6. a b c «What is the missionary position?». Go Ask Alice! (Columbia University). 26 de maio de 2015. Consultado em 5 de dezembro de 2015 
  7. Souza Neto, Epitácio Nunes; Rios, Luis Felipe (1 de setembro de 2015). «Apontamentos para uma economia política do cu entre trabalhadores sexuais». Psicologia & Sociedade: 579–586. ISSN 1807-0310. doi:10.1590/1807-03102015v27n3p579. Consultado em 22 de agosto de 2022 
  8. «The Missionary Position». Sexual Health Center. Consultado em 2 de fevereiro de 2008. Arquivado do original em 20 de outubro de 2007 
  9. Dixson, Alan F. (1998). Primate Sexuality: Comparative Studies of the Prosimians, Monkeys, Apes, and Human Beings. Oxford, England: (Oxford University Press. ISBN 978-0-19-850182-4 
  10. Hinde, R. A.; White, L. E. (1974). «Dynamics of a relationship: Rhesus mother-infant ventro-ventral contact.». Journal of Comparative and Physiological Psychology (em inglês) (1): 8–23. ISSN 0021-9940. doi:10.1037/h0035974. Consultado em 3 de agosto de 2022 

Ligações externasEditar

 


  Este artigo sobre sexo ou sexualidade é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.