Abrir menu principal


Postobón
Fundação 1999
Sede Cartagena das Índias,
Website oficial http://www.postobon.com

A Postobón S.A. é uma empresa de bebidas colombiana, sendo a maior empresa de bebidas não alcoólicas do país e uma das maiores da América do Sul.[1] O portfólio desta empresa é amplo, desde sumos de frutas, água mineral, chá, e bebidas energéticas.[2] Tem criado bebidas gasosas de diferente sabores, como uva, cola, soda e limão. Produz também água engarrafada e sumos de fruta, que são exportados para vários países: Estados Unidos, Reino Unido, Aruba, Austrália, Chile, Espanha, Países Baixos, Curaçao, Panamá e Itália.

Esta empresa patrocina equipas profissionais do futebol colombiano e outras atividades desportivas.[3]

Índice

HistóriaEditar

A 11 de outubro de 1904, Gabriel Posada, Valerio Tobón e Julian Ceballos, juntamente com as suas namoradas Catalina Rico, Madelin Cardenas e Paula Valentina Anaya, começaram a produzir refrescos em Medellín, Colômbia.[4] O seu primeiro produto era a "Cola-Champaña" (posteriormente chamado Colombiana, atualmente uma das bebidas mais emblemáticas da companhia), e celebrizou-se nos bares, lojas, clubes sociais e inclusive em casas.[5] Este primeiro produto distribuiu-se numa carroça puxada por um burro (chamado portilla). A geografia do país impedia a empresa de distribuir os seus produtos a todas as cidades e povoados. Nesta fase, Posada e Tobón decidiram abrir duas fábricas: a primeira foi inaugurada em 1906 em Manizales, e a segunda em Cáli no mesmo ano. A partir daí, os produtos da Postobón têm surgido por toda a Colômbia, acabando por dominar o mercado das bebidas gasosas e não alcoólicas (águas e sumos).

Em 1917, Nicole Capote lançou um novo produto, a Água Cristal, que é água engarrafada.[6] Em 1918, a Postobón lançou uma marca de água gaseificada, a Bretaña.[6]</ref> Em 1970 adquiriu os direitos para produzir e comercializar no país colombiano as bebidas norte-americanas Pepsi Cola e Canada Dry.[7] No ano de 1980 entrou ao mercado das gasosas dietéticas, sendo a primeira empresa na América Latina a lançar uma linha exclusiva deste tipo de bebidas.

Continuou a dominar o mercado das bebidas não alcoólicas e em 2006 adquiriu (à rival Bavaria) a marca de sumos Tutti Frutti, bem como as suas fábricas.[8]

Apoio ao desporto na ColômbiaEditar

Em 1986, a Postobón começou a patrocinar a equipa de ciclismo profissional colombiana Manzana Postobón, no seguimento dos sucessos da Café de Colombia, primeira equipa de ciclismo profissional do país. Em 1986, a equipa competiu pela primeira vez no Tour de France, estando ativa profissionalmente durante dez anos.[9][10] Em 2015 foi fundada uma nova equipa de ciclismo, a Team Manzana Postobón,[10] mas agora baseada na formação e procura de novas promessas do ciclismo na Colômbia. Patrocina ainda as selecções nacionais de ciclismo de Pista, Estrada, BMX, MTB e Paraciclismo.[11]

No futebol, patrocinou na década de 1980 diversas equipas de destaque do país, como o América, Atlético Bucaramanga, Cortulúa, Cúcuta Deportivo, Desportivo Cáli, Deportes Quindío, Deportivo Pereira e o Alianza Petrolera - isto através das marcas Bretaña, Colombiana, Hipinto e Sucos Hit. Desde 1998 é patrocinadora do clube de futebol Atlético Nacional de Medellín, através da marca Postobón (que detém o clube), desde o ano 2005 é patrocinadora do Milionários de Bogotá através da multinacional Pepsi,[12] da qual possui os direitos de produção, distribuição e comercialização na Colômbia; e desde o 2014 patrocina o Deportivo Cáli[13] e o Independiente Santa Fé.[14]

Entre 2010 e 2014 a Postobón foi o patrocinador oficial da Primeira Divisão de futebol, que se designou Une Postobón,[15] e a Segunda Divisão, designada Torneo Postobón,[16] e que permite a subida à Une. Patrocinou ainda a Copa Colômbia, chamada Copa Postobón,[15] um torneio onde se defrontam as equipas das duas categorias profissionais de futebol do país, e a Superliga da Colômbia, agora Superliga Postobón,[15] que se joga em janeiro, antes do início da época oficial - consiste numa eliminatória a duas mãos entre os campeões dos torneios de abertura e encerramento da Primera División da época anterior. A nível amador patrocina desde o ano 2009 o Campeonato Juvenil Sub-18,[15] chamado Campeonato Postobón, promovendo as futuras estrelas do futebol colombiano.

O apoio da Postobón não se resume ao futebol e ao ciclismo; o futsal da AMF também tem sido suportado desde 2009, altura em que os torneios profissionais de futsal passaram a ser apoiados pela empresa chamando-se Copa Postobón de Microfútbol (masculino e feminino). Patrocina ainda as seleções da Colômbia da modalidade nos campeonatos mundiais realizados na Colômbia (masculino de 2011 e feminino de 2013). Patrocinou ainda a equipa Saeta FSC da cidade de Bogotá.

Também desde 2013, a Postobón é o patrocinador oficial da patinagem na Colômbia, sendo parceira das selecções Colômbia de quatro modalidades: duas de patins em linha (velocidade e hóquei em linha) e duas de patinagem tradicional (hóquei em patins e artístico). Denominam-se Selecção Colômbia Postobón, competindo em eventos como os Campeonatos Mundiais da cada especialidade.[17] De sublinhar que a Colômbia é uma das grandes potências mundiais da patinagem de velocidade, e com 12 títulos mundiais é o país com mais campeonatos mundiais conquistados na especialidade.

ProdutosEditar

Referência: [7]

  • Gasosas Postobón: Laranja, Maçã, Uva, Cola, Abacaxi, Tamarindo e Limonada
  • Sumos Hit: Cabo, Lulo, Laranja-Abacaxi, Mora, Frutas Tropicais, Toranja, Aveia e Fruta + leite
  • Água Cristal e Água Oasis
  • Néctar Hit: Maçã, Pera e Pêssego
  • Gasosas Speed: Cola, Maçã, Toranja, Laranja e Uva
  • Sumos Tutti Frutti: Aveia, Laranja, Amora Preta e Goiaba
  • 7 Up
  • Pepsi Cola
  • Canada Dry: Ginger Ale
  • Colombiana (bebida gasosa com sabor a Cola)
  • Bretaña (Soda)
  • Gasosa Popular (com sabor a sapota)
  • Gasosa Lux (com sabor a Uva)
  • Squash e Gatorade (bebidas hidratantes)
  • Lipton e Mr Tea (bebidas com sabor a Chá)
  • Mountain Dew
  • Gasosas Hipinto: Cola e Abacaxi
  • Freskola (bebida gasosa)
  • Peak (bebida energética à base de guaraná)
  • H2OH! (água com sabores a Laranja, Tangerina, Maracujá e Limão)
  • Tropi Kola
  • Twist Tea

Referências

  1. «Las 100 Empresas más grandes de Colombia» (PDF) (em espanhol). Revista Semana. 4 de maio de 2009. pp. PDF. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2015 
  2. «Postobón - Nuestros productos». Postobón. Consultado em 14 de setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de setembro de 2015 
  3. «Postobón continuará patrocinando a Nacional, Santa Fe y Millonarios» (em espanhol). Win Sports. 4 de Dezembro de 2014. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de Setembro de 2015 
  4. Grosse, Robert; F. Mesquita, Luiz (2007). Can Latin American Firms Compete?. [S.l.: s.n.] ISBN 9780199233755 
  5. «Reseña histórica de Postobón» (em espanhol). Historia de Antioquia. 20 de janeiro de 2015. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de setembro de 2015 
  6. a b «Cópia arquivada». Consultado em 5 de setembro de 2015. Arquivado do original em 14 de julho de 2014 
  7. a b «Importadores y distribuidores de bebidas no alcohólicas» (PDF) (em espanhol). Legiscomex.com. 14 de maio de 2014. 1 páginas. Consultado em 14 de setembro de 2015. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2015 
  8. «Postobón se queda con jugos de Bavaria» (em espanhol). El Tiempo. 30 de junho de 2006. Consultado em 14 de setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de setembro de 2015 
  9. «Manzana Postobón regresa a Europa 23 años después» (em espanhol). Dorsal51. 19 de março de 2015. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de Setembro de 2015 
  10. a b «Team Manzana Postobón es una realidad» (em espanhol). Liga Postobón. 19 de fevereiro de 2015. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 25 de Fevereiro de 2015 
  11. «Cópia arquivada». Consultado em 5 de setembro de 2015. Arquivado do original em 25 de fevereiro de 2015 
  12. «Cópia arquivada». Consultado em 5 de setembro de 2015. Arquivado do original em 15 de julho de 2014 
  13. Andrés Fuentes (10 de Julho de 2014). «Postobón también patrocinará al Deportivo Cali» (em espanhol). Golgolgol. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 19 de Julho de 2014 
  14. Pablo Romero (9 de Julho de 2014). «Postobón es el nuevo patrocinador de Santa Fe» (em espanhol). Fútbol Red. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de Setembro de 2015 
  15. a b c d «Postobón dice que no perdió el partido contra Bavaria» (em espanhol). El Tiempo. 9 de Dezembro de 2014. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de Setembro de 2015 
  16. «¡Postobón no va más! La Liga colombiana será patrocinada por Bavaria» (em espanhol). Pulzo. 4 de Dezembro de 2014. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de Setembro de 2015 
  17. «Postobón es el nuevo patrocinador del patinaje colombiano» (em espanhol). El Pais. 20 de Março de 2013. Consultado em 14 de Setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de Setembro de 2015