Prêmio Charles Stark Draper

A Academia Nacional de Engenharia dos Estados Unidos concede anualmente o Prêmio Charles Stark Draper, visando o desenvolvimento da engenharia e a educação pública sobre a mesma. É um dos três prêmios que constituem o Nobel de Engenharia - os outros são o Prêmio Russ e o Prêmio Gordon. O agraciado em cada um deles recebe 500 mil dólares. O prêmio homenageia Charles Stark Draper, pai dos sistemas de navegação inercial, professor do Instituto de Tecnologia de Massachusetts e fundador do Draper Laboratory.

RecipientesEditar

Ano Imagem Nome País Citação
1989 1   Jack Kilby   Estados Unidos Pelo desenvolvimento do circuito integrado
2   Robert Noyce
1991 3   Frank Whittle   Reino Unido Pelo desenvolvimento do motor a jato
4   Hans von Ohain   Alemanha
1993 5   John Backus   Estados Unidos Pelo desenvolvimento do Fortran
1995 6   John Robinson Pierce Pelo desenvolvimento da tecnologia de comunicação via satélite
7   Harold Rosen
1997 8   Vladimir Haensel Pela invenção da reforma catalítica
1999 9   Charles Kao   China Pelo desenvolvimento da fibra óptica
10   Robert Maurer   Estados Unidos
11   John MacChesney
2001 12   Vint Cerf   Estados Unidos Pelo desenvolvimento da Internet
13   Robert Kahn
14   Leonard Kleinrock
15   Lawrence Roberts
2002 16   Robert Langer For the bioengineering of revolutionary medical drug delivery systems
2003 17   Ivan Getting Pelo desenvolvimento do Sistema de Posicionamento Global (GPS)
18   Bradford Parkinson
2004 19   Alan Kay Pelo desenvolvimento do Xerox Alto
20   Butler Lampson
21   Robert William Taylor
22   Charles Thacker
2005 23   Minoru Araki Pelo projeto, desenvolvimento e operação do satélite Corona, primeiro sistema de observação terrestre baseado no espaço
25   Francis Madden
26   Edward Miller
27   James Plummer
28   Don Schoessler
2006 29   Willard Boyle   Canadá Pela invenção do CCD, sensor utilizado em inúmeras aplicações, de câmeras digitais a telescópios
30   George Smith   Estados Unidos
2007 31   Tim Berners-Lee   Reino Unido Pelo desenvolvimento da World Wide Web
2008 32   Rudolf Kalman   Hungria/  Estados Unidos Pelo desenvolvimento do filtro de Kalman
2009 33   Robert Heath Dennard   Estados Unidos Pela invenção e aperfeiçoamento da dynamic random access memory (DRAM), usada universalmente em computadores e outros sistemas de processamento de dados e comunicação
2011 34   Frances Arnold   Estados Unidos
35   Willem Stemmer   Países Baixos
2012 36   George Heilmeier   Estados Unidos Por suas contribuições para o desenvolvimento da tecnologia do display de cristal líquido
37   Wolfgang Helfrich   Alemanha
38   Martin Schadt   Suíça
39   Peter Brody
2013 40   Thomas Haug   Noruega Pioneiros do telefone celular, que lançaram as bases dos modernos smartphones
41   Martin Cooper   Estados Unidos
42   Yoshihisa Okumura
43   Richard Frenkiel
44   Joel Stanley Engel
2014 45   John Bannister Goodenough   Estados Unidos Pioneiros da bateria recarregável que estabeleceu as bases para a bateria de lítio moderna
46   Yoshio Nishi
47   Rachid Yazami
48   Akira Yoshino
2015 49   Isamu Akasaki   Japão Pela invenção, desenvolvimento e comercialização de materiais e processos para diodos emissores de luz (LEDs)
50   M. George Craford
51   Russell Dupuis
52   Nick Holonyak   Estados Unidos
53   Shuji Nakamura
2016 54   Andrew Viterbi   Estados Unidos Pelo desenvolvimento do algoritmo de Viterbi, seu impacto transformacional nas comunicações digitais sem fio e suas aplicações significativas no reconhecimento e síntese de fala e na bioinformática[1]
2018 55   Bjarne Stroustrup   Dinamarca Pelo conceito e desenvolvimento da linguagem de programação C++[2]

Referências

  1. 2016 Draper Prize - NAE. Acessado em 3 de dezembro de 2016
  2. 2018 Draper Prize - NAE. Acessado em 24 de setembro de 2018

Ligações externasEditar