Kindle de Literatura

(Redirecionado de Prêmio Kindle de Literatura)

O Prêmio Kindle de Literatura é um prêmio literário concedido pela Amazon Brasil e a editora Nova Fronteira desde 2016. É dado para romances inéditos, autopublicados por meio da ferramenta Kindle Direct Publishing, da própria Amazon.[1][2] Cinco obras já receberam a premiação: Machamba, de Gisele Mirabai,[3] O memorial do desterro, de Mauro Maciel,[4] Dama de paus, de Eliana Cardoso,[5] Dias Vazios, de Barbara Nonato,[6] e O pássaro secreto, de Marília Arnaud.

Prêmio Kindle de Literatura
Descrição Prêmio literário para obras inéditas autopublicadas
Organização Amazon Brasil e Nova Fronteira
País  Brasil
Primeira cerimónia 2017
Última cerimónia 2021
Detentor O pássaro secreto, por Marília Arnaud
Sítio oficial

HistóriaEditar

Nos Estados Unidos, a Amazon já investe em prêmios literários pelo menos desde 2007, com a criação do Amazon Breakthrough Novel Award.[7] Em 2015, em parceria com o jornal O Globo e a Samsung, a empresa criou no Brasil o concurso literário Brasil em Prosa, premiando 20 contos inéditos publicados pela ferramenta de autopublicação.[8][9]

1ª ediçãoEditar

O Prêmio Kindle de Literatura é anunciado pela primeira vez em setembro do ano seguinte. Desde a primeira edição, o prêmio é voltado para autores independentes no Brasil, que autopubliquem um romance inédito em português pela ferramenta Kindle Direct Publishing e que sejam colocados no programa KDP Select.[2][10] As inscrições para o prêmio ficaram abertas por três meses, do anúncio até o fim de novembro, terminando com mais de 2 mil romances inscritos.[1][11] Entre os jurados responsáveis pela avaliação das obras estava Geraldo Carneiro e, posteriormente anunciado, Carlos Heitor Cony.[12] Dez obras foram pré-selecionadas como finalistas da primeira edição do prêmio: Alma, de Raquel Favaro; Beira de rio, de Rodrigo Vrech; Curral de pedras, de Jards Nobre; Glitter, de Bruno Ribeiro; Jangadas, de Márcio Noal; Noite, de Noberto Santos; O lado oculto do medo, de Barbara Nonato; Os últimos passos do enforcado, de Edson Soares; Minha sombra cabe ali, de Leon Idris Azevedo; e Machamba, de Gisele Mirabai.[1][13] Depois do anúncio, a Amazon desclassificou dois finalistas, Curral de pedras e Jangadas, por não serem inéditas. No lugar delas, foram selecionadas Futuro Arcaico, de José Ricardo da Costa Aguiar Alves e O homem de duas cidades, de Felipe Cherubin como substitutas.[14] Três dos finalistas foram anunciados como os melhores entre os dez pré-selecionados: Os últimos passos do enforcado, Minha sombra cabe ali, e Machamba.[15] Em janeiro de 2017 Machamba é anunciada como a vencedora da primeira edição. A autora recebeu um prêmio no valor de R$ 20 mil, e a obra ganhou um contrato de publicação com a editora Nova Fronteira, e uma versão em audiolivro pela ferramenta Audible.[3] A obra foi o primeiro romance adulto da autora.[11]

2ª ediçãoEditar

Cinco meses depois, em junho de 2017, é anunciada a segunda edição do prêmio. O valor do prêmio foi aumentado para R$ 30 mil, para “tornar o prêmio mais atrativo também para autores com livros já publicados” de acordo com a Amazon, mas as regras gerais do prêmio não foram modificadas.[16] Alguns dias mais tarde, a obra vencedora da primeira edição seria lançada em versão impressa.[17] Naquele ano, o prêmio recebeu 1,7 mil obras nos três meses do período de inscrições abertas, do começo de agosto ao fim de outubro.[4] Em dezembro foram anunciados cinco finalistas da segunda edição do prêmio: Amarga neblina, de Fernanda Mellvee; Entre pontos, de J. L. Amaral; Nova Jaguaruara, de Mauro Lopes; Pelos caminhos do tempo, de Barbara Nonato; e O memorial do desterro, de Mauro Maciel.[18][19] Em janeiro de 2018, faleceu o membro do júri Carlos Heitor Cony.[20] Dias depois, O memorial do desterro, foi anunciado como vencedor da segunda edição do prêmio. O autor Mauro Maciel já havia publicado outros dois romances, A Pedra do Doutor Getúlio e A Travessa do Rio Japeju, finalista do Prêmio Saraiva de Literatura.[4]

3ª ediçãoEditar

Em julho de 2018 é anunciada a terceira edição do prêmio.[21] Novamente o prêmio dava R$ 30 mil ao autor do melhor romance autopublicado, com um contrato de publicação para a obra. O período de inscrição era de apenas dois meses, de 15 de agosto a 15 de outubro, ao contrário de três, como nos anos anteriores.[22]. Mesmo assim, 1.500 obras foram inscritas no prêmio. [5] O júri especial nesta edição foi composto por Antonio Carlos Secchin e Sonia Rodrigues. [23] Em outubro, Machamba é anunciada como finalista do Prêmio Jabuti na categoria Romance.[24] No mês seguinte, O memorial do desterro foi lançado em versão impressa.[25] Ao final de janeiro de 2019 foram divulgados os cinco finalistas da edição: Dama de paus, de Eliana Cardoso; O registro, de Bruno Loureiro Mahé; O som no fim do túnel, de N. R. Melo; Terra sem males; de Maria José Silveira; Três luas de verão e uma figueira encantada, de Maria de Regino.[26][27] Cerca de um mês depois, Dama de paus foi eleito o livro vencedor da terceira edição do prêmio.[5] A obra é o terceiro romance da autora, que já publicou antes Bonecas russas e Nuvem negra.

4ª ediçãoEditar

A quarta edição do prêmio foi anunciada em julho de 2019.[28] Nesta edição, o prêmio teve uma segunda etapa, na qual os finalistas do Prêmio Kindle de Literatura e de outros prêmios literários da Amazon do mesmo ano foram avaliados por um painel da Amazon Prime Video e uma das obras será selecionada e poderá virar uma série ou filme no serviço de streaming.[29] No mesmo mês foi lançada a versão impressa da obra vencedora da edição anterior, Dama de paus, durante a FLIP 2019.[30] Em julho a Amazon anunciou que Conceição Evaristo e Marco Lucchesi comporiam o júri especial da edição.[31] O período de inscrições foi o mesmo da edição anterior, de 15 de agosto a 15 outubro,[32] e 1.800 obras foram inscritas no prêmio. Em janeiro de 2020 foram anunciados os cinco finalistas: Dias vazios, de Barbara Nonato; Gigante pela própria natureza, de Nelson de Oliveira; Larissa Start, de Rafael Caputo; Para você nunca se esquecer de mim, de Eugenia Zerbini e A segunda identidade, de Fernando Perdigão. [33][34] Dias vazios, da autora Barbara Nonato, foi anunciada como a vencedora em fevereiro.[6]

5ª ediçãoEditar

Em 4 de fevereiro de 2021 foi realizada a quinta edição do prêmio.[28] Nesta edição, a cerimônia foi virtual e transmitida via YouTube. O evento contou com as participações dos jurados Adriana Carranca ("Malala, a menina que queria ir para a escola"), João Carrascoza (Caderno de um ausente) e Vanessa Ferrari (Instituto Vera Cruz). Os finalistas foram Coisa-ruim, de Dani Mussi; Embaixo das unhas, de Vitor Camargo de Melo; Infância no além, de Fernando A. Almeida Soares; Noturno em Punta del Diabo, de Tailor Diniz e O pássaro secreto, de Marília Arnaud, tendo esta última levado o prêmio desta edição. Os cinco concorrentes ganharam versão em audiobook, disponível na plataforma Audible e a vencedora do Prêmio, Marília Arnaud levou o valor de R$ 40 mil e também a oportunidade de publicar uma versão impressa da obra O pássaro secreto, em uma edição pelo Grupo Editorial Record e outra edição exlusiva para os associados da TAG - Experiências Literárias.[35]

6ª ediçãoEditar

A sexta edição encontra-se em andamento, com inscrições abertas de 15 de julho de 2021 a 15 de setembro de 2021 e terá como premiação para a obra vencedora o valor de R$50 mil, além do adiantamento de royalties e a publicação do livro pela Editora Record. Para os finalistas, suas obras serão adaptadas para audiobook na plataforma Audible.[36]

VencedoresEditar

Edição Vencedor Obra Finalistas
1ª edição[3] Mirabai, GiseleGisele Mirabai Machamba
  • Leon Idris Azevedo - Minha sombra cabe ali
  • Edson Soares - Os últimos passos do enforcado
2ª edição[4] Maciel, MauroMauro Maciel O memorial do desterro
  • Barbara Nonato - Pelos caminhos do tempo
  • Fernanda Melvee - Amarga neblina
  • J. L. Amaral - Entre pontos
  • Mauro Lopes - Nova Jaguaruara
3ª edição[5] Cardoso, ElianaEliana Cardoso Dama de paus
4ª edição[6] Nonato, BarbaraBarbara Nonato Dias Vazios
5ª edição[37] Marília Arnaud O pássaro secreto
  • Dani Mussi - Coisa-ruim
  • Vitor Camargo de Melo - Embaixo das unhas
  • Fernando A. Almeida Soares - Infância no além
  • Tailor Diniz - Noturno em Punta del Diabo

Referências

  1. a b c «Amazon lança, em parceria com a Nova Fronteira, prêmio literário». PublishNews. Consultado em 29 de maio de 2020 
  2. a b «Amazon e Nova Fronteira anunciam prêmio para escritores independentes». G1. 1 de setembro de 2016. Consultado em 29 de maio de 2020 
  3. a b c «Gisele Mirabai vence Prêmio Kindle de Literatura, que paga R$ 20 mil - 17/01/2017 - Ilustrada». Folha de S.Paulo. Consultado em 29 de maio de 2020 
  4. a b c d «Mauro Maciel é o vencedor do Prêmio Kindle de Literatura 2018 - Cultura». Estadão. Consultado em 29 de maio de 2020 
  5. a b c d «Casos de feminicídio inspiram 'Dama de paus', romance vencedor de prêmio da Amazon». O Globo. 26 de fevereiro de 2019. Consultado em 29 de maio de 2020 
  6. a b c «Barbara Nonato vence 4º Prêmio Kindle de Literatura». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  7. «Amazon's Seventh Annual Breakthrough Novel Contest Set». Publishers Weekly. Consultado em 30 de maio de 2020 
  8. «Mil contistas já se inscreveram em concurso da Amazon». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  9. «Concurso literário Brasil em Prosa vai premiar contos inéditos de novos talentos». O Globo. 13 de junho de 2015. Consultado em 30 de maio de 2020 
  10. «Prêmio literário para autores independentes dará R$ 20 mil para vencedor». HuffPost Brasil. 2 de setembro de 2016. Consultado em 30 de maio de 2020 
  11. a b «Gisele Mirabai vence o 1º Prêmio Kindle de Literatura com o livro 'Machamba'». G1. Consultado em 30 de maio de 2020 
  12. «Carlos Heitor Cony está entre os jurados do Prêmio Kindle de Literatura». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  13. «Prêmio Kindle de Literatura seleciona dez finalistas; veja lista de autores - 17/12/2016 - Maurício Meireles - Colunistas». Folha de S.Paulo. Consultado em 30 de maio de 2020 
  14. «Os dez finalistas do Prêmio Kindle de Literatura». Update or Die!. 19 de dezembro de 2016. Consultado em 30 de maio de 2020 
  15. «Prêmio Kindle de Literatura anuncia seus três finalistas». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  16. «Voltado a escritores independentes, Prêmio Kindle de Literatura anuncia segunda edição». G1. Consultado em 30 de maio de 2020 
  17. «Prêmio Kindle de Literatura vai pagar mais em sua segunda edição - Cultura». Estadão. Consultado em 30 de maio de 2020 
  18. «Prêmio Kindle de Literatura anuncia os finalistas de 2017». O Globo. 13 de dezembro de 2017. Consultado em 30 de maio de 2020 
  19. «Prêmio Kindle de Literatura anuncia finalistas». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  20. «Carlos Heitor Cony morre aos 91 anos». G1. Consultado em 30 de maio de 2020 
  21. «Prêmio Kindle de Literatura 2018 vai pagar R$ 30 mil ao vencedor - Cultura». Estadão. Consultado em 30 de maio de 2020 
  22. «Prêmio Kindle de Literatura abre inscrições para sua 3ª edição». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  23. «Prêmio Kindle de Literatura com inscrições abertas até 15 de outubro». Giro Lusófono. 22 de agosto de 2018. Consultado em 30 de maio de 2020 
  24. «Prêmio Jabuti 2018 anuncia os livros finalistas». G1. Consultado em 30 de maio de 2020 
  25. «Mauro Maciel, autor de "O Memorial do Desterro"». Ediouro. 23 de novembro de 2018. Consultado em 30 de maio de 2020 
  26. «Finalistas do 3º Prêmio Kindle de Literatura são anunciados - Cultura». Estadão. Consultado em 30 de maio de 2020 
  27. «Saem os finalistas da 3ª edição do Prêmio Kindle de Literatura». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  28. a b «Finalistas do 4º Prêmio Kindle poderão ganhar série da Amazon | VEJA Meus Livros». Veja Online. Consultado em 30 de maio de 2020 
  29. «Amazon busca talentos da literatura para transformar histórias em filmes e séries». F5. 2 de julho de 2019. Consultado em 30 de maio de 2020 
  30. «Quarta edição do Prêmio Kindle de Literatura possibilitará adaptação audiovisual de obra vencedora - Verso». Diário do Nordeste. Consultado em 30 de maio de 2020 
  31. «Conceição Evaristo será jurada do 4º Prêmio Kindle de Literatura». PublishNews. Consultado em 30 de maio de 2020 
  32. «Inscrições abertas para a 4ª Edição do Prêmio Kindle de Literatura | LiteralMente, UAI». LiteralMente UAI. 18 de agosto de 2019. Consultado em 30 de maio de 2020 
  33. «Nelson de Oliveira e Eugênia Zerbini entre os finalistas do 4º Prêmio Kindle de Literatura - Cultura». Estadão. Consultado em 30 de maio de 2020 
  34. «Obras finalistas da 4ª edição do Prêmio Kindle de Literatura são anunciadas - Verso». Diário do Nordeste. Consultado em 30 de maio de 2020 
  35. PublishNews. «Marília Arnaud vence Prêmio Kindle de Literatura com 'O pássaro secreto'». PublishNews. Consultado em 10 de julho de 2021 
  36. «Prêmio Kindle de Literatura - 5ª Edição | Amazon.com.br». www.amazon.com.br. Consultado em 10 de julho de 2021 
  37. «Loja Kindle: Prêmio Kindle de Literatura - 5ª edição na Amazon.com.br». www.amazon.com.br. Consultado em 10 de julho de 2021 

Ligações externasEditar