Prelazia de Alto Xingu-Tucumã

Prelazia de Alto Xingu-Tucumã
Prælatura Territorialis Xinguensis-Tucumensis
Localização
País Brasil
Arquidiocese Metropolitana Arquidiocese de Santarém
Estatísticas
Área 128 291 km²
Informação
Rito Romano
Criação da Diocese 6 de novembro de 2019 (1 ano)
Padroeiro Nossa Senhora Aparecida
Governo da Diocese
Bispo-prelado Jesús María López Mauleón, O.A.R.
Jurisdição Prelazia
dados em catholic-hierarchy.org

A Prelazia do Alto Xingu-Tucumã é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no Brasil. Foi canonicamente erigida aos 6 de novembro de 2019 pelo Papa Francisco, que nomeou como seu primeiro bispo o frade agostiniano Jesús María López Mauleón.[1][2]

FundaçãoEditar

A Prelazia foi criada com o desmembramento de território da então Prelazia do Xingu, ereta no mesmo dia como Diocese de Xingu-Altamira (Tucumã, Ourilândia do Norte e São Félix do Xingu), da Diocese de Marabá (Água Azul do Norte) e da Diocese de Conceição do Araguaia (Bannach e Cumaru do Norte).

JurisdiçãoEditar

É formada pelos municípios de Tucumã (Sede da Prelazia), São Félix do Xingu, Ourilândia do Norte, Bannach, Cumaru do Norte e Água Azul do Norte.

A Prelazia possui 4 Paróquias:

1. Paróquia Nossa Senhora Aparecida (Catedral Prelatícia), em Tucumã (Pará);

2. Paróquia Santa Rita de Cássia, em Ourilândia do Norte;

3. Paróquia São Félix, em São Félix do Xingu;

4. Paróquia São João Batista, em Água Azul do Norte.

CleroEditar

A Prelazia é formada, inicialmente, por um Sacerdote Diocesano, nove Sacerdotes Religiosos e cinco irmãs religiosas que cooperam na pastoral.

BisposEditar

# Nome Período Notas
Bispos
Dom Jesús María López Mauleón, OAR 2019 Primeiro Bispo

Referências

  1. «Territorial Prelature of Xingu» (em inglês). Consultado em 6 de novembro de 2019 
  2. «dom Jesús María López Mauleón, OAR». Arquidiocese de Fortaleza. Consultado em 6 de novembro de 2019