Abrir menu principal

Lista de presidentes da Venezuela

artigo de lista da Wikimedia
(Redirecionado de Presidentes da Venezuela)

O Presidente da República é o chefe de Estado e de Governo da República Bolivariana da Venezuela bem como o Comandante-em-chefe das Forças Armadas do país, sendo o mais alto cargo do Poder Executivo nacional.

Presidente da Venezuela
Presidente da Venezuela
Standard President of Venezuela.png
Estandarte Presidencial
No cargo
Disputado

desde 23 de janeiro de 2019
Residência La Casona
Duração 6 anos, com direito a reeleição
Criado em 5 de março de 1811
Primeiro titular Cristóbal de Mendoza
Sucessão Vice-presidente
Website presidencia.gob.ve

O Presidente é eleito pelo voto popular e deve exercer mandato de seis anos, segundo o estipulado pela Constituição de 1999. O cargo atualmente está em disputa entre Nicolás Maduro e Juan Guaidó, acarretando em uma crise no país desde janeiro de 2019.

São considerados presidentes da Venezuela todos os seus chefes de Estado a partir de sua Independência, em 5 de julho de 1811, sendo, portanto, desconsiderados os representantes do Império Espanhol durante o Período Colonial.

O primeiro presidente foi Cristóbal Mendoza, apontado pelo Primeiro Congresso em 1811, embora o título de Pai da Nação seja usualmente aplicado a Simón Bolívar, o mais proeminente dentre os chamados Libertadores da América.

Lista de presidentes da VenezuelaEditar

Legenda: Partido Socialista Partido Conservador Partido Liberal Independente ou outros FEI Ação Democrática COPEI Convergência e PPT Polo Patriótico
#
(Período)
#
(Presidente)
#
(Presidência)
Imagem Presidente Tempo no poder Via de chegada Profissão
1 1 1   Cristóbal Mendoza, Juan Escalona, Baltasar Padrón 5 de março de 1811 – 21 de marzo de 1812 Triunvirato Executivo eleito pelo primeiro Congresso Advogado / Militar / Fazendeiro (respectivamente)
2 2 2   Francisco de Miranda 3 de abril de 1812 – 25 de julho de 1812 Nomeado pelo Congresso Militar (general)
3 3 3   Simón Bolívar 6 de agosto de 1813 – 7 de julho de 1814 Eleições indiretas - Nomeado chefe civil e militar do Ocidente de Venezuela Militar (general)
4 3 4   Simón Bolívar 6 de maio de 1816 – 17 de fevereiro de 1819 Eleições indiretas - Chefe Supremo da República e seus Exércitos Militar (general)
5 3 5   Simón Bolívar 17 de fevereiro de 1819 – 17 de dezembro de 1819 Eleições indiretas - Presidente de Venezuela Militar (general)
6 3 6   Simón Bolívar 17 de diciembre de 1819 – 25 de novembro de 1829 Eleições indiretas - Como presidente da Gran Colombia Militar (general)
8 4 8   José Antonio Páez 25 de novembro de 1829 – 6 de maio de 1830 Presidente provisório designado pela Assembleia de San Francisco Militar (general)
9 4 9   José Antonio Páez 6 de maio de 1830 – 24 de março de 1831 Presidente de Venezuela designado pelo Congresso de Valência Militar (general)
10 4 10   José Antonio Páez 24 de março de 1831 – 20 de janeiro de 1835 Eleições indiretas Militar (general)
11 5 10   Andrés Narvarte 20 de janeiro de 1835 – 9 de fevereiro de 1835 Presidente interino Advogado / Político
12 6 11   José María Vargas 9 de fevereiro de 1835 – 9 de julho de 1835 Eleições indiretas Médico
13 7 11   José María Carreño 27 de julho de 1835 – 20 de agosto de 1835 Presidente interino Militar (general)
14 6 11   José María Vargas 20 de agosto de 1835 – 24 de abril de 1836 Restituição Médico
15 5 11   Andrés Narvarte 24 de abril de 1836 – 20 de janeiro de 1837 Presidente interino Advogado / Político
16 7 11   José María Carreño 20 de janeiro de 1837 – 11 de março de 1837 Presidente interino Militar (general)
17 8 11   Carlos Soublette 11 de março de 1837 – 1 de fevereiro de 1839 Presidente interino Militar (general)
18 5 12   José Antonio Páez 1 de fevereiro de 1839 – 20 de janeiro 1843 Eleições indiretas Militar (general)
19 12   Santos Michelena 20 de janeiro de 1843 – 28 de janeiro 1843 Presidente interino Político / Diplomata
20 8 13   Carlos Soublette 28 de janeiro de 1843 – 20 de janeiro de 1847 Eleições indiretas Militar (general)
21 13   Diego Bautista Urbaneja 20 de janeiro de 1847 – 1 de março de 1847 Presidente interino Advogado / Militar
22 9 14   José Tadeo Monagas 1 de março de 1847 – 20 de janeiro de 1851 Eleições indiretas Militar (general)
23 14   Antonio Leocadio Guzmán 20 de janeiro de 1851 – 5 de fevereiro de 1851 Presidente interino Político / Jornalista
24 10 15   José Gregorio Monagas 5 de fevereiro de 1851 – 20 de janeiro de 1855 Eleições indiretas Militar (general)
25 15   Joaquín Herrera 20 de janeiro de 1855 – 31 de janeiro de 1855 Presidente interino Militar
26 9 16   José Tadeo Monagas 31 de janeiro de 1855 – 15 de março de 1858 Eleições indiretas Militar (general)
27 11 16   Pedro Gual Escandon 15 de março de 1858 – 18 de março de 1858 Presidente provisório Advogado
28 12 17   Julián Castro 18 de março de 1858 – 2 de agosto de 1859 Golpe de Estado Militar (general)
20 11 11   Pedro Gual Escandon 2 de agosto de 1859 – 29 de setembro de 1859 Presidente provisório Advogado
21 13 12   Manuel Felipe de Tovar 29 de setembro de 1859 – 20 de maio de 1861 Golpe de Estado;
Eleições diretas (1860) (segundo período)
Político
22 11 11   Pedro Gual Escandon 20 de maio de 1861 – 29 de agosto de 1861 Presidente provisório Advogado
23 5 4   José Antonio Páez 29 de agosto de 1861 – 15 de junho 1863 Ditadura Militar (general)
24 14 13   Juan Crisóstomo Falcón 15 de junho de 1863 – 18 de março de 1865 Vitória da Guerra Federal (primeiro período) Militar (general)
25 14 13   Juan Crisóstomo Falcón 18 de março de 1865 – 25 de abril de 1868 Eleições indiretas (segundo período) Militar (general)
26 15 14   Manuel Ezequiel Bruzual 25 de abril de 1868 – 28 de junho de 1868 Presidente provisório Militar
27 16 15   Guillermo Tell Villegas 28 de junho de 1868 – 20 de fevereiro de 1869 Presidente provisório Advogado / Militar
28 17 16   José Ruperto Monagas 20 de fevereiro de 1869 – 16 de abril de 1870 Revolução Azul Militar (general)
29 16 15   Guillermo Tell Villegas 16 de abril de 1870 – 27 de abril de 1870 Presidente provisório Advogado / Militar
30 18 17   Antonio Guzmán Blanco 27 de abril de 1870 – 20 de fevereiro de 1873 Revolução de abril (primeiro período) Advogado / Militar (general)
31 18 17   Antonio Guzmán Blanco 20 de fevereiro de 1873 – 27 de fevereiro de 1877 Eleições indiretas (segundo periodo) Advogado / Militar (general)
32 19 18   Francisco Linares Alcántara 27 de fevereiro de 1877 – 30 de novembro de 1878 Eleições indiretas Militar (general)
33 20 19   José Gregorio Valera 30 de novembro de 1878 – 26 de fevereiro de 1879 Presidente provisório Militar (general)
34 18 17   Antonio Guzmán Blanco 26 de fevereiro de 1879 – 12 de maio de 1880 Eleição pelos Estados Federais Advogado / Militar (general)
35 18 17   Antonio Guzmán Blanco 12 de maio de 1880 – 1882 Eleição pelos Estados Federais Advogado / Militar (general)
36 18 17   Antonio Guzmán Blanco 1882 – 26 de abril de 1884 Eleição pelos Estados Federais Advogado / Militar (general)
37 21 19   Joaquín Crespo 26 de abril de 1884 – 15 de setembro de 1886 Eleição pelos Estados Federais Militar (general)
38 18 17   Antonio Guzmán Blanco 15 de setembro de 1886 – 8 de agosto de 1887 Eleição pelos Estados Federais Advogado / Militar (general)
39 22 20   Hermógenes López 8 de agosto de 1887 – 2 de julho de 1888 Presidente interino Militar (general)
40 23 21   Juan Pablo Rojas Paúl 2 de julho de 1888 – 19 de março de 1890 Eleição pelos Estados Federais Advogado
41 24 28   Raimundo Andueza Palacio 19 de março de 1890 – 17 de junho de 1892 Eleição pelos Estados Federais Advogado
42 16   Guillermo Tell Villegas 17 de junho de 1892 – 31 de agosto de 1892 Presidente provisório Advogado / Militar
43 16   Guillermo Tell Villegas Pulido 31 de agosto de 1892 – 7 de outubro de 1892 Presidente provisório Advogado
44 21 29   Joaquín Crespo 7 de outubro de 1892 – 14 de março de 1894 Revolução Legalista Militar (general)
45 22 30   Manuel Guzmán Álvarez novembro de 1893 – 14 de março de 1894 Revolução Legalista Presidente do Conselho de Governo Militar (general)
46 21 31   Joaquín Crespo 14 de março de 1894 – 28 de fevereiro de 1898 Eleições diretas (1894) Militar (general)
47 25 32   Ignacio Andrade 28 de fevereiro de 1898 – 20 de outubro de 1899 Elecciones diretas (1897) Político
48 26 32   Cipriano Castro 20 de outubro de 1899 – 19 de dezembro de 1908 Revolução Liberal Restauradora Militar (general)
49 27 33   Juan Vicente Gómez 19 de dezembro de 1908 – 5 de agosto de 1913 Golpe de Estado de 1908 Militar (general)
50 28   José Gil Fortoul 5 de agosto de 1913 – 19 de abril de 1914 Presidente provisório Advogado
51 29 120px Victorino Márquez Bustillos 19 de abril de 1914 – 1922 Presidente provisório Advogado
52 27 33   Juan Vicente Gómez 1922 - 30 de maio de 1929 Eleições indiretas Militar (general)
53 30   Juan Bautista Pérez 30 de maio de 1929 – 13 de junho de 1931 Eleição pelo Congresso Nacional Advogado / Magistrado
54 27 33   Juan Vicente Gómez 13 de junho de 1931 – 17 de dezembro de 1935 Eleição pelo Congresso Nacional Militar (general)
55 31 34   Eleazar López Contreras 18 de dezembro de 1935 – 30 de junho de 1936 Presidente interino (primer periodo) Militar (general)
56 31 35   Eleazar López Contreras 30 de junho de 1936 – 5 de maio de 1941 Eleições indiretas (segundo periodo) Militar (general)
57 32 36 Isaías Medina Angarita 5 de maio de 1941 – 18 de outubro de 1945 Eleições indiretas Militar (general)
58 33 37   Rómulo Betancourt 19 de outubro de 1945 – 17 de fevereiro de 1948 Golpe de Estado Político
59 34 38 Rómulo Gallegos 17 de fevereiro de 1948 – 24 de novembro de 1948 Eleições diretas (1947) Escritor / Romancista
60 35 39   Carlos Delgado Chalbaud 24 de novembro de 1948 – 13 de novembro de 1950 Golpe de Estado de 1948 Engenheiro / Militar
61 36 40   Germán Suárez Flamerich 27 de novembro de 1950 – 2 de dezembro de 1952 Designado presidente pela Junta Militar de 1948 Advogado
62 37 41 Marcos Pérez Jiménez 2 de dezembro de 1952 – 19 de abril de 1953 Presidente provisório (golpe de Estado) Militar (general)
63 37 41 Marcos Pérez Jiménez 19 de abril de 1953 – 23 de janeiro de 1958 Eleito pela Assembleia Nacional Constituinte Militar (general)
64 38 42 Wolfgang Larrazábal 23 de janeiro de 1958 – 14 de novembro de 1958 Golpe de Estado de 1958 (Junta Cívico-Militar de Governo) Militar (almirante)
65 39 43 120px Edgar Sanabria 14 de novembro de 1958 – 13 de fevereiro de 1959 Presidente interino Advogado
66 33 44   Rómulo Betancourt 13 de fevereiro de 1959 – 13 de março de 1964 Eleições diretas (1958) Político
67 40 45 120px Raúl Leoni 13 de março de 1964 – 11 de março de 1969 Eleições diretas (1963) Advogado
68 41 46   Rafael Caldera 11 de março de 1969 – 12 de março de 1974 Eleições directas (1968) Advogado
69 42 47   Carlos Andrés Pérez 12 de março de 1974 – 12 de março de 1979 Eleições diretas (1973) Político
70 43 48 Luis Herrera Campins 12 de março de 1979 – 2 de fevereiro de 1984 Eleições diretas (1978) Advogado
71 44 49   Jaime Lusinchi 2 de fevereiro de 1984 – 2 de fevereiro de 1989 Eleições diretas (1983) Médico
70 42 50   Carlos Andrés Pérez 2 de fevereiro de 1989 – 21 de maio de 1993 Eleições diretas (1988) Político
71 45   Octavio Lepage 21 de maio de 1993 – 5 de junho de 1993 Presidente interino Advogado / Político
72 46 51   Ramón José Velásquez 5 de junho de 1993 – 2 de fevereiro de 1994 Designado presidente constitucional pelo Congresso Escritor
73 41 52   Rafael Caldera 2 de fevereiro de 1994 – 2 de fevereiro de 1999 Eleições diretas (1993) Advogado
74 47 53   Hugo Chávez 2 de fevereiro de 1999 – 10 de janeiro de 2001 Eleições diretas (1998) Militar (tenente coronel)
75 47 54   Hugo Chávez 10 de janeiro de 2001 – 12 de abril de 2002 Eleições diretas (2000) Militar (tenente coronel)
76 48 54   Pedro Carmona Estanga[nota 1] 12 de abril de 2002 – 13 de abril de 2002 Golpe de Estado de 2002 Empresário
(Fedecámaras)
77 49 54   Diosdado Cabello[nota 2] 13 de abril de 2002 – 14 de abril de 2002 Presidente interino (instalado como presidente após golpe ) Militar, político e engenheiro
75 47 54   Hugo Chávez 14 de abril de 2002 – 10 de janeiro de 2007 Reposto como presidente constitucional de Venezuela Militar (tenente coronel)
76 47 55   Hugo Chávez 10 de janeiro de 2007 – 10 de janeiro de 2013 Eleições diretas (2006) Militar (tenente coronel)
77 47 56   Hugo Chávez 10 de janeiro de 2013 - 5 de março de 2013 Eleições diretas (2012) Militar (tenente coronel)
78 50 57   Nicolás Maduro

[1][2]

5 de março de 2013 - presente[nota 3] Eleições diretas (2013) Político, Dirigente Sindical

Ver tambémEditar

Notas

  1. Hugo Chávez foi derrubado por Pedro Carmona devido a um golpe de estado, por um período de 47 horas (entre 12 de abril e 13 de abril de 2002).
  2. Após o derrube de Carmona, o vice-presidente de Hugo Chávez, Diosdado Cabello assume o poder temporariamente para restaurar a ordem constitucional.
  3. Desde a posse de Maduro para o seu segundo mandato, em 10 de janeiro de 2019, o cargo está sendo disputado entre ele e o presidente da Assembléia Nacional, o oposicionista Juan Guaidó.[3]

Referências