Projecto Zveno

Zveno (em Russo: Звено) foi um projecto de aeronaves parasitas desenvolvido na União Soviética, durante os anos 30, pelo engenheiro aeronáutico Vladimir Vakhmistrov.[1] Consistia numa nave-mãe Tupolev TB-1 ou Tupolev TB-3 que levava consigo entre dois a cinco caças.[2] Dependendo da variante, os caças eram lançados a partir do bombardeiro ou recolhidas pelo bombardeiro, assim como poderiam reabastecer através do bombardeiro.

Zveno-1: Tupolev TB-1 e dois Tupolev I-4.
Zveno-2: Tupolev TB-3 e três Polikarpov I-5. Também é visível a rampa para carregar os caças. A aeronave central foi içada ao topo da fuselagem manualmente.
TB-3 transportando um Grigorovich I-Z sob sua fuselagem
TB-3 transportando dois Polikarpov I-16 sob suas asas.

Durante a fase inicial da guerra entre a Alemanha Nazi e a União Soviética, uma força composta por um TB-3 e dois Polikarpov I-16, cada um armado com duas bombas de 250 kg, foi usada durante a guerra, alcançando bons resultados operacionais contra alvos estratégicos na Roménia.[3] Esta foi, até hoje, a única vez na história que caças parasitas foram usados em batalha.

Referências

  1. 22, May. «Project Zveno, military plane». Mandatory. Consultado em 9 de outubro de 2015. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  2. «Composite & parasite aircraft: Zveno». aerostories.free.fr. Consultado em 9 de outubro de 2015 
  3. «Vakhmistrov Zveno». www.aviation-history.com. Consultado em 9 de outubro de 2015