Abrir menu principal
Como ler uma infocaixa de taxonomiaDamasqueiro
Alperces
Alperces
Classificação científica
Reino: Plantae
Clado: Angiospérmicas
Clado: Eudicotiledôneas
Clado: Rosídeas
Ordem: Rosales
Família: Rosaceae
Género: Prunus
Subgénero: Prunus
Secção: Armeniaca
Espécie: P. armeniaca
Nome binomial
Prunus armeniaca
L.
Sinónimos[1][2]
  • Amygdalus armeniaca (L.) Dumort.
  • Armeniaca ansu (Maxim.) Kostina
  • Armeniaca vulgaris Lam.
  • Prunus ansu (Maxim.) Kom.
  • Armeniaca holosericea (Batalin) Kostina
  • Armeniaca armeniaca (L.) Huth

O damasqueiro (Prunus armeniaca, "ameixa arménia" em latim, sinônimo Armeniaca vulgaris) é uma árvore da família das rosáceas que atinge de 3 a 10 metros de altura. Possui folhas cordiformes ou ovadas, serreadas e com o pecíolo vermelho; flores solitárias ou geminadas, róseas ou brancas; e drupas subglobosas, com um sulco mediano característico, amarelas ou alaranjadas, com polpa carnuda e sumarenta.

É conhecida no norte da China desde 2000 a.C., sendo muito cultivada em vários países, com inúmeros híbridos e variedades, principalmente devido à sua madeira dura e ao seu fruto, o damasco (também chamado de apricó, abricó, abricô, abricoque, abricote, alberge, albricoque, alpece, alperce e alperche), comestível ao natural e internacionalmente consumido como fruta seca e em doces.

Diccionario de botanica brasileiraEditar

O Diccionario de botanica brasileira (1873) dá a seguinte descrição: árvore média, de flores brancas, os frutos são carnosos indeiscentes de 9 a 12 centímetros de diâmetro, redondos, amarelos, comestíveis quando maduros, aromáticos, mas não de agradável cheiro; o epicarpo pouco espesso, um tanto peludo e com um sulco lateral ; a massa um tanto seca e amarela, envolve uma noz. Cultiva-se esta planta nas províncias do Sul do Império.[3]

A amêndoa do damascoEditar

 Ver artigo principal: Amêndoa de alperce
 
Sementes de damasqueiro

A amêndoa do alperce, ou seja, o miolo do caroço (a semente) e, por vezes também do pêssego, chamada em italiano armellina, é usada em culinária para substituir ou reforçar o sabor da amêndoa amarga, por exemplo, na confeção dos biscoitos amaretti.[4] É, também, usada no fabrico dos licores franceses "Noyau de Poissy".[5]

GaleriaEditar

O Wikispecies tem informações sobre: Damasqueiro
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Damasqueiro
 
O Wikcionário tem o verbete damasco.


Referências

  Este artigo sobre plantas é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.