Abrir menu principal

Ptolemeu (filho de Seleuco)

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Ptolemeu, veja Ptolemeu (desambiguação).
Ptolemeu
Nascimento Século IV a.C.
Morte 332 a.C.
Ocupação militar

Ptolemeu (? — 333 a.C.), filho de Seleuco, foi um general de Alexandre, o Grande, e seu guarda-costas.[1]

Alexandre, quando estava na Lícia e Panfília, como alguns de seus oficiais haviam se casado pouco antes do início da expedição, enviou-os de volta à Macedônia para passar o inverno com suas esposas. Os comandantes desta tropa, que também haviam casado recentemente, foram Ptolemeu, filho de Seleuco, Ceno, filho de Polemócrates e Meleagro, filho de Neoptólemo. Outra missão para esta tropa foi trazer trazer todos os cavalos e soldados que pudessem.[1]

Esta tropa se reencontrou com Alexandre em Górdio, e passou a ser formada por 3000 soldados de infantaria macedônia, 300 cavaleiros, 200 cavaleiros trácios e 150 soldados de Eleia, estes sob o comando de Alcias de Eleia.[2]

Ptolemeu tombou na Batalha de Isso, lutando bravamente, junto com outros cento e vinte macedônios.[3] Em seu lugar, como comandante da brigada, Alexandre apontou Poliperconte, filho de Símias.[4]

Segundo alguns autores,[quem?] Ptolemeu era irmão de Antíoco, o pai de Seleuco I Nicátor.

Referências

  1. a b Arriano, Anábase, 1.24, Alexandre na Lícia e Panfília [em linha]
  2. Arriano, Anábase, 1.29, Alexandre na Frígia [em linha]
  3. Arriano, Anábase, 2.10, Batalha de Isso [em linha]
  4. Arriano, Anábase, 2.12, O tratamento gentil da família de Dario [em linha]