Abrir menu principal

Queiroz

município brasileiro do estado de São Paulo
Queiroz
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Queiroz
Bandeira
Hino
Gentílico queirozense
Localização
Localização de Queiroz em São Paulo
Localização de Queiroz em São Paulo
Queiroz está localizado em: Brasil
Queiroz
Localização de Queiroz no Brasil
Mapa de Queiroz
Coordenadas 21° 47' 56" S 50° 14' 24" O
País Brasil
Unidade federativa São Paulo
Municípios limítrofes Tupã, Herculândia, Getulina, Luiziânia, Alto Alegre, Pompeia, Arco Íris
Distância até a capital 543 km
História
Fundação 28 de março de 1964 (55 anos)
Administração
Prefeito(a) Ana Virtudes Miron Soler (PV, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 235,496 km²
População total (Censo IBGE/2010[2]) 2 808 hab.
Densidade 11,92 hab./km²
Clima Não disponível
Altitude 431 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 17590-000
Indicadores
IDH (PNUD/2000[3]) 0,73 alto
PIB (IBGE/2008[4]) R$ 101 027,250 mil
PIB per capita (IBGE/2008[4]) R$ 35 939,97

Queiroz[nota 1] é um município brasileiro do estado de São Paulo. Localiza-se a uma latitude 21º47'56" sul e a uma longitude 50º14'25" oeste, estando a uma altitude de 431 metros. Sua população estimada em 2004 era de 2 292 habitantes. Possui uma área de 235,496 km².

HistóriaEditar

Em maio de 1938, Joaquim Ferreira Gandra, procurador de Heitor Ferreira Gandra, tomou a iniciativa de desmembrar a fazenda Paiquerê, esta desmembrada da fazenda Guatuporanga, um lote de terra com a área de 58 alqueires, compreendido entre os rios Caingangs, Aguapeí e Tibiriçá, dois quais 10 alqueires seriam para a fundação de um patrimônio. Esta área foi desmembrada do Distrito de Paz de Novo Cravinhos, da comarca de Marília. O terreno foi loteado e vendido à prestação cuja finalidade era de se estabelecer um pequeno centro comercial para a serventia da zona agrícola que na época já era bastante desenvolvida.

A escolha do nome Queiroz[nota 1]deve-se ao fato de na época a Fazenda Paiquerê ser dos proprietários da firma Queiroz Ferreira & Cia Ltda, pois essa firma acolhia grande número de trabalhadores que chamavam o pequeno núcleo de Vila Queiroz. O primeiro nome foi Queirozópolis e posteriormente de Vila Queiroz.

O povoado tornou-se distrito de paz em 19 de maio de 1938 e, pouco mais de seis anos depois, foi elevada a categoria de Distrito Administrativo pelo Decreto - Lei n.º 14.334 de 30 de novembro de 1944.

Através deste mesmo diploma legal, Queiroz[nota 1]foi incorporada ao município de Pompeia, vindo a desmembrar-se em 30 de dezembro de 1953, através da lei n.º 2.456.

Com base na Constituição Federal promulgada em 18 de setembro de 1946, a mais liberal quanto à formação de municípios, Queiroz obteve a sua autonomia em 28 de fevereiro de 1964, conforme determinação da Lei n.º8.092, na Comarca de Pompeia. O município foi instalado em 28 de março de 1965.

GeografiaEditar

Solo árido, suavemente ondulado, com declives.

Os solos prestam para a agricultura, exigindo práticas conservacionistas.

O clima da região apresenta inverno seco sendo que no verão as chuvas são frequentes, porém breves. A umidade relativa média do ar é de 75%

Clima: temperado Temperatura máxima: 37º Temperatura mínima: 16º

DemografiaEditar

Dados do Censo - 2000

População total: 2.171

  • Urbana: 1.659
  • Rural: 512
  • Homens: 1.115
  • Mulheres: 1.056

Densidade demográfica (hab./km²): 9,17

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 16,52

Expectativa de vida (anos): 70,87

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,23

Taxa de alfabetização: 80,90%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,730

  • IDH-M Renda: 0,631
  • IDH-M Longevidade: 0,765
  • IDH-M Educação: 0,795

(Fonte: IPEADATA)

Dados do Censo 2010

  • Total da polulação: 2.808
  • Homens: 1.424
  • Mulheres: 1.384
  • População urbana: 2.385
  • População rural: 423

Fonte: IBGE

HidrografiaEditar

RodoviasEditar

  • SP-383
  • Rodovia vicinal Francisco Curci: liga o município à cidade de Pompeia/SP.

Ônibus intermunicipaisEditar

  • Guerino Seiscento Transportes Ltda

Linhas:

  • Queiroz - Lins

Horários: 06:30 13:20 17:00

  • Queiroz - Tupã

Horários: 07:30 13:30 17:30

  • Queiroz - Luiziânia

Horários: 07:30 13:30 18:30

  • Queiroz - Pompeia

Horários:

ComunicaçõesEditar

A cidade era atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[5], que construiu a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica[6], sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo[7] para suas operações de telefonia fixa.

AdministraçãoEditar

  • [Prefeito]: Walter Rodrigo da Silva (2013 a 2016)
  • Vice-prefeito:Profª Ana Virtudes Miron Soler
  • [[Presidente da câmara de vereadores: Nilson dos Santos (2015 a 2016)

Notas

  1. a b c

Referências

  1. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) 
  6. «Nossa História». Telefônica / VIVO 
  7. GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1 

Ligações externasEditar