Abrir menu principal

RPC Ponta Grossa

emissora de televisão brasileira de Ponta Grossa, PR
(Redirecionado de RPC TV Esplanada)
RPC Ponta Grossa
TV Esplanada do Paraná Ltda.
Ponta Grossa, Paraná
Brasil
Tipo Comercial
Canais Digital: 42 UHF
Virtual: 7 PSIP
Outros canais ver mais
Analógico:
7 VHF (1971-2018)
Sede Bandeira ponta grossa.png Ponta Grossa, PR
Slogan Vamos juntos
Rede RPC (Globo)
Rede(s) anterior(es) Rede Tupi (1971-1980)
Rede Bandeirantes (1980-1992)
Fundador(es) Cosntâncio Mendes
Wallace Pina
Pertence a GRPCOM
Proprietário(s) Guilherme Cunha Pereira
Antigo(s) proprietário(s) Constâncio Mendes (1971-1980)
Wallace Pina (1971-1980)
Pedro Wosgrau Filho (1980-1992)
Francisco Cunha Pereira Filho (1992-2009)
Edmundo Lemanski (1992-2010)
Presidente Guilherme Cunha Pereira
Fundação 17 de abril de 1972 (47 anos)
Prefixo ZYB 394
Nome(s) anterior(es) TV Esplanada (1971-2000)
RPC TV Esplanada (2000-2010)
RPC TV Ponta Grossa (2010-2014)
Cobertura CobertRPC.png
Área de cobertura da emissora, em turquesa
Coord. do transmissor 25° 5' 19.7" S 50° 9' 32.2" O
Potência 5 kW
Agência reguladora ANATEL
Informação de licença
CDB
PDF
Página oficial redeglobo.globo.com/rpc

RPC Ponta Grossa é uma emissora de televisão brasileira sediada em Ponta Grossa, cidade do estado do Paraná. Opera no canal 7 (42 UHF digital), e é afiliada à Rede Globo. É uma das emissoras próprias da RPC e gera sua programação para os Campos Gerais e sul do Paraná. Seus estúdios estão localizados no bairro Boa Vista, e seus transmissores estão no Centro.

HistóriaEditar

Os passos iniciais para a implantação da primeira emissora de televisão de Ponta Grossa foram dados em outubro de 1966, quando os empresários Constâncio Mendes e Wallace Pina receberam a outorga do canal 7 VHF. Por problemas financeiros, a emissora só começou a sair do papel em 24 de dezembro de 1971, quando foi feita sua primeira transmissão experimental. A TV Esplanada foi inaugurada oficialmente em 17 de abril de 1972, às 16 horas, em uma solenidade que contou diversas autoridades do município, como o prefeito Cyro Martins, que descerrou simbolicamente a fita inaugural, e o bispo Dom Geraldo Pellanda, que batizou as instalações.[1]

Inicialmente funcionava das 16h até 0h30, retransmitindo a programação da Rede Tupi e inserindo pequenos programas jornalísticos e esportivos locais que juntos somavam cerca de 15 minutos de duração. A Tupi viria a fechar as portas em 18 de julho de 1980, e a TV Esplanada então tornou-se afiliada à Rede Bandeirantes, que já despontava como rede nacional desde o fim da década de 1970. Nesta mesma época, Pedro Wosgrau Filho, que fazia parte do condomínio acionário que inaugurou a emissora, assume o controle do canal.[1]

Em 1992, a TV Esplanada é adquirida pelo Grupo Paranaense de Comunicação, e torna-se uma componente da Rede Paranaense. A emissora então deixa a Rede Bandeirantes e torna-se afiliada à Rede Globo. Em 2000, passa a se chamar RPC TV Esplanada, adotando o novo nome da rede estadual, RPC TV, nomenclatura que durou até 2010, quando passou a usar o nome da cidade.

Sinal digitalEditar

Canal virtual Canal digital Proporção de tela Programação
7.1 42 UHF 1080i Programação principal da RPC Ponta Grossa / Globo

A emissora iniciou suas transmissões digitais em caráter experimental no mês de agosto de 2012, pelo canal 42 UHF, sendo a primeira emissora de Ponta Grossa a operar na nova tecnologia. Em 11 de dezembro, a emissora lançou oficialmente seu sinal digital, com um evento realizado na sede da emissora.[2] Seus programas passaram a ser produzidos em alta definição a partir de 28 de maio de 2014.[3]

Transição para o sinal digital

Com base no decreto federal de transição das emissoras de TV brasileiras do sinal analógico para o digital, a RPC Ponta Grossa, bem como as outras emissoras de Ponta Grossa, cessou suas transmissões pelo canal 07 VHF em 31 de janeiro de 2018, seguindo o cronograma oficial da ANATEL.[4]

ProgramaçãoEditar

Além de retransmitir a programação nacional da Rede Globo, a RPC Ponta Grossa produz os seguintes programas:

  • Meio Dia Paraná: Telejornal, com Evandro Harenza (bloco local);
  • Boa Noite Paraná: Telejornal, com Caroline Mafra;
Retransmitidos da RPC Curitiba

RetransmissorasEditar

Lista de retransmissoras
Cidade Analógico Digital Cidade Analógico Digital Cidade Analógico Digital Cidade Analógico Digital
Alto do Amparo (Tibagi) 10 - Arapoti 47 - Caetano Mendes (Tibagi) 10 - Carambeí - 07 (42)
Castro 10 42 Guamiranga - 24 Ibaiti 23 - Imbaú 12 -
Imbituva - 07 (42) Ipiranga 48 - Ivaí 19 - Jaguariaíva 13/20 -
Japira 23 - Mallet 47 - Palmeira - 36 (29) Paulo Frontin 38 -
Piraí do Sul 19 - Reserva 42 - Salto do Itararé 05 - Santana do Itararé 13 -
São Mateus do Sul 10 03 (29) Sengés 13 - Siqueira Campos 10 - Telêmaco Borba 11 42
Tibagi 56 - Ventania 30 - Wenceslau Braz 33 42*
* - Em implantação

Referências

  1. a b FERREIRA DA COSTA, Osmani (2015). Televisão e política. Uma história dos canais e redes de TV no Paraná (1954-1985). Londrina: EDUEL. 334 páginas. ISBN 9788572167185 
  2. «Ponta Grossa e Campos Gerais passam a contar com o sinal digital no dia 11». RPC. 6 de dezembro de 2012. Consultado em 19 de agosto de 2018 
  3. «RPC Ponta Grossa estreia telejornais locais em alta definição». RPC. 28 de maio de 2014. Consultado em 29 de maio de 2014 
  4. «Sinal analógico será desligado amanhã em Curitiba e mais 26 municípios do Paraná». ISTOÉ. 28 de novembro de 2017. Consultado em 19 de agosto de 2018 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar