Radu I da Valáquia

(Redirecionado de Radu I)
Radu I
Príncipe da Valáquia
Radu I e a esposa, Ana
Reinado 9 de Julho de 1374 ou 7 de Junho de 1377– Entre 1 de Janeiro e 31 de Agosto de 1383
Consorte Ana, Isabel Ana Calea
Antecessor(a) Ladislau I
Sucessor(a) Dan I
Dinastia Bassarabe
Nascimento 1330
  Valáquia
Morte Entre 1 de Janeiro e 31 de agosto de 1383
  Valáquia
Filho(s) Dan I
Mircea I
Staico
Pai Nicolau Alexandre
Mãe Maria Lackfy

Radu I, em romeno, Radu I (1330 - 1383) foi um Príncipe da Valáquia, e membro da dinastia Bassarabe, como filho de Nicolau Alexandre da Valáquia e da sua esposa Maria Lackfy, sendo meio-irmão de Ladislau I. Radu sobe ao poder após 9 de Julho de 1374, altura do último documento que atesta o seu irmão Ladislau como ainda vivo. Não há referências internas do seu reinado, embora haja algumas referências externas, como documentos do Reino da Hungria, uma crónica italiana contemporânea que o menciona, uma inscrição nas paredes da Catedral de Curtea de Argeș, e algumas moedas emitidas pelo príncipe. As relações com a Hungria estavam tensas, visto que Radu se recusava a servir o seu suserano, o rei Luís I da Hungria, mantendo-se-lhe infiel, o que resultou num conflito armado. Estas relações estão confirmadas nos registos da República de Veneza. Radu é considerado um dos príncipes mais ativos da História da Valáquia, visto que construiu um grande número de igrejas, como a de Tismana, o mosteiro de Cozia e o de Cotmeana, sendo este último o mais importante. Foram construídas também as Catedrais de de Severin (c. 1380) e Arges. (9 de Maio de 1381) e o Mosteiro católico de Târgoviște. Um evento importante que decorreu no seu reinado foi a trasladação dos restos de Santa Filofteia de Veliko Tarnovo (Bulgária) para Arges. O acontecimento ocorreu em c.1384, e é representado na Catedral de Arges, que passou a ser o edifício protetor da santa.

Uma inscrição em Arges refere Radu como:„domn singur stăpânitor al Ungrovlahiei, al Vidinului și al oblastiei Vidinului“ ("governador de Ungrovlaia, Vidin e o Oblast de Vidin"). É um facto que as relações de Radu comos Czarados Búlgaros de Tarnovo e Vidin eram tensas, visto que o seu irmão Ladislau tentara conquistar o Czarado de Vidin., mas depois acabara por devolvê-lo ao seu governante de direito. É possível que tenha acontecido o mesmo com Radu, mas esta teoria carece de provas.

A data exata da morte de Radu não é de todo conhecida, assim como a sua sepultura. Com as investigações arqueológicas feitas em 1920, foi encontrada uma sepultura bastante rica, datadado final do seculo XV, que se crê ser de Radu, o que mostra que, na sua época, a corte valaquiana de Radu era uma das mais ricas da Europa, não tendo distinção ou qualquer comparação com as cortes contemporâneas da Europa Ocidental ou do Império Bizantino.

Casamento e descendênciaEditar

Do seu primeiro casamento com Ana (m. 1354 ou 1355, Radu teve:

Do seu segundo casamento, em c. 1354 ou 1355, com Isabel Ana Calea, teve:

BibliografiaEditar

  • (em romeno) Constantin C.Giurescu & Dinu C.Giurescu Istoria Romanilor volume II (1352-1606) . Editura Stcintifica si Enciclopedica Bucareste (1976) p. 30-34.


Precedido por
Ladislau I
Príncipe da Valáquia
1377 - 1383
Sucedido por
Dan I